Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17154
Título: Biologia reprodutiva e considerações sobre parasitismo em Lucina pectinata (Mollusca: Bivalvia) em um estuário tropical
Título em inglês: Reproductive biology and parasitism in Lucina considerations pctinata (Mollusca: Bivalvia) in a tropical estuary
Autor(es): Santana, Lígia Maria Borges Marques
Orientador(es): Barreira, Cristina de Almeida Rocha
Palavras-chave: Ecologia
Maturação sexual
Histologia
Brânquias
Trematóides
Estuário do rio Ceará (CE, Brasil)
Data do documento: 2010
Citação: SANTANA, L. M. B. M. (2010)
Resumo: Nos estuários tropicais, naturalmente complexos devido à dinâmica de marés, períodos de precipitação pluviométrica atuam como distúrbio intermediário. As características ambientais são imprescindíveis na história de vida da biota da região, resultando no estabelecimento de padrões de reprodução ou interferindo no metabolismo dos organismos podendo torná-los mais suscetíveis ao acometimento por parasitas. O bivalve Lucina pectinata (Gmelin, 1791), apesar de apreciado no litoral brasileiro, foi pouco estudado no país até o momento. Este trabalho teve como objetivo caracterizar a biologia reprodutiva de Lucina pectinata (Mollusca: Bivalvia, Lucinidae) do estuário do rio Ceará, Fortaleza, CE, Brasil, e efetuar considerações sobre parasitismo por trematóides nesta população, em função das variações ambientais do local. Os exemplares coletados tiveram as gônadas e brânquias analisadas histologicamente. Para determinar a maturação sexual dos indivíduos, empregou-se escala gametogênica com quatro estádios de desenvolvimento gonadal. Lucina pectinata apresentou ciclo reprodutivo contínuo, com picos de desova na estação seca. O nível de parasitismo na população foi baixo, e a mesma não está sendo prejudicada pela presença de parasitas. Observaram-se semelhança das variáveis abióticas do local durante a mesma estação, distinguindo-se nitidamente os períodos secos dos chuvosos. O distúrbio pluviométrico é discutido como fator regulador da população de Lucina pectinata, contribuindo tanto para sua renovação quanto para controlar a incidência dos parasitas trematóides.
Abstract: In tropical estuaries, environments naturally complex due to the tides´s dynamics, the rainfall periods act as an intermediate disturbance. The environmental characteristics are important in the biota’s life history of the region, resulting in the establishment of reproduction patterns or interfering at organisms metabolism making them more susceptible to being affected by parasites. The bivalve Lucina pectinata (Gmelin, 1791), although appreciated in the Brazilian coast, was little studied in the country so far. This study aimed to characterize the reproductive biology of Lucina pectinata (Mollusca: Bivalvia, Lucinidae) from the Ceará river estuary, Fortaleza, CE, Brazil, and make considerations on trematode parasitism in this population, according to local environmental variations. Specimens collected had the gonads and gills assessed histologically. To determine the individuals sexual maturity, was employed gametogenic scale with four stages of gonadal development. Lucina pectinata presented continuous reproductive cycle, with peak spawning at dry season. The level of parasitism in the population was low, and the same is not being affected by the presence of parasites. Were observed proximity of the abiotic variables during the same season, distinguishing clearly the dry periods of rainy. Disturbance rainfall is discussed as a factor regulating the population of Lucina pectinata, contributing to its renewal and to control the incidence of trematode parasites.
Descrição: SANTANA, Lígia Maria Borges Marques. Biologia reprodutiva e considerações sobre parasitismo em Lucina pectinata (Mollusca: Bivalvia) em um estuário tropical. 2010. 82 f. Dissertação (Mestrado em ecologia e recursos naturais)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2010.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17154
Aparece nas coleções:DBIO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_dis_lmbmsantana.pdf3,25 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.