Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17213
Título: Homens de letras, homens de ciência: discurso raciológico na literatura brasileira em Canaã, de Graça Aranha
Título em inglês: Men of letters, men of science: raciológico speech in Brazilian literature in Canaan, Aranha
Autor(es): BAHIA, Ryanne Freire Monteiro
Orientador(es): SILVA, Isabelle Braz Peixoto da
Palavras-chave: Literature
Immigration
Aranha, Graça, 1868-1931
Raça
Literatura
Identidade nacional
Data do documento: 2016
Citação: BAHIA, R. F. M.; SILVA, I. B. P. (2016)
Resumo: A pergunta de partida que norteia esse estudo é: de que forma o(s) discurso(s) raciológico(s) se expressa(m) na literatura brasileira por meio da obra Canaã (1902) de Graça Aranha? O objetivo geral da tese é perceber os modos de expressão do discurso raciológico na obra supracitada e estabelecer a rede de relações simbólicas e sociais que dialogam direta e indiretamente com sua postura em seu primeiro romance que trata sobre a imigração. De modo mais específico, buscamos: a) Analisar o modo pelo qual Graça Aranha apresenta e discute por meios de suas personagens os temas raça, progresso e civilização, termos-chave para o discurso raciológico brasileiro; b)Perscrutar o lugar social de Graça Aranha, bem como as teorias raciais que influenciaram as "teses" apresentadas em Canaã; c) Explorar o caminho, pelo qual o ideário racial pautou o debate sobre o projeto de Brasil e a identidade do brasileiro; d) Investigar os sentidos do processo de imigração europeia (no caso de Graça Aranha, dos alemães) para o Brasil e a relação entre negros e brancos no início do século XX e início da república da espada. Metodologicamente, realizou-se uma pesquisa documental que teve como instrumento de coleta de dados a análise do discurso qualitativa, seguindo as orientações elementares de Orladi (1988, 1992, 1993) e Foucault (2009). À guisa de conclusão, percebeu-se que a obra literária Canaã apresentou um caleidoscópio de ideias referentes ao discurso comum à época, desde ao super-homem nietzscheniano de Lentz, perpassando às referências raciais da Escola do Recife para discutir, em última instância, a identidade nacional e como esta ficaria afetada pelo fenômeno da imigração estrangeira.
Abstract: The starting question guiding this study is: how the races (s) discourse (s) is expressed (m) in Brazilian literature through the work Canaan (1902) Aranha? The overall aim of the thesis is to realize the racial speech modes of expression in the above work and establish the network of symbolic and social relations that dialogue directly and indirectly with his stance in his first novel which deals with immigration. More specifically, we seek to: a) analyze the way Aranha presented and discussed by means of their characters topics race, progress and civilization, key terms for the Brazilian racial speech; b) Peering social place Aranha and racial theories that influenced the "theses" presented in Canaan; c) Explore the way by which the racial ideology guided the debate on the bill of Brazil and the Brazilian identity; d) To investigate the senses of European immigration process (for Aranha, German) for Brazil and the relationship between blacks and whites in the early twentieth century and the beginning of the sword republic. Methodologically, there was a documentary research that had as data collection instrument to analyze the qualitative speech, following the basic guidelines of Orladi (1988, 1992, 1993) and Foucault (2009). In conclusion, it was realized that the literary work Canaan presented a kaleidoscope of related ideas to the common discourse at the time, since the nietzscheniano superman Lentz, passing to racial references Reef School to discuss, ultimately, the national identity and how this would be affected by foreign immigration phenomenon.
Descrição: BAHIA, Ryanne Freire Monteiro. Homens de letras, homens de ciência: discurso raciológico na literatura brasileira em Canaã, de Graça Aranha. 2016. 233f. – Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Sociologia, Fortaleza (CE), 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17213
Aparece nas coleções:DCSO - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_tese_rfmbahia.pdf9,78 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.