Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1760
Título: A influência da telenovela no uso do preservativo pelos adolescentes masculinos na prevenção do HIV/AIDS
Título em inglês: Influence of soap opera in condom use in the prevention of HIV/AIDS
Autor(es): Dias, Fernanda Lima Aragão
Orientador(es): Pinheiro , Patrícia Neyva da Costa
Palavras-chave: Sindrome de Imunodeficiência Adquirida
Adolescente
Data do documento: 2011
Citação: DIAS, F. L. A. (2011)
Resumo: A adolescência é caracterizada pela necessidade de conhecer mais sobre si e sobre o mundo, nela a sexualidade e o sexo têm destaque. Contudo, esta experimentação sexual está relacionada ao meio social e cultural no qual estes adolescentes estão inseridos. Então, por ser o hábito de assistir a telenovela um costume cultural e social dos adolescentes, pode-se inferir que a telenovela pode exercer influência no comportamento sexual destes indivíduos. Dessa forma, o objetivo foi investigar a influência da telenovela no comportamento sexual dos adolescentes diante da vulnerabilidade à infecção pelo vírus HIV. Trata-se de um estudo caso-controle, de natureza quantitativa, realizado em sete escolas do ensino médio da rede pública e estadual de Fortaleza-CE. A população do estudo foi composta por adolescentes do sexo masculino, matriculados regularmente no ensino médio destas escolas públicas. Selecionou-se a amostra foi selecionada pela aplicação de critérios de inclusão e exclusão quanto ao uso do preservativo masculino nas relações sexuais. Para constituir cada grupo caso e controle com 67 adolescentes do sexo masculino e com faixa etária equivalente se utilizou o método de pareamento. Aplicaram-se dois questionários para coletar os dados durante o período de agosto a novembro de 2010. Para a análise dos dados adotou-se o SPSS versão 16.0. O projeto da pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética sob nº de protocolo 71/10 e aplicou-se o termo de consentimento livre e esclarecido antes da aplicação dos questionários. Os adolescentes apresentaram idade média de 16,79 anos, eram solteiros, estavam cursando o 2º ano do ensino médio, não trabalhavam e apresentaram uma renda familiar de menos de três salários mínimos. Enquanto 45 adolescentes do grupo caso residiam com até duas pessoas que trabalham, 49 do grupo controle residiam com mais de duas pessoas que trabalham (p=0,061). Em média, os adolescentes de ambos os grupos iniciaram a sua vida sexual aos 14,44 anos de idade (p=0,847). Três adolescentes do grupo caso estavam “ficando” com a parceira sexual atual em comparação aos onze do grupo controle, e vinte adolescentes do grupo caso estavam namorando em relação aos 26 do grupo controle (p=0,651). Cinco adolescentes do grupo caso tiveram mais de uma parceira sexual em comparação aos dez do outro grupo (p= 0,025). Motivos como curiosidade (p=0,038) e atração (p=0,038) foram os que mais incentivaram os adolescentes ao início da vida sexual. Os adolescentes do grupo controle (38) assistiam mais às telenovelas da Rede Globo que os do grupo caso (27) (p = 0,057). Sobressaiu a Malhação como a telenovela mais assistida pelos adolescentes do grupo controle (19) seguido pelos do grupo caso (9) (p = 0,034). Segundo quinze adolescentes do grupo controle em comparação aos cinco adolescentes do grupo caso a telenovela influenciou seu comportamento sexual (p = 0,062). Conforme se concluiu, apesar de os adolescentes disporem do mesmo nível socioeconômico e freqüentarem o mesmo tipo de escola, a telenovela contribuiu, preponderantemente, para a prática pelos adolescentes do grupo controle dos seguintes comportamentos de risco: possuir mais de uma parceira sexual e não usar o preservativo masculino em todos os intercursos sexuais com a namorada e com “ficantes”. Isto favoreceu o aumento da sua vulnerabilidade à infecção pelo vírus HIV.
Abstract: Adolescence is characterized by the need of knowing more about themselves and the world, with special reference to sexuality and sex. However, this sexual experimentation is related to the social and cultural environment in which these adolescents are inserted. So, being the habit of watching soap operas a cultural and social habit presented by adolescents, we can assume that soap operas can influence the sexual behavior of adolescents. Thus, the objective was to investigate the influence of soap operas in the sexual behavior of adolescents concerning the vulnerability to HIV infection. This is a case-control study of quantitative approach carried out in seven high schools from the public state net of Fortaleza-CE. The study population was composed of male adolescents who were regularly enrolled in these high schools. The sample was selected through the application of inclusion and exclusion criteria on the use of condoms during sexual intercourse. We used the matching method for each case and control groups with 67 male adolescents with age equivalents. Two questionnaires were applied for data collection, from August to November 2010. For data analysis we used the SPSS version 16.0. The research project was approved by the Ethics Committee under protocol Nº. 71/10 and the free and informed consent was applied before the questionnaires. Adolescents had a mean age of 16.79 years, single, studying in the 2nd year of high school, no job, family income up to three minimum wages. 45 adolescents in the case group were living with up to two people working, while 49 in the control group lived more than two people working (p=0.061). Adolescents of both groups started their sex life, on average, at 14.44 years old (p=0.847). Three teenagers in the case group were "dating" the current sexual partner compared to 11 in the control group, and 20 adolescents had a girlfriend in the case group compared to 26 in the control group (p=0.651). Five teenagers in the case group presented more than one sexual partner in comparison to 10 in the other group (p=0.025). The reasons curiosity (p=0.038) and attraction (p=0.038) were the ones that most encouraged the teenagers to begin their sexual life. Teenagers in the control group (38) watched more soap operas from Rede Globo than the case group (27) (p=0.057). The soap opera "Malhação" was the most watched by adolescents in the control group (19) than in the case group (9) (p=0.034). 15 adolescents in the control group compared to the five in the case group showed that the soap opera influenced their sexual behavior (p=0.062). It was concluded that although teenagers present the same socioeconomic level and go the same type of school, the soap opera contributed to the practice by adolescents in the control group of the following risk behaviors: having more than one sexual partner, not use condoms in all sexual intercourse with girlfriends and "dates", which increased their vulnerability to HIV infection.
Descrição: DIAS, Fernanda Lima Aragão. Influência da telenovela no uso do preservativo pelos adolescentes masculinos na prevenção do HIV/AIDS. 2011. 93 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1760
Aparece nas coleções:DENF - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_dis_fladias.pdf569,25 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.