Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17789
Título: Análise técnico-econômica do cultivo do arroz no perímetro irrigado Morada Nova, Ceará.
Título em inglês: Technician-economic analysis of the culture of rice (Oryza sativa L.) in the Morada Nova Irrigation District, Ceará.
Autor(es): Colares, Daniel Santana
Orientador(es): Costa , Raimundo Nonato Távora
Palavras-chave: Irrigação e drenagem
arroz (Oryza sativa, L.)
eficiência do uso da água
indicadores de rentabilidade
rice (Oryza sativa, L.)
water efficiency use
indicators of profitability
Data do documento: 2004
Citação: COLARES, D.S. (2004)
Resumo: Estudar a eficiência do uso da água (EUA), a eficiência econômica e os indicadores de rentabilidade na cultura do arroz (Oryza sativa, L.), foram os principais objetivos deste trabalho, realizado no Perímetro Irrigado de Morada Nova, Ceará, no período de julho a dezembro de 2003. Estabeleceu-se a cultura do arroz cultivar EPAGRI 109, em unidades de solo com texturas areia-franca, franca e argilo-siltosa, sendo esta, em duas áreas, as quais denominaram-se I e II. Utilizaram-se calhas Parshall e sifões de plástico como instrumentos para medição e aplicação de água aos tabuleiros. O sistema de irrigação utilizado foi inundação. Os dados utilizados na análise econômica foram de levantamentos de custos e receitas pertinentes à cada uma das unidades avaliadas. O período de irrigação do cultivo de arroz para as condições de solo e clima no Distrito de Irrigação Morada Nova situa-se em torno de 120 dias, período este que deve ser tomado como referência para o planejamento da irrigação. A eficiência de uso da água para os solos de textura leve apresentou valores médios de 0,2 kg.m-3; já para os solos de textura pesada, de 0,43 kg.m-3. A eficiência de aplicação de água na unidade textural argilo-siltosa, solo adequado ao cultivo de arroz apresentou um valor médio de 66%. Na unidade textural areia franca, porém, solo sem aptidão ao cultivo do arroz, a eficiência de aplicação foi apenas de 35%, considerando-se em ambos os casos, somente os eventos de irrigação sem déficit. A rentabilidade líquida de cada mil m3 , utilizando a metodologia de cobrança de água derivada e aplicada, mostrou-se superior nos solos argilo-siltosos com valores entre R$ 179,0 e R$ 94,0, enquanto os solos de textura mais leve esta rentabilidade não ultrapassou os R$ 58,0. A receita líquida obtida em 1,0 ha de arroz na unidade textural areia franca (R$1.900,00), comparativamente ao valor obtido na unidade textural argilo-siltosa (R$2.400,00), incentiva o cultivo de arroz em solos sem aptidão para a cultura, porquanto o sistema de cobrança de água atualmente em vigor, leva em consideração a área irrigada e não o volume de água aplicada. A análise da rentabilidade nas unidades texturais areia franca e argilo-siltosa, demonstrou a viabilidade do cultivo do arroz para ambas as unidades, em base aos critérios convencionais da análise de investimento, porém, simulando-se uma remuneração mensal do produtor no valor de R$ 240,0, o plano de cultivo na unidade textural areia-franca é inviável, conforme os resultados obtidos: relação benefício custo (B/C) 0,98; valor presente líquido (VPL) -603,9 e taxa interna de retorno (TIR) 3,5%. Na unidade textural argilo-siltosa, porém, os indicadores se mostraram viáveis: B/C 1,145, VPL R$ 4.204,1 e TIR 60,33%.
Abstract: The main objective of this study was to determine the water use efficiency, the economic efficiency and the profit indexes for rice (Oryza sativa, L.) in the Morada Nova Irrigation District, state of Ceará, Brazil, from July to December, 2003. EPAGRI 109 cultivar was cropped in three different soil units: sandyloam, silt and clay loam, the last two called units I and II, respectively. Parshall flumes and siphon tubes were used to measure and apply water to the field basins. The irrigation system used was basin irrigation (inundation). Data used for the economical analysis were obtained from costs and revenues surveyed in each plot evaluated. Irrigation period for planning for the soil and climate conditions of Morada Nova was 120 days. The water use efficiency for sandy soils presented average values of 0.2 kg.m-3; in the case of heavy soils such value was 0.43 kg.m-3. The water application efficiency for clay-loam soils was 66% in average, whereas for sandy-loam was 35%, considering, in both cases, irrigation without deficit. Net profit for a thousand cubic meter, using diverted and applied water methodology, showed superiority for clay-loam soils with values between R$179,00 and R$94,00, while for sandy soils the values were less than R$58,00. Profit analysis for sandy-loam and clay-loam showed feasibility for both soil units, based on conventional criteria of investment analysis, but considering in the simulation a minimum wage of R$240,00/worker, crop plan for the sandy-loam unit was not feasible, according to the obtained results: cost-benefit relation (B/C) equal to 0.98; net present value (VPL) of – 603.9 and “internal rate of return” (TIR) equal to 3.5%. For the case of clay-loam soil the indexes presented feasibility: B/C = 1.145; VPL = R$4.204,10 and TIR = 60.33%.
Descrição: COLARES, Daniel Santana. Análise técnico-econômica do cultivo do arroz no perímetro irrigado Morada Nova, Ceará. 2004. 58 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Engenharia Agrícola, Fortaleza-CE, 2004.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17789
Aparece nas coleções:PPGENA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2004_dis_dscolares.pdf438,42 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.