Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17797
Título: Atividades antioxidante, anti-inflamatória e cicatrizante do caju (Anacardium occidentale L.)
Título em inglês: Antioxidant, anti-inflammatory and wound healing activities of cashew apple (Anacardium occidentale L.) juice
Autor(es): Vasconcelos, Mirele da Silveira
Orientador(es): Melo, Dirce Fernandes de
Palavras-chave: Bioquimica
Caju
Antioxidantes
Inflamação
Cicatrização
Anacardium occidentale
Anacardiaceae
Antioxidants
Anti-inflammatory
Wound healing
Caju - Ação antioxidante
Antiinflamatórios
Cicatrização de feridas
Data do documento: 2011
Citação: VASCONCELOS, M. S. (2011)
Resumo: Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae), conhecido popularmente como caju, é um típico pseudofruto tropical cujo suco é popularmente consumido no país pelas excelentes propriedades sensoriais e nutricionais, entretanto, os produtos são destinados ao mercado interno com extensas perdas de pedúnculos in natura. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o potencial antioxidante, anti-inflamatório e cicatrizante do caju in vitro e in vivo. Para tanto foi utilizado o suco do pseudofruto in natura, obtidos de clones de cajueiro CCP 76 nos estádios de maturação 2 (verde) e 6 (maduro). Foram determinados no suco os teores de polifenóis totais, ácido ascórbico, antocianinas totais, flavonóides amarelos, carotenóides, compostos fenólicos além da atividade antioxidante total. Para a avaliação das atividades anti-inflamatória e cicatrizante in vivo foram utilizados camundongos, mantidos sob condições adequadas de luz, temperatura e recebendo água e ração à vontade. O protocolo experimental foi aprovado pelo Comitê de Ética em Experimentação Animal da UFC (no de aprovação 85/09). Para avaliar o efeito do tratamento oral durante 30 dias consecutivos com os sucos de caju verde e maduro, utilizou-se a metodologia do edema de orelha induzido por xileno. Para avaliar o efeito dos sucos de caju verde e maduro na cicatrização, lesões foram induzidas no dorso do camundongo 15 dias após o tratamento de suplementação com os sucos. As lesões cutâneas foram submetidas a avaliações clínicas através de análises morfométricas e macroscópicas durante 21 dias. Os resultados foram expressos como média e erro padrão da média. Para avaliar as diferenças significativas entre as médias dos diferentes grupos, aplicou-se o teste de Mann-Whitney e ANOVA e as diferenças foram consideradas significativas quando p < 0,05. O perfil fitoquímico dos sucos de pseudofrutos de caju verde e de maduro foi distinto, no qual o suco de caju maduro apresentou teores de antioxidantes não enzimáticos e capacidade antioxidante total superior ao suco de caju verde. Os resultados dos ensaios anti-inflamatório e cicatrizante mostraram que o suco de caju verde reduziu eficientemente a inflamação e acelerou a cicatrização de feridas durante a fase intermediária desse processo quando comparado ao suco de caju maduro. O suco de caju maduro parece agir na fase mais tardia da cicatrização. Estudos complementares devem ser realizados para maior compreensão das atividades biológicas dos sucos de caju verde e maduro através da identificação de compostos químicos responsáveis pela ação funcional dos mesmos.
Abstract: Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae), known as cashew, is a typical tropical pseudo whose juice is highly consumed in Brazil for its excellent sensory and nutritional properties. The aim of this study was to evaluate the antioxidant, anti-inflammatory and wound healing activities of cashew apple in vitro and in vivo. The juice from fresh fruit were obtained from cashew clones CCP 76 in the maturation stage 2 (unripe) and 6 (ripe). Were determined in the juice total polyphenols, vitamin C, anthocyanins, flavanols, carotenoids, phenolic compounds and the total antioxidant activity. For the evaluation of anti-inflammatory activity and healing in vivo was performed in mice, kept under appropriate conditions of light, temperature and given water and food ad libitum. The experimental protocol was approved by the Ethics Committee for Animal Experiments of the UFC (nº 85/09). To evaluate the effect of oral treatment for 30 consecutive days with the juice of cashew apple ripe and unripe, we used the methodology of the ear edema induced by xylene. Regarding the effect of treatment with the juice of cashew in the healing lesions were induced on the backs of mice 15 days after initiation of treatment. The skin lesions by morphometric and macroscopic analysis were subjected to clinical evaluation for 21 days. Results were expressed as mean and standard deviation. To evaluate the significant differences between the means of different groups, we applied the Mann-Whitney test and ANOVA and differences were considered significant when p <0.05. The ripe cashew apple juice (RCAJ) phytochemistry profile was better with levels of non-enzymatic antioxidants and total antioxidant capacity than the unripe cashew apple juice (UNCAJ). The anti-inflammatory and healing results showed that the UNCAJ reduced inflammation and accelerated wound healing process when compared to RCAJ. The present study demonstrated that the UNCAJ present high biological activity in inflammatory and wound healing models than the RCAJ.
Descrição: VASCONCELOS, Mirele da Silveira. Atividades antioxidante, anti-inflamatória e cicatrizante do caju (Anacardium occidentale L.). 2011. 77 f. : Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências, Departamento de Bioquímica e Biologia Molecular, Programa de Pós-Graduação em Bioquímica. Fortaleza-CE, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17797
Aparece nas coleções:DBBM - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
2011_dis_msvasconcelos.pdf1,75 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.