Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17801
Título: Equitable access to health services for children aged 5 to 9 in a medium city of northeasth of Brazil : a result of Family Health Strategy
Autor(es): Santiago, Adriana Xavier de
Barreto, Ivana Cristina de Holanda Cunha
Sucupira, Ana Cecília Silveira Lins
Lima, José Wellington de Oliveira
Andrade, Luiz Odorico Monteiro de
Palavras-chave: Determinantes Sociais da Saúde
Acesso aos Serviços de Saúde
Saúde da Família
Data do documento: 2014
Editor: Revista Brasileira de Epidemiologia
Citação: SANTIAGO, A. X. ; BARRETO, I. C. H. C. ; SUCUPIRA, A. C. S. L. ; LIMA, J. W. O. ; ANDRADE, L. O. M. (2014)
Resumo: RESUMO: Introdução: O sistema de saúde deve ser capaz de reduzir a desigualdade no acesso aos serviços através de estratégias que alcancem aqueles que têm mais necessidade e não conseguem chegar até eles. Objetivo: Identificar os fatores associados à utilização dos serviços de saúde entre crianças de 5 a 9 anos do município de Sobral (CE). Resultados: Apenas 558 (17,0%) crianças utilizaram os serviços de saúde no mês anterior à entrevista. A ocorrência de problemas de saúde (OR = 3,90), a utilização frequente da Estratégia Saúde da Família (ESF) (OR=1,81) e o fato de residir na sede do município (OR = 1,51) aumentaram a chance de utilização. Quase 80% utilizam a ESF como serviço de referência. As crianças de famílias mais pobres e com melhores condições de acesso tiveram mais chance de utilização da ESF. Conclusão: Os resultados do estudo sugerem que o acesso aos serviços de saúde ocorrem de forma relativamente equitativa graças à definição da ESF como porta de entrada para o sistema público de saúde do município.
Abstract: INTRODUCTION: The Brazilian National Health System may reduce inequalities in access to health services through strategies that can reach those most in need with no access to care services. OBJECTIVE: To identify factors associated with the use of health service by children aged 5 to 9 years in the city of Sobral, Ceará, northeastern Brazil. RESULTS: Only 558 (17.0%) children used health care services in the 30 days preceding this survey. Children with any health condition (OR = 3.90) who were frequent attenders of primary care strategy of organization (the Family Health Strategy, FHS) (OR = 1.81) and living in the city's urban area (OR = 1.51) were more likely to use health services. Almost 80% of children used FHS as their referral care service. Children from poorer families and with easier access to services were more likely to be FHS users. CONCLUSION: The study showed that access to health services has been relatively equitable through the FHS, a point of entry to the local health system.
Descrição: SANTIAGO, Adriana Xavier de ; BARRETO, Ivana Cristina de Holanda Cunha ; SUCUPIRA, Ana Cecília Silveira Lins ; LIMA, José Wellington de Oliveira ; ANDRADE, Luiz Odorico Monteiro de. Equitable access to health services for children aged 5 to 9 in a medium city of northeasth of Brazil : a result of Family Health Strategy. Revista Brasileira de Epidemiologia, São Paulo , v. 17, p. 39-52, 2014.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17801
ISSN: 1980-5497 On-line
Aparece nas coleções:DSC - Artigos publicados em revista científica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_art_axsantiago.pdf283,34 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.