Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1801
Título: Apresentação e avaliação de aspectos clínico-epidemiológicos e histopatológicos de lesões em pacientes com Leishmaniose tegumentar americana (LTA), forma ulcerada, provenientes de áreas endêmicas da região do Cariri. 1990-2003
Título em inglês: Histopathological evaluation of lesions in patients with American Tegumentar Leishmaniasis (ATL), ulcer form, from Cariri region an endemic area of Ceará
Autor(es): Silva, Claúdio Gleidiston Lima da
Orientador(es): Vasconcelos , Antonio Wilson
Palavras-chave: Histopatologia
epidemiologia
Data do documento: 2004
Citação: SILVA, C. G. L. (2004)
Resumo: A Leishmaniose Tegumentar Americana (LTA) é doença endêmica no Brasil. Apesar das medidas empregadas para seu controle, a doença continua em expansão com tendência a urbanização. No nordeste o Ceará se destaca com focos desta zoonose, particularmente nos sopés das chapadas e serras que circundam o Estado. O Cariri é um destes, sendo ralos os estudos sobre LTA nesta região, situada no sul do estado do Ceará, em intimidade com a chapada do Araripe com cerca de 900 metros de altitude; fronteira com os estado de Pernambuco, Piauí e Paraíba. O presente trabalho avalia aspectos clínicos, epidemiológicos e, especialmente, enfatiza estudo histopatológico de material oriundo da borda de úlcera de 64 pacientes portadores de LTA provenientes do Cariri. Trata-se de material de arquivo disponibilizado no laboratório de Anatomia Patológica APACIC de 1990 a 2003; e do arquivo da Patologia do Núcleo de Medicina Tropical da Faculdade de Medicina de Juazeiro do Norte de 2000 a 2003. O material arquivado constitui-se de prontuário com dados clínicos e epidemiológicos dos pacientes; blocos e lâminas das biópsias realizadas nas bordas das lesões. Protocolo foi elaborado para a coleta de dados. Lâminas e blocos foram reprocessados, corados pela HE e Giemsa, quando necessárias outras colorações histoquímicas. Os histopatológicos foram estudados ao microscópio óptico de rotina. Os resultados encontrados mostraram maior freqüência de casos em Barbalha (n= 30). Nos municípios estudados a LTA é rural (n= 38), urbanizada em Juazeiro do Norte e com tendência a urbanização em Barbalha. O sexo masculino (n=39), cor de pele parda (n= 43) e a categoria profissional agricultor (n= 13) predominaram. A forma ulcerada simples é mais comum (n= 63), envolvendo em particular os membros inferiores. A reação inflamatória crônica inespecífica com resposta reparativa, predomina nos municípios estudados. O Montenegro, sorologia e histopatológico sem identificação do parasito, na ausência de contexto clínico e epidemiológico, não devem ser utilizados isoladamente para firmar diagnóstico de LTA.
Abstract: American Cutaneous Leishmaniasis (ACL) is an endemic disease in the Brazil. In spite of the measures employed to the control the disease continues in expansion and with tendency to urbanization. The northeast of Brazil excels with foci of this zoonosis, especially in the mountains and foothills around Ceará state. Cariri in the south of Ceará close to plateau of Araripe that reaches 900m, bordering the states of the Pernambuco, Piauí and Paraíba is kind of this place with scarce studies. The present work evaluated the clinical and epidemiological aspects of the ACL in the Cariri, especially emphasizing study histopathologic material originating from borders of the ulcers of 64 patients with ACL. The material studied came from APACIC histopatology laboratory (1990-2003), and Pathology laboratory of the Juazeiro do Norte Medicine School (Tropical Medicine Nucleus, 2000-2003). The archived material was constituted of the patient’s records, slides and paraffin blocks. The clinical and epidemiological informations were collected in the specific protocol. The histological material was examine by microscopic routine of the HE and Giemsa, sometimes others histotecnologies techniques were performed. The results revealed Barbalha with highest number of the ACL (n=30); ACL was predominantly rural (n= 38); urbanization of the ACL in the Juazeiro do Norte; male sex (n=39), brown skin (n= 43) and farmer’s (n= 13) prevailed; the ulcerated simple form (n= 63) was most common involving mainly the legs; the nonspecific chronic inflammatory reaction with repair response prevailed in the cases of the ACL; Montenegro skin test, serology and histopathology without identification of the parasites in the absence of the clinical and epidemiological setting should not be used separately to diagnosis ACL.
Descrição: SILVA, Claúdio Gleidiston Lima da. Apresentação e avaliação de aspectos clínico-epidemiológicos e histopatológicos de lesões em pacientes com Leishmaniose tegumentar americana (LTA), forma ulcerada, provenientes de áreas endêmicas da Região do Cariri. 1990-2003. 2004. 95 f. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2004.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1801
Aparece nas coleções:DPML - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2004_dis_cglsilva.pdf1,8 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.