Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1805
Título: Imunoexpressão de metaloproteinases 2 e 14 e do inibidor TIMP-2 no câncer gástrico dos tipos intestinal e difuso
Título em inglês: Immunoexpression of metalloproteinases 2 and 14 and the inhibitor TIMP-2 in gastric cancer of intestinal and diffuse types
Autor(es): Gurgel, Daniel Cordeiro
Orientador(es): Almeida , Paulo Roberto Carvalho de
Coorientador(es): Ribeiro, Ronaldo de Albuquerque
Palavras-chave: Neoplasias Gástricas
Data do documento: 2011
Citação: GURGEL, D. C. (2011)
Resumo: As metaloproteinases-2 (MMP-2) e -14 (MMP-14) e o inibidor tecidual de metaloproteinases tipo 2 (TIMP-2) participam de modo fundamental na transição epitelial-mesenquimal e progressão tumoral-linfonodal de muitos tipos de câncer, inclusive o gástrico. O objetivo deste trabalho é avaliar a expressão das três enzimas no carcinoma gástrico e metástases linfonodais e suas possíveis participações na progressão tumoral. Foram utilizados 83 casos de gastrectomias por câncer gástrico (histotipo intestinal = 53 casos; difuso = 30 casos), e seus respectivos linfonodos, dos arquivos do Departamento de Patologia e Medicina Legal/UFC. Foi realizado tissue microarray e imunohistoquímica com anticorpo monoclonal anti-MMP-2, anti-MMP-14 e anti-TIMP-2, avaliada através dos seguintes escores: 0 = ausência de imunomarcação ou raras células marcadas (< 5%); 1 = marcação discreta na maioria (> 50%) das células tumorais ou inflamatórias mononucleadas (muitos dos quais identificados como macrófagos pelo CD68) ou marcação moderada em minoria de células (< 50%); 2 = marcação moderada na maioria (> 50%) das células tumorais ou inflamatórias mononucleadas ou marcação intensa em minoria de células (< 50%); 3 = marcação intensa na maioria (> 50%) das células tumorais ou inflamatórias mononucleadas. A expressão de MMP-2, MMP-14 e TIMP-2 nos mononucleares associados a tumores ocorreu com maior frequência comparada à imunomarcação em mononucleares da mucosa normal, com diferença significativa em relação a TIMP-2 (40/53 vs 12/26; *p = 0,0128, teste exato de Fisher). MMP-2 foi muito mais presente nas mulheres (p = 0,0248) enquanto TIMP-2 ocorreu predominantemente após os 50 anos (p = 0,0034). A expressão dos três biomarcadores nos carcinomas gástricos primários foi muito superior nos mononucleares, em relação às células neoplásicas, sobretudo para a MMP-2 (16/46 vs 5/46; *p = 0,0118), que também prevaleceu em mononucleares das metástases linfonodais em tumores dos histotipos intestinal e difuso (13/16 vs 4/19; ***p = 0,0006). Neste estudo, a expressão preponderante dos três imunomarcadores pelos mononucleares do conjuntivo reforça o papel central destas células e do microambiente tumoral na progressão do câncer gástrico. A maior expressão de TIMP-2 no sítio primário é sugestiva do efeito inibitório desta enzima sobre MMP-2 e MMP-14, que parecem participar principalmente em fases mais avançadas da progressão tumoral-linfonodal. A MMP-14, através dos mononucleares, parece estar mais envolvida na progressão do câncer gástrico difuso do que a MMP-2 e seu inibidor tissular.
Descrição: GURGEL, Daniel Cordeiro. Imunoexpressão de metaloproteinases 2 e 14 e do inibidor TIMP-2 no câncer gástrico dos tipos intestinal e difuso. 2011. 99 f. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1805
Aparece nas coleções:DPML - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_dis_dcgurgel.pdf15,08 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.