Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18068
Título: Tecnologias de resfriamento ambiental e biofertilizante bovino no cultivo de morango no litoral cearense
Título em inglês: Environmental technologies and cooling biofertilizer beef in strawberry crop in coastal cearense
Autor(es): Santos, Elisangela Maria dos
Orientador(es): Viana, Thales Vinícius de Araújo
Coorientador(es): Sousa, Geocleber Gomes de
Palavras-chave: Engenharia agrícola
Morango - Cultivo
Frutas - Cultivo - Ambiente protegido
Ambiente protegido
Fragaria x ananassa
Organic Input
Data do documento: 2015
Citação: SANTOS, E. M. (2015)
Resumo: No Brasil tem se registrado que 90% da produção do morango está sob a direção de pequenos e médios produtores e 10% advém dos empreendimentos empresariais. Apesar disso, os pequenos e médios produtores são carentes de informações científicas e tecnológicas que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento da Agricultura familiar no país e a maioria das áreas de produção de morango localiza-se em regiões de clima subtropical, onde se produz para consumo in natura e industrialização. Em consequência, no Nordeste brasileiro a cultura do morango alcança grande valor de mercado, pois a produção ainda é pequena para suprir a demanda, o que pode produzir bons lucros para a agricultura familiar. Entretanto as condições climáticas da região não são propícias para o cultivo do morango em campo aberto. Com isso, este trabalho teve como objetivo avaliar sistemas alternativos de resfriamento ambiental; junto a isso, avaliar também o efeito da adubação com biofertilizante bovino na cultura do morangueiro, no litoral cearense. Nesse contexto, o experimento foi desenvolvido, em dois ciclos de produção, na área experimental do Departamento de Engenharia Agrícola da Universidade Federal do Ceará, no Campus do Pici, Fortaleza, Ceará. Os tratamentos consistiram da combinação de 03 ambientes de cultivo: ambiente protegido do tipo telado, com nebulização com água gelada e sobre piso branco, denominado A1; a pleno sol, com nebulização com água gelada e sobre piso branco, A2; e a pleno sol sem nebulização e sobre piso concretado sem pintura, A3, que constituíram as parcelas, com 5 tratamentos nas subparcelas, diferenciadas por meio da aplicação de 05 dosagens de biofertilizante bovino (0, 500, 750, 1.000 e 1.250 mL planta-1 semana-1), com 5 repetições. A unidade experimental foi formada por 3 vasos, com 1 planta cada, totalizando 225 plantas. Foram analisadas características climáticas do local e de crescimento, de produtividade e de pós-colheita do morangueiro. A maioria das variáveis de crescimento, de produção e de pós-colheita do morango cultivado no telado apresentaram valores superiores aos obtidos em campo aberto, indicando a viabilidade de se reduzir a temperatura para uma maior eficiência no cultivo. O uso da nebulização mostrou-se eficiente, pois os valores da maioria das variáveis analisadas mostraram-se superiores no ambiente A2, quando comparados com os obtidos em A3. O uso do biofertilizante bovino possibilitou a elevação na condutância estomática e transpiração nos ambientes (A1 e A2). O incremento nas doses do biofertilizante, no primeiro e no segundo ciclos, associado às mudanças nos fatores microclimáticos do telado elevaram as médias da maioria das variáveis. Apesar das baixas produtividades obtidas neste estudo, comparadas com às ocorrentes nas regiões Sul e Sudeste do Brasil, observou-se que é possível se produzir morango no litoral cearense e, que, a biofertilização e as técnicas de resfriamento possibilitam elevações no total produzido. Entretanto, necessitam-se de avaliações econômicas para se aferir a viabilidade ou não do cultivo do morango na região.
Abstract: In Brazil has registered that 90% of strawberry production is under the direction of small and medium producers and 10% comes from business ventures. Nevertheless, the small and medium producers are lacking in scientific and technological information aimed at significantly contributing to the development of family farming in the country and most of the strawberry production areas located in subtropical climate regions, which produces for consumption fresh and industrialization. Consequently, in the Brazilian Northeast strawberry crop reaches great market value, since production is still small to meet demand, which can produce good profits for family farming. However the climatic conditions of the region are not conducive to the strawberry cultivation in the open. Therefore, this study aimed to evaluate alternative systems of environmental cooling; next to it, also evaluate the effect of fertilization with bovine biofertilizer in strawberry culture in Ceará. In this context, the experiment was conducted in two production cycles in the experimental area of the Department of Agricultural Engineering of the Federal University of Ceará, in the Campus of Pici, Fortaleza, Ceará. The treatments consisted of the combination of 03 cultivation environments: protected environment of the greenhouse type, with nebulization with ice water and on white floor, called A1; full sun, with nebulization with ice water and on white floor, A2; and full sun without fogging and on floor concreted unpainted, A3, which constituted the plots with five treatments in subplots, differentiated by the application of 05 doses of bovine biofertilizer (0, 500, 750, 1,000 and 1,250 ml plant- 1 week-1) with 5 replications. The experimental unit consisted of 3 vessels, with one plant each, totaling 225 plants. climatic characteristics of the site and growth, productivity and postharvest of strawberry were analyzed. Most of the growth variables, production and post-harvest of cultivated strawberry in greenhouse showed higher values than those obtained in the open, indicating the feasibility of reducing the temperature to greater efficiency in cultivation. The use of fogging was efficient, because the values of most of the analyzed variables were higher in A2 environment when compared with those obtained in A3. The use of bovine biofertilizer enabled the increase in stomatal conductance and transpiration in environments (A1 and A2). The increase in biofertilizer doses, the first and second cycles, associated with changes in the microclimate factors of greenhouse raised the average of most variables. Despite the low yields obtained in this study, compared with the occurring in the South and Southeast of Brazil, it was observed that it is possible to produce strawberry in Ceará and that the Biofertilization and cooling techniques allow increases in total production. However, need is economic evaluations to assess the feasibility or otherwise of strawberry cultivation in the region.
Descrição: SANTOS, Elisangela Maria dos. Tecnologias de resfriamento ambiental e biofertilizante bovino no cultivo de morango no litoral cearense. 2015. 101 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18068
Aparece nas coleções:PPGENA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_dis_emsantos.pdf3 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.