Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18111
Título: A escravidão na África Oriental alemã (1885 – 1914)
Autor(es): CORREA, Sílvio Marcus de Souza
Palavras-chave: Escravidão
Continente africano
Catolicismo
Data do documento: 2015
Editor: Revista de Ciências Sociais
Citação: CORREA, S. M. S. (2015)
Resumo: Conforme se sabe, em 13 de maio de 1888, a escravidão foi abolida no Brasil. Em 20 de junho do mesmo ano, o Papa Leão XIII assinou sua encíclica Libertas praestantissimum sobre a liberdade humana. Meses depois, a resistência de traficantes de escravos na África oriental se desdobrou em levantes. As revoltas criaram sérios obstáculos às atividades comerciais e administrativas da Sociedade da África Oriental Alemã, a Deutsche Ost-Afrika Gesellschaft, doravante DOAG. Ainda no final daquele ano, o cardeal francês Lavigerie debutou em Roma sua campanha contra a escravidão na África oriental, onde o “comércio árabe” de escravos parecia não esmaecer diante da presença europeia. Cabe lembrar que, no continente africano, estações missionárias, postos militares e empórios comerciais, respectivamente de ordens religiosas, bandeiras e empresas europeias, aumentaram em número no último quartel do século XIX. Na Alemanha, o chanceler Bismarck logrou obter o apoio do Zentrumspartei, o partido católico alemão, bem como o consentimento do governo britânico para o projeto colonial alemão na África. Em discurso no Parlamento, Bismarck convenceu os deputados de que a ingerência alemã na África oriental não era um simples apoio à DOAG, mas um dever moral em prol da civilização. Em 30 de janeiro de 1889, o parlamento alemão concedeu os créditos solicitados para a expedição do major Hermann von Wißmann. O sucesso dessa expedição foi noticiado pela imprensa alemã. Inclusive, o jornalista Hugo Zöller, enviado especial do jornal de Colônia, acompanhou as operações militares em Bagamoyo e Dar-es-Salaam...
Descrição: CORREA, Sílvio Marcus de Souza. A escravidão na África Oriental alemã (1885 – 1914). Revista de Ciências Sociais, Fortaleza, v. 46, n. 2, p. 53-73, jul./dez. 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18111
ISSN: 2318-4620
0041-8862
Aparece nas coleções:DCSO - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_art_smscorrea.pdf256,37 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.