Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18197
Título: O uso da terra e a resposta hidrológica de pequenas bacias em regiões semiáridas
Título em inglês: Land use and the hydrologic response in small watersheds of semiarid regions
Autor(es): Rodrigues, Joseilson Oliveira
Orientador(es): Andrade, Eunice Maia de
Palavras-chave: Irrigação e drenagem
microbacias
escoamento superficial
produção de sedimentos
ação antrópica.
micro-catchments
surface runoff
sediment yield
anthropogenic action.
Data do documento: 2009
Citação: RODRIGUES, J. O. (2009)
Resumo: O objetivo central desse trabalho foi avaliar e comparar o comportamento hidrológico e sedimentológico em pequenas bacias rurais no semiárido nordestino, verificando a influência da ação antrópica sobre os recursos solo e água. O estudo desses processos é de suma importância na definição de estratégias para o melhor gerenciamento de pequenas bacias hidrográficas e na definição de planos de sustentabilidade. A área de investigação localiza-se na bacia do Alto Jaguaribe, mais precisamente no município de Iguatu, na região conhecida como Centro Sul do estado do Ceará. A área experimental é composta por quatro microbacias com denominação de B1, B2, B3 e B4 localizadas próximas entre si, foram delimitadas e equipadas com calhas Parshall, sensores de nível de água, pluviógrafos e coletores automáticos de sedimentos visando estudos hidrossedimentológicos em condições de chuva natural. Nessa pesquisa as áreas das bacias em avaliação não excederam 3 hectares, sendo na microbacia B1 aplicado um tratamento (raleamento), que permitiu avaliar a influência da alteração na cobertura vegetal da Caatinga sobre o escoamento superficial, descarga máxima e produção de sedimentos. As demais microbacias experimentais B2, B3 e B4 foram mantidas inalteradas, sem intervenção antrópica, representando condições naturais de pequenas bacias rurais do semiárido do nordeste. Os dados analisados abrangem toda a estação chuvosa de 2009 nas quatro unidades experimentais e alguns eventos nos meses de janeiro, fevereiro e março de 2008 na microbacia B2. Apesar da proximidade entre as unidades de monitoramento, os resultados revelaram grande variabilidade espaço-temporal das respostas hidrossedimentológicas, sendo a umidade anterior do solo a variável de destaque na modificação destas. Os resultados mostraram que a prática de raleamento da Caatinga teve influência na alteração do escoamento superficial e produção de sedimentos, sendo os efeitos maiores sobre os primeiros eventos. A produção acumulada de sedimentos atingiu ao final de 2009 valores de 1,45; 1,39 e 0,12 ton ha-1 para as microbacias B1, B2 e B4, respectivamente. De todas as microbacias investigadas, B3 apresentou os maiores valores de escoamento superficial, e descargas máximas, com coeficiente de escoamento médio em torno de 86%. A unidade experimental B4 mostrou-se com comportamento hidrossedimentológico bastante diferenciado das demais microbacias, sendo nesta encontrado as menores magnitudes de descarga máxima, escoamento superficial e produção de sedimentos, comportamento este associado principalmente às características físicas do solo da microbacia. Os resultados encontrados fornecem elementos importantes no campo hidrossedimentológico em regiões semiáridas, podendo ser empregados para nortear pesquisas futuras em microbacias com escoamento efêmero.
Abstract: This work was carried out to evaluate and to compare the hydrologic and sedimentologic behaviour of small rural catchments in the semiarid Northeast of Brazil, as well as to asses the influence of the anthropogenic action over soil and water resources. The study of theses processes is very important for the definition of strategies to a better management of small watersheds and the definition of sustainability plans. The study area is located in the Alto Jaguaribe basin, in the Iguatu County, State of Ceará, Brazil. Four small catchments B1, B2, B3 and B4, neibor to each other, were delimited and equipped with Parshall flumes, water level sensors, rain-gauges and automatic sediment samplers, aiming hydrossedimentologic studies under natural rainfall conditions. In this research, the areas of studied catchments areas are smaller than three ha. In the B1 part of cover vegetation was cut, making it possible to assess the influence of changes in the vegetation cover over runoff, peak discharge and sediment yield. In the others catchments (B2, B3 and B4), cover vegetation was keeping in undisturbed condition, representing the natural condition in the semiarid region of northeast Brazil. The data analysed comprises the hydrologic year of 2009 on the four experimental unities and some events on the months of January, February and March of 2008 on the small catchment B2. Despite the proximity of the monitored unities, the results show high spatial and temporal variability of the hydrossedimentologic answer, and the antecedent soil moisture as the main variable responsible for such modifications. It was observed that lowering the density of the Caatinga vegetation influenced runoff and sediment yield, with greater effects over the first events. Accumulated sediment yield reached values of 1.45, 1.39 and 0.12 ton.ha-1 for the micro-catchments B1, B2 e B4, respectively, at the end of the year 2009. Among all investigated catchments, B3 presented the highest values of runoff and peak discharges, with runoff coefficient average around 28%. The B4 experimental unit had a hydrossedimentologic behaviour very different from the other catchments, showing the lowest values of peak discharge, runoff and sediment yield, and this behaviour can be explained to the soil characteristics. The results presented in this study contribute with important information for the hydrossedimentologic study of semiarid regions, and can be used to guide further research in small catchments with ephemeral regime.
Descrição: RODRIGUES, Joseilson Oliveira. O uso da terra e a resposta hidrológica de pequenas bacias em regiões semiáridas. 2009. 128 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Engenharia Agrícola, Curso de Mestrado em Engenharia Agrícola, Fortaleza-CE, 2009.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18197
Aparece nas coleções:PPGENA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_dis_jorodrigues.pdf15,93 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.