Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1821
Título: Proteínas de tintas de moluscos marinhos composição, função e mecanismo de ação
Autor(es): Tavares, Tallita Cruz Lopes
Orientador(es): Melo, Vânia Maria Maciel
Palavras-chave: Molusco
Octopuses
Data do documento: 2010
Editor: http://www.teses.ufc.br/
Citação: TAVARES, T. C. L. (2010)
Resumo: Nos moluscos sem concha ou naqueles em que a mesma estão presente na forma vestigial, como cefaóipedes e gastrópodes opistobrânquios, a falta dessa proteção externa conduziu à evolução de mecanismos de defesa dominados pela secreção ou incorporação de substâncias químicas bioativas. Proteínas sintetizadas de novo são bons exemplos dessas moléculas, tendo sido encontradas nas tintas de várias espécies de lesmas do mar, particularmente do gênero Aplysia. Muitas já revelaram pertencer a famílias de proteínas com atividade oxidástica de L-aminoácidos (LAAOs), grupo do qual fazem parte também proteínas bioativas encontradas nos venenos de serpentes. A caracterização, portanto, das atividades biológicas e do perfil bioquímico dessas proteí­nas é muito útil para que possamos entender como se dão os mecanismos defensivos desses animais e quão difundidos esses são, além de proporcionar subsí­dios para sua aplicação biomedicinal. Esse estudo visou a elucidação dos mecanismos de ação da dactilomelina-P, proteína antibacteriana purificada da tinta de Aplysia dactylomela, e a comparação da composição protéica e das atividades antimicrobianas das tintas liberadas por dois gastrópodes, A. dactylomela e Bursatella leachii, e por um cefalópode, Octopus sp.. O estudo revelou que a dactilomelina-P é uma L-aminoácido oxidase capaz de oxidar L-lisina e L-arginina, com maior afinidade por L- arginina, com Km de 0,22 +- 0,16 mM/L para a L-lys e de 0,015 +- 0,01 Mm/L para a L-arg. Demonstrou também que sua atividade antibacteriana à medida por esta propriedade, tendo o perôxido de hidrogênio, gerado na oxidação enzimática, grande partipação na inibição bacteriana. A proteína se comporta de maneira bacteriostítica quando em meio não suplementado com L-lisina e L-angilina, sendo bactericida na presenãa destes. Além disso, a atividade antibacteriana mostrou ser dependente da concentração de aminoácidos disponibilizados para oxidação pela proteína. A atividade Staphylococcus aureus deve ocorrer por meio de mecanismos que não induzam danoso na morfologia celular, uma vez que não foi observada qualquer alteração morfológica por microscopia de força atômica. Já a análise das três tintas pro PAGE-SDS revelou a presença, em todas elas, de bandas protéicas de cerca de 60 kDa, além de bandas de peso moleculares mais baixos. Por Western blot pode-se observar a existência de identidade imunológica entre proteinas das três tintas, visto que anticorpos policlonais produzidos contra a dactilomelina-P reconheceram proteína(s) de cerca de 60 kDa na tinta de B. leachii e de cerca de 30 kDa na tinta de Octopus sp. Dentre as três tintas, somente a tinta de A. dactylomela apresentou atividades antibacterianas e antifúngica
Abstract: In shelled molluscs or those in which it is present as vestigial as cephalopods and gastropods opistobrânquios, the lack of external protection led to the evolution of defense mechanisms dominated by the secretion or incorporation of bioactive chemicals. Proteins synthesized again are good examples of these molecules, were found in paints of various species of sea slugs, particularly the genus Aplysia. Many have already revealed belong to protein families with oxidástica activity of L-amino acids (LAAOs), a group which comprises also bioactive proteins found in snake venoms. The characterization therefore biological activities and biochemical profile of these proteins is very useful for us to understand how to give the defense mechanisms of animals and how widespread they are, in addition to providing subsidies to its application biomedicinal. This study aimed to elucidate the mechanisms of action of P-dactilomelina, antibacterial protein purified from Aplysia ink dactylomela, and comparison of protein composition and antimicrobial activities of paint released by two gastropods, A. dactylomela and Bursatella leachii, and a cephalopod, Octopus sp .. The study revealed that dactilomelina-P is an L-amino acid oxidase capable of oxidizing L-lysine and L-arginine, with a higher affinity for L-arginine, with a Km of 0.22 + - 0.16 mM / L for L -lys and 0.015 + - 0.01 mM / L L-arg. It also demonstrated that its antibacterial activity is measured by this property, with the hydrogen peroxide generated in the oxidation enzimáticca, great aprtipação in bacterial inhibition. The protein behaves in a non-bacteriostatic when supplemented with L-lysine and L-angilina, being in the presence of bactericidal. In addition, the antibacterial activity was shown to be dependent on the concentration of amino acids available for oxidation by the protein. Staphylococcus aureus activity must occur through mechanisms that do not induce damage to cell morphology, since we did not observe any morphological change by atomic force microscopy. The analysis of the three pro paint SDS-PAGE revealed the presence in them all, protein bands of about 60 kDa, and bands of lower molecular weight. For Western blot can observe the existence of immunologic identity between proteins of the three dyes, since polyclonal antibodies produced against P-dactilomelina recognized protein (s) of about 60 kDa in ink B. leachii and approximately 30 kDa in ink Octopus sp. Among the three dyes, only the ink of A. dactylomela showed antibacterial and antifungal activities
Descrição: TAVARES, Tallita Cruz Lopes. Proteínas de tintas de moluscos marinhos: composição, função e mecanismo de ação. 2010. 70 f. Dissertação (Mestrado em Ciêncais Marinhas Tropicais) - Instituto de Ciêncais do Mar, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2010.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1821
Aparece nas coleções:LABOMAR - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_dis_tclopes.pdf4,66 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.