Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18244
Título: Detecção de Aeromonas spp. em amostras de água superficial e sedimento ao longo de um gradiente de salinidade no estuário do Rio Cocó - Ceará
Título em inglês: Detection Aeromonas spp. in surface water samples and sediment along a salinity gradient in river estuary Cocó - Ceará
Autor(es): Silva, Camila Magalhães
Orientador(es): Vieira, Regine Helena Silva dos Fernandes
Palavras-chave: Engenharia de pesca
Aeromonas
Ambientes aquáticos
Resistência
Cura do plasmídio
Antibiotics
Plasmids
Aquatic environment
Data do documento: 2009
Citação: SILVA, C. M. (2009)
Resumo: Este projeto teve como objetivo principal a pesquisa de Aeromonas spp. em água de superfície e sedimento em três pontos distintos ao longo do rio Cocó, Ceará. Foram realizadas coletas no período de outubro de 2007 a abril de 2008 gerando um total de 30 amostras de água e 30 de sedimento. A quantificação da comunidade bacteriana pertencente ao gênero Aeromonas foi feita através de plaqueamento direto sobre Agar Gelatina Fosfato Sal (Agar GSP acrescido de 20μg/mL de ampicilina). Nas amostras de água, os valores obtidos variaram de 10 a 7.050 UFC/mL e de 25 a 38.500 UFC/mL nos pontos A e B, respectivamente. Nas amostras de sedimento, as contagens variaram de 100 a 37500 UFC/g e 1.200 a 43.500 UFC/g nos pontos A e B, respectivamente. Nas amostras de água e sedimento do ponto C, os valores foram menores que 10 UFC (por mL ou g) em todas as coletas. As maiores contagens foram verificadas no mês de abril, período de chuva, e as menores no mês de setembro, período de estiagem. Foram feitos isolamentos e após identificação as estirpes foram submetidas à teste de antibiograma e à técnica da “cura” do plasmídio. Dentre as 41 cepas isoladas, foram identificadas as espécies A. caviae, A. sobria, A. trota, A. salmonicida e A. allossacharophyla. Todas as cepas se mostraram sensíveis ao cloranfenicol e ceftriaxona. Todas as estirpes apresentaram resistência a, pelo menos, dois dos nove antibióticos testados. Após a técnica de cura, a maior parte da resistência a eritromicina ficou caracterizada como de origem plasmidial.Conclui-se que o estuário do Rio Cocó está contaminado por Aeromonas e que muitas delas apresentam resistências a antibióticos denotando um ambiente poluído e de risco para a população que usa suas águas para lazer, pesca ou outra atividade qualquer.
Abstract: This research work was designed to detect the presence of Aeromonas in the Cocó River estuary, Fortaleza, Ceará State, Brazil. The database consisted of 30 samples of the river’s surface water and 30 samples of the river’s sooil, in the period from September, 2007 to April, 2008.. They were amenable, simultaneously, to counting of bacteria on Agar Gelatin Phosphate Salt (GSP) plus 20μg/mL of ampicilim (UFC/mL or UFC/g) The results showed dissemination of Aeromonas in the estuary. The counts for the water samples varied from 10 to 7,050 and from 25 to 38,500 UFC/mL at points A and B respectively; and from 100 to 37,500 UFC/g, and 1,200 to 43500 UFC/g at points A and B respectively. At point C, the counts for water and sediment were smaller than 10 UFC per ml or gram in all samples The occurrence of the greatest indices of Aeromonas in April, at the height of the rainy season, and the lowest in Septemer, at the height of the dry season, suggests there to be a probable seasonality of bacteria density in the studied environment. Among the 41 isolated strains were found the species A. caviae, A. sobria, A. trota, A. salmonicida and A. allossacharophyla. All the strains of Aeromonas sp. were found to be sensitive to cloranfenicol and ceftriaxona except for ampicillim, to which they showed 100% resistance.All the stirps showed resistance to two out of the nine tested antibiotics. After the Curing’ technique, the eritromicina resistance seems to be of plasmidian origin.
Descrição: SILVA, Camila Magalhães. Detecção de Aeromonas spp. em amostras de água superficial e sedimento ao longo de um gradiente de salinidade no estuário do Rio Cocó - Ceará. 2009. 86 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Engenharia de Pesca, Fortaleza-CE, 2009
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18244
Aparece nas coleções:PPGENP - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_dis_cmsilva.pdf1,76 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.