Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18292
Título: Concentrado protéico de soja e óleo de soja em rações experimentais para o camarão marinho Litopenaeus vannamei
Título em inglês: Soy protein concentrate and soy oil in experimental diets to the marine shrimp Litopenaeus vannamei
Autor(es): Cordeiro Júnior, Evandro Lima
Orientador(es): Sá, Marcelo Vinícius do Carmo e
Palavras-chave: Engenharia de pesca
Farinha de peixe
Óleo de peixe
Concentrado protéico de soja
Óleo de soja
Fish meal
Fish oil
Soy protein concentrate
Soybean oil
Camarão - Alimentação e rações
Nutrição animal
Data do documento: 2011
Citação: CORDEIRO JÚNIOR, E. L. (2011)
Resumo: Atualmente, há grande esforço de pesquisa no sentido de se substituir, parcial ou totalmente, a farinha de peixe das rações artificiais por fontes protéicas vegetais, visando menores custos, e maior previsibilidade de produção. O presente trabalhou objetivou avaliar o desempenho zootécnico de juvenis do camarão marinho Litopenaeus vannamei (1,59 ± 0,46 g) cultivados em laboratório sob condições controladas durante 72 dias, sendo estocados em 50 tanques circulares de polietileno de 500 L, na densidade de 40 camarões/tanque (70 camarões/m²). No estudo, o concentrado protéico de soja foi o principal substituto da farinha de peixe, e o óleo de soja o principal substituto do óleo de peixe. Oito rações experimentais foram formuladas combinando quatro níveis de inclusão de farinha de peixe e dois níveis de inclusão de óleo de peixe (120/20, 120/ 10, 85/20, 85/10, 50/20, 50/10, 0/20 e 0/10), o primeiro número se refere à inclusão de farinha de peixe em g kg-1 e o segundo número se refere à inclusão de óleo de peixe em g kg-1. Houve diferença significativa no crescimento semanal, peso final, consumo total de ração, FCA, produtividade e TEP em função do percentual de inclusão de farinha de peixe nas dietas, já para sobrevivência e VPP não houve diferença significativa. Pode ser concluído que é possível diminuir o nível de inclusão de farinha de peixe na dieta de 120 g.kg- 1 para 85 g.kg-1 sem comprometer o crescimento dos camarões somente se a dieta contiver, no mínimo, 10 g.kg-1 de óleo de peixe. Se o nível de inclusão de óleo de peixe cair para 10 g kg-1, a inclusão mínima de farinha de peixe sem prejuízo zootécnico será para 85 g kg-1. Houve perda significativa na taxa de crescimento do L. vannamei quando se retirou por completo a farinha de peixe da dieta, independentemente do nível de inclusão de óleo de peixe testado (20 ou 10 g kg-1). Trabalhos futuros são requeridos para avaliar outros níveis de inclusão, técnicas de produção baratas, ingredientes alternativos à farinha de peixe etc
Abstract: Currently, there are many studies to replace total or part of fishmeal in the artificial feeds by plant protein sources in order to lower costs and greater predictability of production. The study aimed to evaluate the growth performance of juvenile shrimp Litopenaeus vannamei (1.59 ± 0.46 g) reared in the laboratory under controlled conditions for 72 days. They were stored in 50 polyethylene circular tanks of 500 L at the density of 40 shrimp/tank (70 shrimp/m2). Soybean protein concentrate was the main substitute for fish meal and the soybean oil was the main substitute for fish oil. Eight experimental feeds were formulated combining four levels of inclusion of fish meal and two levels of fish oil (120/20, 120/10, 85/20, 85/10, 50/20, 50/10, 0//20 and 0/10). The first number refers to the inclusion of fishmeal (g kg-1) and the second number refers to the inclusion of fish oil (g kg-1). Differences were significant in weekly growth, weight gain, final weight, total feed intake, FCR, yield and PER based on the percentage of inclusion of fishmeal in diets. Survival and ANPU were not significant. Results showed that it is possible to reduce the level of inclusion of fishmeal in the diet of 120 g kg-1 to 85 g.kg-1 and this doesn’t compromise the shrimp growth only if the diet contains at least 10 g.kg -1 of fish oil. If the level of inclusion of fish oil decreases to 10 g kg-1, the minimum inclusion of fish meal, without prejudice, will be subject to 85 g kg-1. There was a reduction in growth rate of L. vannamei when it was removed completely from the fish meal diet. This fact occurred regardless of inclusion level of tested fish oil (20 or 10 g kg-1). Further work is required to evaluate other levels of inclusion, cheap production techniques, alternative ingredients to fish meal etc
Descrição: CORDEIRO JÚNIOR, Evandro Lima. Concentrado protéico de soja e óleo de soja em rações experimentais para o camarão marinho Litopenaeus vannamei. 2011. 54 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Engenharia de Pesca, Fortaleza-CE, 2011
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18292
Aparece nas coleções:PPGENP - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_dis_elcodeirojúnior.pdf894,74 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.