Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1832
Título: Micologia forense : a dinâmica da microbiota fúngica na investigação do período post mortem
Autor(es): Moreira Filho, Renato Evando
Orientador(es): Brilhante , Raimunda Samia Nogueira
Palavras-chave: Medicina Legal
Micologia
Data do documento: 2008
Citação: MOREIRA FILHO, R. E. (2008)
Resumo: Com o evoluir das observações médico-legais, determinadas espécies de insetos e microrganismos foram descritos como indicadores de períodos da degradação do corpo. Entretanto, a literatura científica ainda é escassa no campo da Micologia Forense. Assim, investigaram-se as características microbiológicas dos fungos partícipes na mudança de flora post mortem em humanos, bem como estimou-se o valor da realização de exames micológicos no estudo cronotanatológico. Foram realizadas um total de 400 coletas em 60 corpos humanos (34 do período gasoso, 06 do coliquativo e 20 do esqueletizado) examinados no Instituto Médico-Legal de Fortaleza e em cemitérios do Estado do Ceará. Foram realizados estudos macro/micromorfólogicos e testes bioquímicos específicos para cada grupamento fúngico isolado. Aliado a tais análises, foi também realizado o teste da perfuração do pêlo in vitro em pêlos de cadáveres no período gasoso e em pêlos de adultos hígidos. Estas identificações foram realizadas no Centro Especializado em Micologia Médica da Universidade Federal do Ceará. Com os resultados antropológicos, foi observado que o sexo masculino, dos 31 aos 40 anos, foi o mais comumente acometido, sendo a capital (Fortaleza) a mais envolvida no número de mortes. No período gasoso, dentre os fungos filamentosos identificados, foi observada a presença de quatro ordens: Eurotiales (63 isolados de Aspergillus spp e 21 de Penicillium spp), Mucorales (4 Mucor spp) e Hypocreales (2 Acremonium spp, 1 Trichoderma spp e 1 Fusarium spp) e Saccharomycetales (2 Geotrichum spp). No referente às leveduras, verificaram-se as ordens: Saccharomycetales (Candida spp 44) e Tremellales (Trichosporon spp 5). No período coliquativo, registraram-se as ordens: Eurotiales (Penicillium spp 2 e Aspergillus 2) e Hypocreales 1 (Acremonium spp). No referente às leveduras, isolou-se apenas a Ordem Saccharomycetales (Candida spp 3). No período de esqueletização, verificaram-se as seguintes ordens: Eurotiales (Aspergillus spp 22 e Penicillium spp 18), Mucorales (Mucor spp 10) e Hypocreales (Acremonium spp 2 e Trichoderma spp 1). No referente às leveduras, registraram-se duas ordens: Tremellales (Trichosporon spp 1) e Saccharomycetales (Candida spp 1). Quanto ao teste de perfuração do pêlo in vitro, a positividade foi observada no período gasoso, diferindo de adultos hígidos, em que foi negativa. Conclui-se que o estudo da Micologia Forense ainda é um campo rico em dados e que os fungos poderão vir a ser uma ferramenta complementar no estudo do tempo de morte em Medicina Legal.
Abstract: With developing of forensic observations, certain species of insects and microorganisms were described as indicators of periods of the degradation of the body. However, the literature is still scarce in the field of Forensic Mycology. It was investigated the microbiological characteristics of fungi presence in the post mortem change, as well as, it esteemed the value of the mycology exams in the study. 400 collections was accomplished in 60 human bodies (34 of the bloated stage, 06 of the putrefaction stage and 20 of the skeletonization stage) at the Fortaleza city morgue and public cemeteries in the state of Ceará, The picked material was analyzed through macro/microcharacteristics and specific biochemical tests. Ally to such analyses, was also accomplished the test of the perforation of the hair in vitro in hair of corpses in the bloated stage and in hair of healthy adults. The material gathered was analyzed at the Specialized Medical Mycology Center of the Federal University of Ceará. With the anthropological results, it was observed that male, in the interval of the 31 to the 40 years, was more commonly attacked, being the capital (Fortaleza) the more involved in the number of deaths. In the bloated stage, among the identified filamentous fungi, the presence of four orders was observed: Order Eurotiales (63 isolated Aspergillus spp and 21 isolated Penicillium spp), Order Mucorales (4 Mucor spp), Order Hypocreales (2 Acremonium spp, 1 Trichoderma spp and 1 Fusarium spp) and Order Saccharomycetales (2 Geotrichum spp). In the yeast distribution, it was observed the orders:Saccharomycetales (44 Candida spp) and Tremellales (5 Trichosporon spp). In the putrefaction stage, it was isolated the following orders: Eurotiales (Penicillium spp 2 and Aspergillus 2) and Hypocreales 1 (Acremonium spp). Regarding the yeasts, it was just isolated the Order Saccharomycetales (Candida spp 3). In the eskeletonization stage, the following orders were observed: Order Eurotiales (Aspergillus spp 22 and Penicillium spp 18), Order Mucorales (Mucor spp 10) and Order Hypocreales (Acremonium spp 2 and Trichoderma spp 1). Regarding the yeasts, two orders were found: Tremellales (Trichosporon spp 1) and Saccharomycetales (Candida spp 1). In the hair perforation test in vitro, it was positive in the bloated stage, differing of healthy adults,where the test was negative. For conclusion, Forensic Micology is still a rich field in data and fungi can come to be a tool in the aid of human post mortem diagnosis.
Descrição: MOREIRA FILHO, Renato Evando. Micologia forense : a dinâmica da microbiota fúngica na investigação do período post mortem. 2008. 133 f. Dissertação (Mestrado em Microbiologia Médica) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2008.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1832
Aparece nas coleções:DMC - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_dis_remfilho.pdf8,45 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.