Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18377
Título: Terceirização e saúde do trabalhador: uma revisão da literatura nacional.
Título(s) alternativo(s): Subcontratación y salud del trabajador: revisión de la literatura nacional.
Título em inglês: Outsourcing and worker health: a review of the national literature.
Autor(es): AQUINO, Cássio Adriano Braz de
SABÓIA, Iratan Bezerra de
MELO, Pamella Beserra de
CARVALHO, Tainã Alcântara de
XIMENES, Veronica Morais
Palavras-chave: Saúde do trabalho
Terceirização
Vulnerabilidade
Worker’s health
Outsourced services
Vulnerability
Salud del trabajo
Subcontratación
Vulnerabilidad
Data do documento: 2016
Editor: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho.
Citação: AQUINO, C. A. B.; SABÓIA, I. B.; MELO, P. B.; CARVALHO, T. A.; XIMENES, V. M. (2016)
Resumo: Objetiva-se discutir a vulnerabilidade no mundo laboral a partir da terceirização e da saúde do trabalhador por meio de uma revisão da literatura dos trabalhos científicos nacionais produzidos entre 2010 e 2015 nas bases de dados da SciELO, BVS-Psi, Banco de Teses e Periódicos CAPES, com os seguintes descritores: trabalho, terceirização e saúde. Para tal, consideraram-se as categorias: quantidade de autores, região do veículo de publicação e dos autores, natureza da pesquisa, tipo de tratamento de dados, área do conhecimento da publicação e área de formação dos autores. A partir do contexto de precarização no qual se insere grande parte dos trabalhadores, foi possível perceber o tratamento dado ao tema da terceirização, entendendo-a como processo que tomou grandes proporções na vulnerabilização do trabalho, impactando na saúde do trabalhador. A quantidade de publicações está aquém da relevância concedida à terceirização e de sua relação com a saúde do trabalhador. Destaca-se que o Sudeste concentra o maior número de publicações (78,78%), como também de autores provenientes de instituições de ensino dessa região (78,94%). Percebeu-se que a maioria dos textos (68,42%) se deteve na análise qualitativa dos dados. Além disso, é na área da Saúde Coletiva que os artigos se concentram mais, ao passo que apenas dois foram publicados em periódicos na área da Psicologia. Dessa forma, busca-se destacar não apenas o caráter da produção acadêmica sobre o tema da terceirização em consonância à categoria saúde, mas expor a participação da teoria da Psicologia ao tema, creditando a devida importância aos estudos multidisciplinares.
Abstract: The objective is to discuss vulnerability in the working world based on outsourcing and worker health, through a literature review of Brazilian scientific papers between 2010 and 2015 in the databases of SciELO.br, BVS-Psi, and CAPES Theses and Periodicals, with the following descriptors: work, outsourcing, and health. To this end, the categories considered were: number of authors, publishing vehicle and author region, nature of the research, type of data handling, knowledge area of the publication, and degree areas of the authors. Viewed from the context of insecurity, which pertains to most of the workers, the treatment given to the issue of outsourcing could be seen, understanding it as a process that took on grand proportions in bringing vulnerability to work, having an impact on worker health. The number of publications falls short given the relevance of outsourcing and its relationship to worker health. It is noteworthy that the Southeast has the largest number of publications (78.78%), as well as of authors from educational institutions of this region (78.94%). It was noted that most of the texts (68.42%) were confined to qualitative data analysis. Moreover, it is in the area of public health that the articles focus more, while only two were published in journals in the psychology field. We intend to not only highlight that the academic production on the subject of outsourcing is in line with the health category, but also to expound on the involvement of psychology with that theme, assigning due importance to multidisciplinary studies.
Resumo em espanhol: Este estudio objetiva discutir la vulnerabilidad en el mundo laboral a partir de la subcontratación y de la salud del trabajador. Para ello, se ha hecho una revisión bibliográfica de los trabajos científicos nacionales publicados entre 2010 y 2015 en las bases de datos de la SciELO, BVS-Psi, Banco de Tesis y Periódicos CAPES, con los siguientes descriptores: trabajo, subcontratación y salud. Para tanto, se tuvieron en cuenta las categorías: cantidad de autores, región del medio de publicación y de los autores, naturaleza de la investigación, tipo de tratamiento de datos, área de conocimiento de la publicación y área de formación de los autores. A partir del contexto de precarización en el que se insiere gran parte de los trabajadores, fue posible comprender el tratamiento dado al tema de la subcontratación, entendiéndola como un proceso que tomó grandes proporciones en la vulnerabilidad del trabajo, causando impacto en la salud del trabajador. La cantidad de publicaciones es inferior a la relevancia atribuida a la subcontratación y a su relación con la salud del trabajador. Cabe destacar que el Sureste detiene el mayor número de publicaciones (un 78,78%), así como de autores provenientes de instituciones de enseñanza de esa región (un 78,94%). Se observó que la mayoría de los textos (un 68,42%) se detuvo en el análisis cualitativo de los datos. Además de eso, es en el ámbito de la Salud Colectiva que los artículos más se concentran, mientras que solamente dos fueron publicados en periódicos en el campo de la psicología. De esta manera, se busca destacar no sólo el carácter de la producción académica sobre el tema de la subcontratación en consonancia con la categoría salud, sino también exponer la participación de la teoría de la psicología al tema, dando la debida importancia a los estudios multidisciplinares.
Descrição: AQUINO, Cássio Adriano Braz de et al. Terceirização e saúde do trabalhador: uma revisão da literatura nacional. Revista Psicologia: Organizações e Trabalho, Brasília, v. 16, n. 2, p. 130-142, abr./jun. 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18377
ISSN: 1984-6657
Aparece nas coleções:DPSI - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_art_vmximenes.pdf388,13 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.