Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18479
Título: Deficiência de vitamina B12 em pacientes de uma enfermaria de clínica médica em Fortaleza/CE
Autor(es): Cassimiro, Jéssica Maria Moura
Aguiar, Gabriella Pequeno Costa Gomes de
Oliveira, Otilio José Nicolau de
Barreto Junior, Claudio Abreu
Palavras-chave: Deficiência de Vitamina B 12
Vitamina B12
Data do documento: Jan-2016
Editor: Revista de Medicina da UFC
Citação: CASSIMIRO, J. M. M. ; AGUIAR, G. P. C. G. ; OLIVEIRA, O. J. N. ; BARRETO JUNIOR, C. A. (2016)
Resumo: Foi realizado um estudo transversal que contou com 116 participantes que estiveram internados na enfermaria de Clínica Médica do Hospital Geral de Fortaleza (HGF) nos seis primeiros meses do ano de 2015. O objetivo foi descrever a prevalência da deficiência de vitamina B12 e descrever as características clínicas em pacientes internados nessa unidade. A prevalência de deficiência de cobalamina foi de 18%. Encontramos que 40% dos pacientes apresentaram afecção neurológica não explicada por causas vasculares, 20% anemia macrocítica, 20% alcoolismo, 20% uso de inibidor de bomba de prótons, 10% uso de metformina, 10% dieta estritamente vegetariana, 10% diagnóstico de infecção por HIV, 10% diagnóstico prévio de gastrite atrófica e 10% diagnóstico prévio de hipotireoidismo. Em nenhum caso supracitado encontrou-se significância estatística (p < 0,05).
Descrição: CASSIMIRO, Jéssica Maria Moura et al. Deficiência de vitamina B12 em pacientes de uma enfermaria de clínica médica em Fortaleza/CE. Rev Med UFC, Fortaleza, v. 56, n. 1, p. 18-23, jan./jun. 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18479
ISSN: 2447-6595 On line
Aparece nas coleções:DMC - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_art_jmmcassimiro.pdf669,87 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.