Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18570
Título: O crescimento urbano e o risco à poluição das águas subterrâneas freáticas no entorno da lagoa da Parangaba, Fortaleza-Ceará
Autor(es): Oliveira, Magno Régis Barros de
Orientador(es): Cavalcante, Itabaraci Nazareno
Palavras-chave: Geologia
Risco à Poluição
Águas subterrâneas - Poluição
Lagoas - Ecologia - Parangaba (Fortaleza, CE)
Lagoa da Parangaba
Hidrogeologia
Data do documento: 2013
Citação: OLIVEIRA, M. R. B. (2013)
Resumo: Este trabalho reúne informações referentes a um estudo geoambiental, no qual se utilizam dados geológicos e hidrogeológicos, além de ferramentas de Sistema de Informações Geográficas para qualificar o risco à poluição das águas subterrâneas freáticas no entorno da Lagoa da Parangaba no município de Fortaleza, Ceará. Os dados geológicos foram obtidos através de perfis de poços cedidos pelo Sistema de Informações de Águas Subterrâneas (SIAGAS), que foram essenciais para determinar os Sistemas Hidrogeológicos da área pesquisada. Foram utilizados fotos aéreas em diferentes épocas para avaliar o grau de modificação da paisagem da lagoa e a evolução urbana na região, avaliando os problemas ambientais provocados pelo crescimento urbano. Para qualificar a água subterrânea no entorno da lagoa, foram selecionados 20 poços para coletas de amostras de água, sendo avaliados parâmetros físico-químicos em 19 amostras no período de estiagem e 20 amostras no período chuvoso, além de 5 amostras referentes a qualidade microbiológica; nesse trabalho foram avaliadas as águas da Lagoa da Parangaba em três pontos de coleta, adotando-se os padrões de potabilidade da Portaria no 2914/2011 do Ministério da Saúde do Brasil. Os resultados demostraram que algumas amostras apresentaram valores inadequados com pH abaixo de 6, consideradas águas ácidas, turbidez acima de 5 UNT, ferro acima de 0,3 mg/L, cloreto superior a 250 mg/L e nitrato com valores elevados, acima de 10 mg/L N-NO3, além de todas as amostras avaliadas nos parâmetros microbiológicos manifestaram a presença de bactérias do grupo dos Coliformes Fecais, não sendo aprovadas pela Portaria supracitada, já que tais águas podem apresentar risco a saúde humana.
Descrição: OLIVEIRA, Magno Régis Barros de. O crescimento urbano e o risco à poluição das águas subterrâneas freáticas no entorno da lagoa da Parangaba, Fortaleza-Ceará. 2013. 150 f. Dissertação (Mestrado em geologia)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18570
Aparece nas coleções:DGL - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_dis_mrboliveira.pdf15,44 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.