Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18880
Título: Propriedades bioativas e caracterização bioquímica de uma lectina purificada a partir de sementes de Clitoria fairchildiana R. A. Howard
Título em inglês: Bioactive properties and biochemical characterization of a lectin purified from seeds of R. fairchildiana A. Howard
Autor(es): Leite, Joana Filomena Magalhães
Orientador(es): Cavada, Benildo Sousa
Coorientador(es): Gadelha, Tatiane Santi
Palavras-chave: Bioquimica
Clitoria fairchildiana
Lectina
Glicoproteína
Atividade antiinflamatória
Clitoria fairchildiana
Lectin
Glycoprotein
Antiinflammatory activity
Lectinas
Clitoria
Antibacterianos
Agentes antiinflamatórios
Data do documento: 2012
Citação: LEITE, J. F. M. (2012)
Resumo: Lectinas são proteínas que tem a capacidade de se ligar especificamente e reversivelmente a carboidratos e glicoconjugados, sem alterar a estrutura do ligante. Elas são encontradas em organismos tais como vírus, bactérias, plantas e animais, e tem sido demonstrado que possuem atividades biológicas importantes. Clitoria fairchildiana R. A. Howard é uma espécie pertencente à família Fabaceae, nativa da América do Sul. O objetivo deste estudo foi isolar e caracterizar uma lectina presente em sementes de Clitoria fairchildiana, avaliar o potencial fitoterápico e farmacológico (antinociceptivo, pró e antiinflamatório, hemolítico, antibacteriano e antifúngico) desta lectina. Os resultados indicaram a presença de uma lectina (CFAL) na fração proteica glutelina ácida, que aglutina eritrócitos de coelho nativos, a qual não foi inibida por monossacarídeos e glicoproteínas testadas, foi purificada por cromatografia em coluna de troca-iônica, DEAE-Sephacel. Análise da lectina em SDS-PAGE indicou duas bandas com massa molecular de aproximadamente 100 e 116 kDa. As análises em DLS apresentam uma amostra monomodal com raio hidrodinâmico (RH) de 4,5 nm, indicando uma conformação dependente de alta concentração salina. A CFAL é uma glicoproteína PAS (+) capaz de ser inativada pelo tratamento com metaperiodato de sódio, porém resistente ao efeito de β-mercaptoetanol e uréia. Esta lectina não apresentou citotoxicidade significativa não alterou a fragilidade osmótica, bem como não apresentou efeitos oxidante/antioxidante significativos frente a hemácias humanas. A lectina apresentou atividade antiinflamatória em modelo de edema da pata induzido por carragenina, com diminuição de 71% do edema. Efeitos antinociceptivos dose dependentes foram observados para CFAL no teste de contorções abdominais induzida por ácido acético, com redução do número de contorções em até 72%. A lectina de C. fairchildiana foi capaz de reduzir o crescimento de Bacillus subtilis e não afetou o crescimento dos fungos testados. Concluiu-se que a lectina purificada e caracterizada a partir das sementes de Clitoria fairchildiana é uma glicoproteína desprovida de pontes dissulfeto com atividade antiinflamatória e antinociceptiva e não é citotóxica para eritrócitos humanos.
Abstract: Lectins are proteins that have the ability to bind specifically and reversibly to carbohydrates and glycoconjugates, without changing the structure of binder. They are found in organisms such as virus, bacterias, plants and humans, and has been shown to possess important biological activities. Clitoria fairchildiana R. A. Howard is a species belonging to the Fabaceae family, native to South America. The purpose of this study was to isolate and to characterize a lectin present in seeds of Clitoria fairchildiana, evaluate the herbal and pharmacological potential (antinociceptive, pro-and antiinflammatory, hemolytic, antibacterial and antifungal) of this lectin. The results indicated the presence of a lectin (CFAL) on protein fraction acid glutelin, CFAL binds native rabbit erythrocytes, was not inhibited by monosaccharides and glycoproteins tested and was purified by ion exchange chromatography, DEAE-Sephacel. Analysis of the lectin in SDS-PAGE showed two bands with molecular mass approximately 100 and 116 kDa. In DLS analyzes have a monomodal sample with hydrodynamic radius (RH) of 4.5 nm, showing a conformation high salt concentration dependent. The CFAL is a glycoprotein PAS (+) capable of being inactivated by treatment with sodium metaperiodate, but resistant to the effect of β-mercaptoethanol and urea. This lectin did not show significant cytotoxicity, did not change the osmotic fragility and not showed oxidant/antioxidant significant effects, compared to human erythrocytes. The lectin showed anti-inflammatory activity in models of paw edema induced by carrageenan, decreasing 71% of edema. Dose dependent antinociceptive effects were observed for CFAL on abdominal writhing test induced by acetic acid, reducing the number of writhes in up to 72%. The C. fairchildiana lectin was able to reduce the growth of Bacillus subtilis and did not affect growth of the fungi tested. It was concluded that the lectin purified and characterized from the seeds of Clitoria fairchildiana is a glycoprotein lacks disulfide bonds with antinociceptive and antiinflammatory activity, and is not cytotoxic to human erythrocytes.
Descrição: LEITE, Joana Filomena Magalhães. Propriedades bioativas e caracterização bioquímica de uma lectina purificada a partir de sementes de Clitoria fairchildiana R. A. Howard. 2012. 88 f. Tese (Doutorado em Bioquímica) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18880
Aparece nas coleções:DBBM - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_tese_jfmleite.pdf902,75 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.