Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18887
Título: Uso integrado de práticas de manejo na recuperação de um solo salino-sódico cultivado com coqueiro
Título em inglês: Integrated use of management practices in the reclamation of a salinesodic soil cultivated with coconut
Autor(es): Sousa, Carlos Henrique Carvalho de
Orientador(es): Lacerda , Claudivan Feitosa de
Palavras-chave: Engenharia Agricola
Salinização
Areas degradadas - recuperação
Produtividade. Viabilidade econômica
Cocos nucífera
Salinization
Degraded areas - reclamation
Produtividade
Economic viability
Cocos nucífera
Solos - Salinidade
Solos - Degradação
Solos - Manejo
Coqueiro
Data do documento: 2012
Citação: SOUSA, C.H. C. (2012)
Resumo: Os solos afetados por sais são conhecidos há muito tempo, no entanto, sua extensão e intensidade têm aumentado consideravelmente, resultando na expansão da área degradada por salinidade e sodicidade. Assim, práticas de manejo adequadas para controlar a salinidade dos solos tornam-se fundamentais principalmente visando à sustentabilidade, além de constituírem alternativas de uso e recuperação do solo. Portanto, o objetivo deste trabalho foi avaliar o uso integrado de práticas de manejo na recuperação de um solo salino-sódico no Perímetro Irrigado Curu-Pentecoste, Ceará, e em seguida proceder uma análise de viabilidade econômica, utilizando indicadores de rentabilidade do processo de recuperação. O estudo foi desenvolvido em uma área cultivada com coqueiro com cerca de 2 anos de idade e que se encontrava com desenvolvimento bastante reduzido. Inicialmente foi instalado um sistema de drenagem subterrâneo constituído de um dreno coletor aberto de 135 m, dez drenos laterais de 45 m, compostos por tubos drenoflex DN 65 mm, manta bidim OP-20 e uma caixa de brita n° 01. O experimento com culturas anuais foi instalado entre as fileiras de coqueiro, com os tratamentos sendo dispostos em um delineamento em blocos casualizados, em parcelas subdivididas, com quatro repetições, durante dois ciclos (2009/2010 e 2010/2011). As parcelas foram formadas pelos tratamentos: T1. Subsolagem (S); T2. S + 20 Mg ha-1 de gesso; T3. S + 40 Mg ha-1 de matéria orgânica; T4. S + 10 Mg ha-1 de gesso + 20 Mg ha-1 de matéria orgânica; T5. S + 20 Mg ha-1 de gesso + 40 Mg ha-1 de matéria orgânica, e as subparcelas corresponderam às rotações culturais algodão-feijão-de-corda (AL/FC) e girassol-feijão-decorda (GI/FC). A utilização da subsolagem juntamente com a instalação do sistema de drenagem subterrâneo proporcionou um rebaixamento médio do lençol freático de 0,3 m e promoveu melhorias nas condições físicas do solo aumentando a condutividade hidráulica. A produção do coqueiro desde a primeira colheita realizada apresentou evolução crescente passando de 33,3 fruto/planta/ano em 2010/2011 para 152,4 frutos/planta/ ano em 2011/2012. Os resultados demonstram que o emprego dos corretivos químicos e orgânicos contribuiu para a diminuição dos níveis de salinidade e sodicidade do solo, sendo seus efeitos mais evidenciados para redução da sodicidade, com o gesso se mostrando mais eficiente nesse processo. As maiores doses de gesso e matéria orgânica aplicadas no tratamento T5 promoveram a maior produtividade do girassol e do feijão-de-corda. Não se observou diferenças na produção de matéria seca da parte aérea entre as espécies nos dois anos de cultivo; no entanto, no ciclo 2010/2011 observou-se um aumento médio de 114% (algodão) e 89% (girassol) na produção de matéria seca, em relação ao ciclo 2009/2010, sendo um indicativo da recuperação progressiva do solo. Observaram diferenças estatísticas nas medições de condutância estomática e das taxas de fotossíntese e de transpiração apenas entre épocas de medições. Os teores foliares de Na+ nas plantas de girassol e algodão foram reduzidos de um cultivo para outro, principalmente nos tratamentos com aplicação de gesso. O processo de recuperação apresentou viabilidade econômica à taxa de juros de 2% ao ano, conforme características do agricultor familiar assistido pelo PRONAF. No entanto, o resultado só foi possível com a contribuição da produção do coqueiro, haja vista que produção do algodão, girassol e feijão-de-corda não foram suficientes para amortizar os investimentos.
Abstract: The salt affected soils are known for a long time, however, the scale and intensity have increased considerably, resulting in the expansion of the area degraded by salinity and sodicity. Thus, appropriate management practices to control soil salinity become fundamental mainly aimed at sustainability, as well as being alternative uses and land reclamation. Therefore, the objective of this study was to evaluate the integrated use of management practices in the reclamation of a saline-sodic soil in the irrigated Perimeter Curu-Pentecoste, Ceará, and then carried out an economic viability analysis, using profitability indicators of process of reclamation. The study was conducted in an area cultivated with coconut with 2 years old, with the plants showing delayed development. Initially it was installed a subsurface drainage system consisting of an open drain collector of 135 m, ten side drains of 45 m, composed of pipes Drenoflex DN 65 mm, manta bidim OP-20 and a box of gravel No. 01. The experiment was installed with annual crops between rows of coconut, with treatments being arranged in a randomized block design in a split plot design with four replications during two cycles (2009/2010 and 2010/2011). The plots were formed by the treatments: T1. Subsoiling (S), T2. S + 20 Mg ha-1 gypsum, T3. S + 40 Mg ha-1 of organic matter; T4. S + 10 Mg ha-1 gypsum + 20 Mg ha-1 of organic matter; T5. S + 20 Mg ha-1 gypsum + 40 Mg ha-1 of organic matter. The subplots correspond to two crop rotation systems: cotton-cowpea (AL / FC) and sunflower-cowpea (GI / FC ). The use of subsoiling along with the installation of subsurface drainage system provided an average drawdown of the water table of 0.3 m promoted improvements in soil physical conditions by increasing the hydraulic conductivity. The production of coconut from the first sample taken showed increasing trend from 33.3 fruit / plant / year in 2010/2011 to 152.4 fruits / plant / year in 2011/2012. The results demonstrate that the use of gypsum and organic matter contributed to the decreased levels of salinity and sodicity, and their effects are more evident for reducing sodicity, with gypsum proving more efficient in this process. The highest rates of gypsum and organic matter applied in the treatment T5 promoted greater productivity for sunflower and cowpea. There were no differences in the shoots dry matter of the species within two years of cultivation, however, in the cycle 2010/2011 there was an average increase of 114% (cotton) and 89% (sunflower) relative to 2009/2010 cycle, being an indicative of the progressive recovery of the soil. Statistically significant difference in stomatal conductance, photosynthesis and transpiration were observed only between seasons. Foliar concentrations of Na+ in plants of sunflower and cotton crops were reduced in the second cycle, relative to the first one, especially in the treatments with application of gypsum. The reclamation process showed economic viability at the rate of 2% per year, according to the characteristics of the family farmer assisted by PRONAF. However, the result was only possible with the contribution of coconut production, considering that the production cotton, sunflower and cowpea were not enough to cover the investment.
Descrição: SOUSA, Carlos Henrique Carvalho de. Uso integrado de práticas de manejo na recuperação de um solo salino-sódico cultivado com coqueiro. 2012. 124 f. : Tese (doutorado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Engenharia de Agrícola, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola, Fortaleza-CE, 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18887
Aparece nas coleções:PPGENA - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_tese_chcsousa.pdf1,69 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.