Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18893
Título: Características de carcaça e qualidade da carne de borregos Morada Nova de diferentes classes sexuais submetidos a restrições alimentares
Título em inglês: Carcass traits and meat quality of Morada Nova lambs of different sexual classes subjected to feed restrictions
Autor(es): Araújo, Thiago Luís Alves Campos de
Orientador(es): Pereira, Elzânia Sales
Palavras-chave: Zootecnia
Gênero
Ovino
Perfil de ácidos graxos
Restrição dietética
Semiárido
Dietary restriction
Fatty acids profile
Gender
Semiarid
Sheep
Data do documento: 2016
Citação: ARAUJO, T. L. A. C. (2016)
Resumo: Objetivou-se no presente estudo avaliar o efeito de classes sexuais e níveis de restrição alimentar sobre as características quantitativas e qualitativas das carcaças de borregos Morada Nova. Trinta e cinco animais com peso corporal inicial de 14,5 ± 0,89 kg foram utilizados em delineamento experimental inteiramente casualizado, em esquema fatorial 3x3, sendo três classes sexuais (11 machos inteiros, 12 machos castrados e 12 fêmeas) e três níveis de restrição alimentar (0% ou ad libitum, 30% e 60%). O consumo de matéria seca e o ganho médio diário foram maiores em machos inteiros (P<0,05) seguidos por machos castrados e fêmeas. As características das carcaças foram influenciadas (P<0,05) pelas classes sexuais e pela restrição alimentar. Machos inteiros apresentaram pesos de carcaça quente e fria superiores, seguidos por machos castrados e fêmeas. No entanto, o rendimento de carcaça quente foi maior em fêmeas (45,25%) e machos castrados (44,06%) em relação aos machos inteiros (42,09%). Quanto à qualidade da carne, os valores de luminosidade (L*) foram influenciados (P<0,05) pelas classes sexuais, sendo que machos inteiros apresentaram valor superior (39,74) em relação a machos castrados (38,19) e fêmeas (37,47). O perfil de ácidos graxos da carne não foi influenciado (P>0,05) pelas classes sexuais. As concentrações dos ácidos palmítico (C16:0), palmitoleico (C16:1c9), esteárico (C18:0) e oleico (C18:1c9) foram superiores (P<0,05) na carne de borregos submetidos a 0 e 30% de restrição alimentar em relação à carne daqueles restritos a 60%. A concentração de ácidos graxos desejáveis foi maior na carne dos animais alimentados ad libitum (2827,41 mg/g de carne) e submetidos a 30% de restrição alimentar (2770,69 mg/g de carne) em relação aos submetidos a 60% (1697,89 mg/g de carne). Animais de classes sexuais distintas produzem carcaças com características quantitativas diferentes sem exercer total influência sobre a qualidade da carne. O perfil lipídico da carne é menos favorável a saúde do consumidor quando os animais são submetidos à restrição alimentar de 60%.
Abstract: The present study has a goal of evaluating the sexual classes and feeding restriction levels on the quantitative and qualitative characteristics of Morada Nova’s lamb carcasses. Thirty-five animals with initial body weight of 14,5 ± 0,89 kg were used in a completely casualized experimental delineation, in a 3x3 factorial scheme, being three sexual classes (11 whole males, 12 castrated males and 12 females) and three levels of feeding restriction (0% or ad libitum, 30% e 60%). The dry matter intake and the average daily gain were higher in whole males (P<0,05) followed by castrated males and females. The characteristics of the carcasses were influenced (P<0,05) by sexual classes and feeding restriction. Whole males presented greater hot and cold carcass weights, followed by castrated males and females. However, the yield of the hot carcass was higher in females (45,25%) and castrated males (44,06%) compared to whole males (42,09%). Concerning meat quality, the luminosity values were influenced (P<0,05) by the sexual classes, with whole males presenting higher value (39,74) compared to castrated males (38,19 and females (37,47). The profile of fatty acids of the meat was not affected (P>0,05) by the sexual classes. The concentrations of palmitic acids (C16:0), palmitoleic acids (C16:1c9), stearic acids (C18:0) and oleic acids (C18:1c9) were higher (P<0,05) in the meat of the lambs submitted to 0 to 30% of feeding restriction in relation to the meat of those restricted to 60%. The concentration of desirable fatty acids was greater in the meat of animals fed ad libitum (2827,41 mg/g of meat) and submitted to 30% feeding restriction (2770,69 mg/g of meat) compared to those submitted to 60% (1697,89 mg/g of meat). Animals of distinct sexual classes produce carcasses with different quantitative characteristics without having total influence on meat quality. The lipid profile of the meat is less favorable to consumer’s health when the animals are submitted to 60% feeding restriction.
Descrição: ARAÚJO, Thiago Luís Alves Campos de. Características de carcaça e qualidade da carne de borregos Morada Nova de diferentes classes sexuais submetidos a restrições alimentares. 2016. 52 f. : Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências, Departamento de Zootecnia, Programa de Pós-Graduação em Zootecnia. Fortaleza-CE, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18893
Aparece nas coleções:PPGZO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_tlacaraujo.pdf1,56 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.