Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18932
Título: Resíduo da torrefação do café como fonte de potássio no cultivo do girassol
Título em inglês: Coffee roasting of residue as potassium fountain in sunflower crop
Autor(es): Moura, Maria da Conceição Freitas
Orientador(es): Dutra, Alek Sandro
Palavras-chave: Helianthus annuus
Adubação orgânica
Cloreto de potássio
Data do documento: 2016
Citação: MOURA, M. C. F. (2016)
Resumo: Tendo em vista as múltiplas utilidades da cultura do girassol, tais como matéria-prima para a produção de biocombustíveis, torta e farelo para alimentação animal, produtos para estética e saúde, como também a utilização no sistema de rotação de cultura e a interferência desta na fertilidade e ciclagem de nutrientes do solo, observa-se a sua importância como uma cultura que merece ser cultivada pelos produtores. O uso atrelado de matérias orgânicos no solo, somado com as características positivas do cultivo do girassol, possibilita minimizar custos de produção pela redução na compra de fertilizantes químicos e agregação de características benéficas ao solo, assim, a adubação orgânica pelo aproveitamento de resíduos agroindústrias merece ser estudado, principalmente na atualidade, pois é crescente os problemas ambientais em razão do manejo e uso exagerado de produtos químicos depositados no solo. Pesquisas devem ser realizadas com alternativas agroindustriais para analisar sua eficiência sobre as culturas e as condições oferecidas ao solo bem como ao meio ambiente, pela redução dos adubos químicos e o descarte inadequado desses resíduos na natureza, minimizando dessa forma a poluição do solo. A presente pesquisa objetivou avaliar as características fisiológicas e bioquímicas dos cultivares de girassol, bem como as características agronômicas e os componentes de produção como também a influência do resíduo orgânico sobre a qualidade fisiológica dos aquênios de girassol. Os tratamentos constaram de um fatorial com tratamento adicional (2x4+2), em que 2 constitui os cultivares (BRS 122 e BRS 323), 4 as doses de K do resíduo orgânico (T1=0, T2=40, T3=80 e T4=120 kg ha-1) mais a testemunha adicional que foio cloreto de potássio na dosagem de 60 kg ha-1 de K para ambos os cultivares. Os dados mostraram que para os aspectos fisiológicos e bioquímicos o resíduo orgânico não influenciou a fisiologia das plantas de girassol. Quanto as caraterísticas e os componentes de produção observou que o cultivar BRS 323 obteve o maior número de folhas, diâmetro do capitulo e produtividade, enquanto que o cultivar BRS 122 apresentou a maior altura de planta, já para a análise da fisiologia dos aquênios os resultados evidenciaram que o resíduo orgânico na dose 0 kg K ha-1 para a primeira contagem de germinação e na dose de 120 kg K ha-1 na emergência de plântulas referente ao cultivar BRS 122 apresentou desempenho inferior ao cloreto de potássio, bem como no índice de velocidade de emergência nas doses 0 e 40 kg K ha-1 para o cultivar BRS 122 e nas doses 0 e 120 kg K ha-1 do cultivar BRS 323. Conclui-se que o resíduo orgânico, pode ser substituído ao cloreto de potássio, sem efeito negativo para com a cultura do girassol.
Abstract: In view of the sunflower crop multiple utilities, such as raw material for production of biofuels, feed animal, products for aesthetic and health, as well as use in the crop rotation system and the interference of this fertility and cycling of soil nutrients, observed its importance as a culture that deserves to be cultivated by farmers. The coupled use of organic materials in the soil, combined with the positive characteristics of the sunflower crop, enables minimize production costs by reducing the purchase of chemical fertilizers and adding beneficial features to the soil, thus, the organic fertilizer by use of agroindustrial residue deserves to be studied, especially in the currentness, because is growing environmental problems due to the management and overuse of chemicals deposited on the soil. Research should be conducted with agroindustrial alternatives to analyze its efficiency on crops and conditions offered to the soil and the environment, by the reduction of chemical fertilizers and the inappropriate disposal of this residue in nature, minimizing soil pollution. This research aimed to evaluate the physiological and biochemical characteristics of sunflower cultivars, and the agronomic characteristics and production components as also influence of organic residue on the physiological quality of sunflower achenes. The treatments are contained in a factorial with additional control (2x4+2), where 2 are the cultivars (BRS 122 e BRS 323), 4doses K of the organic residue (T1=0, T2=40, T3=80 e T4=120 kg ha-1) plus additional control that was the potassium chloride in the dosage of 60 kg K ha-1 for both cultivars. The data showed that for the physiological and biochemical aspects the organic residue did not affected the physiology of sunflower plants and to characteristics and production components observed that the cultivar BRS 323 had the highest number of leaves, diameter of the capitulum and productivity, while the cultivar BRS 122 showed the highest plant height and to analyze the physiology of achenes the results showed that the organic residue in the dose 0 kg K ha-1 for the first germination count and the dose 120 kg K ha-1 on the emergence of seedling relative the cultivar BRS 122 presented underperformed potassium chloride, and the emergency speed index in doses 0 and 40 kg K ha-1 for cultivar BRS 122 and the doses 0 and 120 kg K ha-1 from cultivar BRS 323. We conclude that the organic waste can be replaced by potassium chloride without negative effect on the sunflower crop.
Descrição: MOURA, Maria da Conceição Freitas. Resíduo da torrefação do café como fonte de potássio no cultivo do girassol. 2016. 77 f. Tese (Doutorado em Fitotecnia)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18932
Aparece nas coleções:PPGFIT - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_tese_mcfmoura.pdf1,13 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.