Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18943
Título: Controle químico do pulgão com distintas doses de agrotóxicos aplicadas via pulverização e insetigação no meloeiro fertirrigado
Título em inglês: Chemical control of aphids with different doses of pesticides applied by spraying and insectigation in muskmelon fertigated
Autor(es): Bomfim, Guilherme Vieira do
Orientador(es): Azevedo , Benito Moreira de
Palavras-chave: Engenharia Agricola
Cucumis melo L.
Aphis gossyppi G.
Quimigação
Aphis gossyppi G.
Chemigation
Data do documento: 2013
Citação: BOMFIM, G. V. (2013)
Resumo: Objetivou-se avaliar os efeitos de formas de aplicação e doses de inseticidas sobre o controle químico do pulgão e sobre as características produtivas e qualitativas do meloeiro amarelo híbrido ‘Mandacaru’. Dois experimentos foram conduzidos na área experimental da Estação Meteorológica da Universidade Federal do Ceará (3° 44’ S, 38° 33’ W e 19,5 m). O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso, em arranjo fatorial 2 x 4, com oito tratamentos, quatro repetições e parcelas de quatro plantas úteis. Os tratamentos consistiram em duas formas de aplicação (pulverização costal e insetigação) associadas a quatro doses (0, 50, 100 e 200 % da recomendada pelo fabricante) dos inseticidas acefato e tiametoxam. O primeiro experimento caracterizou-se pela concentração constante da calda agrotóxica (volume proporcional à dose) e, o segundo, pela concentração crescente (volume fixo). O controle químico do pulgão foi avaliado pela variável entomológica: eficiência de controle (EF). As características produtivas e qualitativas do meloeiro foram investigadas através das variáveis frutíferas: massa fresca (MF), diâmetros polar (DP) e equatorial (DE), número de frutos por planta (NF), produtividade comercial (PC), espessuras da casca (EC) e da polpa (EP), sólidos solúveis (SS) e firmeza da polpa (FP). Foram realizadas a análise residual de agrotóxicos e a análise econômica simplificada. A insetigação não diferiu estatisticamente da pulverização. O acefato afetou significativamente a EF, sendo, no primeiro experimento, o seu valor máximo estimado (EF= 98,97 %) com 139,64 % e, no segundo (EF= 99,93 %), com 138,33 % da dose recomendada. O tiametoxam não afetou estatisticamente a EF, pois propiciou o controle total do inseto (100 %) em todos os tratamentos. Os melhores resultados das variáveis NF, PC e SS, do primeiro experimento, e NF e PC, do segundo, foram alcançados com 100 e 200 % da dose recomendada. A análise residual revelou ausência de agrotóxicos nos frutos. As maiores lucratividades foram alcançadas com 100 e 200 % da dose recomendada.
Abstract: The research purpose was to evaluate the effects of application methods and agrotoxic doses undermelon aphid chemical control. Two experiments were conducted at Fortaleza, Ceará, Brazil (3° 44' S, 38° 33' W and 19.5 m). The experimental design was randomized blocks in factorial 2x4, with eight treatments, four replicates and plots of four useful plants. The treatments comprehend ed two application forms (manual knapsack sprayer and insetigation) and four doses (0, 50, 100 and 200 % of manufacturer’s recommended dose) of the acephate and thiametoxan insecticides. The first experiment was made with agrotoxic fixed concentration whereas the second one was made with an increasing concentration. The assessment was made for the variables: control efficiency (EF), fresh mass (MF), polar diameter (DP) and equatorial (DE), fruits per plant number (NF), business productivity (PC), thickness of the shell (EC) and pulp (EP), soluble solids (SS) and firmness pulp (FP). After assessment, residual agrotoxics and simplified economics assays were made. The insetigation were similar to manual knapsack sprayer. In the first experiment, the greatest efficiency value (98.97%) was estimated with 13 9.64% acephate dose. In the second experiment, the greatest efficiency value (99.93 %) was estimated with 138.33 % acephate dose. The thiametoxan didn’t influence the EF (100 % for all treatments). The best results on the first (NF, PC and SS) and second (NF and PC) experiments were provided with 100 and 200 % recommended dose for each agrotoxic. The fruits didn’t have agrotoxic residues. The best profit was achieved with 100 and 200 % of the recommended dose.
Descrição: BOMFIM, Guilherme Vieira do. Controle químico do pulgão com distintas doses de agrotóxicos aplicadas via pulverização e insetigação no meloeiro fertirrigado. 2013. 91 f. : Tese (doutorado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Engenharia Agrícola, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola, Fortaleza-CE, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18943
Aparece nas coleções:PPGENA - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_tese_gvbofim.pdf2,55 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.