Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1900
Título: Caracterização fenotípica, perfil de sensibilidade antifúngica e estocagem de malassezia SSP
Título em inglês: Phenotypic characterization, antifungal susceptibility profile and storage malassezia SSP
Autor(es): Leite, João Jaime Giffoni
Orientador(es): Rocha , Marcos Fábio Gadelha
Palavras-chave: Criopreservação
Sementes
Data do documento: 2008
Citação: LEITE, J. J. G. (2008)
Resumo: O gênero Malassezia abrange leveduras lipofílicas e lipodependentes que, após várias mudanças em sua classificação taxonômica, compreende na atualidade 13 espécies, incluindo M. pachydermatis, M. furfur, M. globosa, M. obtusa, M. sympodialis, M. slooffiae, M. restricta, M. dermatis, M. japonica, M. yamatoensis, M. nana, M. caprae e M. eqüina. Estas leveduras estão associadas a várias enfermidades que incluem infecções, como a pitiríase versicolor ou dermatoses, dermatite seborréica e dermatite atópica, entre outras. O objetivo geral deste trabalho foi contribuir para melhor entendimento sobre a identificação fenotípica, manutenção em micoteca e sensibilidade a antifúngicos in vitro de Malassezia spp.. A fenotipagem baseou-se nas características macro e micromorfológicas, bem como análises em bioquímicas e nutricionais. Doze cepas de diferentes espécies de Malassezia spp. sofreram estocagem a -80ºC sob óleos vegetais. A técnica de microdiluição foi realizada em caldo RPMI 1640, suplementado com bile, glicerol e Tween 20, sendo complementada com subcultivo em ágar Dixon, para determinação da concentração inibitória mínima (CIM) e da concentração fungicida mínima (CFM). As drogas testadas foram Cetoconazol (CET), Itraconazol (ITR), Fluconazol (FLU), Voriconazol (VOR), Anfotericina B (ANB) e Caspofungina (CAS). Com a análise fenotípica convencional das cepas (n=38), pode-se sugerir a presença de M. furfur/ M. dermatis (n=17), M. sympodialis (n=8), M. slooffiae (n=5) e M. pachydermatis (n=8). O estoque realizado em óleos vegetais a -80ºC demonstrou significativas taxas de recuperação, no entanto características fisiológicas foram alteradas como _-glicosidase e assimilação de Chremophor EL. A maioria das cepas estudadas (84,21%), M. pahydermatis e cepas lipodependentes, foram sensíveis ao CET e ITR, obtendo valores de CIM 0,03μg/mL. Para o FLU, os valores de CIM variaram de 4 a 64μg/mL e frente ao VOR as cepas de M. pachydermatis obtiveram CIMs que variaram de <0,03 a 2μg/mL, enquanto as cepas lipodependentes de Malassezia spp. obtiveram resultados mais dispersos que variaram de <0,03 a >16μg/mL. Perante ANB, o intervalo de CIM encontrado foi de 1 a >16μg/mL. Não foi possível determinar os valores de CIM e CFM frente à caspofungina. Os extratos oriundos das sementes do abacate foram ativos contra as cepas de M. pachydermatis.
Abstract: The genus Malassezia enclose lipophylic and lipid-dependent yeast that after many changes in its taxonomic classification, comprises in the atuality 13 species, including M. pachydermatis, M. furfur, M. sympodialis, M. globosa, M. obtusa, M. restricta, M. slooffiae, M. dermatis, M. japonica, M. yamatoensis, M. nana, M. equine, and M. caprae. These yeasts are associated to several diseases including, such as pityriasis versicolor, or dermatoses, seborrheic dermatitis and atopic dermatitis, among others. The general aim of this study was to contribute to better knowledgement about the phenotypical identification, storage in fungal collection and in vitro antifungal susceptibility of Malassezia spp. The phenotiping was based on macro and micromorphologics characteristics, as well as biochemistry and nutritional analisys. Twenteen strains suffers storage at -80ºC in vegetables oils. The microdilution technique was accomplished in RPMI 1640 broth, supplemented with ox bile, Tween 20 and glycerol, being complemented with subculture on Dixon agar, for determination of the minimal inhibitory concentration (MIC) and minimal fungicidal concentration (CFM). The drugs tested were ketoconazole (KET), itraconazole (ITR), fluconazole (FLC), amphotericin B (AMB) and caspofungine (CAS). With the conventional phenotypical analysis of the strains (n=38), could suggest the presence of the M. furfur/ M. dermatis (n=17), M. sympodialis (n=8), M. slooffiae (n=5) and M. pachydermatis (n=8). The stored accomplished in vegetable oils at -80ºC showed meaningful rate of recorver, but physiologic characteristics was modified, such as _-glicosidase activity and Chremophor EL assimilation. Most of the strains (84,21%) was sensitive for KET and ITR, obtaining values of MIC 0.03μg/mL. For FLC the MIC range was 4 to 64μg/mL, against VOR the strains of M. pachydermatis obtained MIC range <0,03 a 2μg/mL, therefore the lipid-dependents strains of Malassezia spp. obtained dispersive results from <0.03 to >16μg/mL. Against ANB, the MIC range was 1 to >16μg/mL. It was not possible determinate the MIC and MFC values for caspofungine. The extracts from avocado seeds were active against strains of M. pachydermatis.
Descrição: LEITE, João Jaime Giffoni. Caracterização fenotípica, perfil de sensibilidade antifúngica e estocagem de malassezia SPP. 2008. 139 f. Dissertação (Mestrado em Microbiologia Médica) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2008.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1900
Aparece nas coleções:DMC - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_dis_jjgleite.pdf5,84 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.