Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19011
Título: Influência da adubação com npk na produção e composição química de brachiaria brizantha cv mg-4.
Título em inglês: Influence of npk fertilizer with the production and chemical composition of brachiaria brizantha cv-4 mg.
Autor(es): Teles, Thaisa Grazielle Radin Magalhães
Orientador(es): Carneiro, Maria Socorro de Souza
Palavras-chave: Zootecnia
Adubação, Brachiaria, NPK
Fertilization, Brachiaria, NPK
Data do documento: 2006
Citação: TELES, T. G. R. M. (2006)
Resumo: O presente trabalho foi realizado nos Departamentos de Ciências dos Solos e Zootecnia da Universidade Federal do Ceará, Campus do Pici, Fortaleza-CE, com o objetivo de avaliar a produção e composição química da Brachiaria brizanta (Hochst ex A. Rich) Stapf. cv. MG-4, quando submetida a diferentes combinações de doses de NPK, em casa de vegetação. O experimento foi constituído de dezesseis combinações de doses NPK, conforme matriz experimental Plan PueblaII, delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições. Utilizou-se um Argissolo Vermelho Amarelo Distrófico Arênico e, como fonte N, P e K, foram utilizados sulfato de amônio e uréia, superfosfato triplo e cloreto de potássio, respectivamente. O corte de uniformização das plantas foi realizado aos 42 dias após a germinação, a 15 cm do solo. O primeiro corte de utilização foi realizado 28 dias após o corte de uniformização a 15 cm do solo e, o segundo corte de utilização aos 28 dias após o primeiro corte de utilização a 15 cm do solo. O material colhido do primeiro e segundo corte fio separado em folhas e colmos e submetido as avaliações de produção de matéria seca (MS) da parte aérea, proteína bruta (PB) e determinação dos teores de N, P e K das folhas e colmos. As doses de 360-370-360 g/vaso de NPK proporcionam 95% da maior produção de MST observada. Verificam-se efeitos quadráticos das doses de N, com as doses de 373, 407 e 317 mg/dm3 de N para produção máxima estimada de MST, MSF e MSC, respectivamente. Utilizando-se as doses de 360 mg de P e de K/dm3 de solo, obteve-se efeito linear das doses de P para produção de MST e MSF, entretanto, não houve efeito para produção de MSC. Foram obtidos efeitos lineares das doses de K sobre a produção de MST, MSF e MSC. As doses de N e K afetaram linearmente os teores de PBF, enquanto as de P não surtiram efeito significativos, e os teores de PBC não foram afetados pelas doses de NPK. Os teores de PBF foram superiores aos teores encontrados nos colmos. A adubação fosfatada e principalmente, a nitrogenada, provocaram aumento na quantidade acumulada de N, P e K. o aumento da adubação nitrogenada reduziu o teor de P nas folhas.
Abstract: This work was carried out in the Departments of Soil Science and Animal Science of the Federal University of Ceara, Campus do Pici, Fortaleza-CE, to evaluate the production and chemical composition of Brachiaria brizanta (Hochst ex A. Rich) Stapf. cv. MG-4, when subjected to different combinations of doses of NPK, in a greenhouse. The experiment was composed of sixteen combinations of doses NPK as matrix experimental PueblaII Plan, completely randomized design, with five repetitions. It was used a Argisol Red Yellow Distrophic Arênico and, as a source N, P and K, were used ammonium sulfate and urea, triple superphosphate and potassium chloride, respectively. Cutting uniformity of the plants was conducted at 42 days after germination, to 15 cm from the ground. The first cut of use was made 28 days after the cutting of uniformity to 15 cm from the ground and the second cut of use to 28 days after the first cut of use to 15 cm from the ground. The material collected the first and second cutting wire separated into leaves and stems and put the assessments of dry matter (DM) of the shoot, crude protein (CP) and determine the levels of N, P and K of the leaves and stems. The doses of 360-370-360 g / pot of NPK provide 95% of the increased production of MST observed. There are squared effects of doses of N, at doses of 373, 407 and 317 of N mg/dm3 for maximum production estimated MST, MSF and MSC, respectively. Using up the doses of 360 mg P and K/dm3 of soil, returned to linear effect of doses of P for production of MST and MSF, however, there was no effect on production of MSC. Were obtained linear effects of doses of K on the production of MST, MSF and MSC. The doses of N and K linearly affected the levels of PBF, while P had no significant effect, and the levels of PCBs were not affected by doses of NPK. The levels of PBF were higher than levels found in stems. The phosphate fertilizer and foremost, the nitrogen, caused an increase in the accumulated amount of N, P and K. the increase of nitrogen reduced the level of P in the leaves.
Descrição: TELES, Thaisa Grazielle Radin Magalhães. Influência da adubação com npk na produção e composição química de brachiaria brizantha cv mg-4. 2006. 63 f. : Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências, Departamento de Zootecnia, Programa de Pós-Graduação em Zootecnia. Fortaleza-CE, 2006.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19011
Aparece nas coleções:PPGZO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2006_dis_tgrmteles.pdf796,58 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.