Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19047
Título: Níveis de cloro para codornas japonesas (Coturnix coturnix japonica) nas fases de crescimento e produção
Título em inglês: Chlorine levels for Japanese quails (Coturnix coturnix japonica) during the growing and production
Autor(es): Bezerra, Roseane Madeira
Orientador(es): Freitas, Ednardo Rodrigues
Palavras-chave: Zootecnia
Balanço eletrolítico
Cloreto de amônia
Minerais
Produção
Sal
Electrolyte balance
Ammonium chloride
Minerals
Production
Salt
Ovos - Produção
Nutrição animal
Ave criação
Data do documento: 2010
Citação: BEZERRA, R. M. (2010)
Resumo: Com o objetivo de avaliar os efeitos dos níveis de cloro da ração nas fases de crescimento e produção de codornas japonesas foram realizados dois experimentos, nos quais, foram avaliados os níveis de 0,07; 0,12; 0,17; 0,22; 0,27 e 0,32% de cloro. No primeiro experimento (fase de crescimento), 384 codornas com um dia de idade distribuídas em um delineamento inteiramente casualizado, com seis tratamentos de oito repetições de oito aves cada. Conforme os resultados, no período de 1 a 42 dias, com o acréscimo do nível de cloro na ração houve aumento linear no consumo de ração (g/ave) e no ganho de peso (g/ave) e redução linear na relação consumo de água/consumo de ração e na umidade das excretas. Entretanto, a conversão alimentar (g/g), a ingestão de água (ml/ave/dia), os coeficientes de digestibilidade da matéria seca (CDMS), do nitrogênio (CDN) e da energia bruta (CDEB) e os valores de energia metabolizável aparente (EMA) e aparente corrigida para nitrogênio (EMAn) das rações não foram influenciados pelo nível de cloro Ainda nesse ensaio, observou-se que os níveis de cloro recebido pelas codornas na fase de crescimento não afetaram significativamente o desempenho da fase de postura. No segundo experimento, 288 codornas com dezessete semanas de idade foram distribuídas em um delineamento inteiramente casualizado, com seis tratamentos, oito repetições e seis aves por unidade experimental. Os níveis de cloro não influenciaram significativamente o consumo de ração (g/ave/dia), o consumo de água (ml/ave/dia), a percentagem de postura (%), o peso do ovo (g), a massa de ovo (g/ave/dia), a conversão alimentar (g/g), a umidade das excretas, os coeficientes de digestibilidade da matéria seca (CDMS), nitrogênio (CDN) e energia bruta (CDEB), os valores de energia metabolizável aparente (EMA) e aparente corrigida (EMAn), as Unidades Haugh, as percentagens de albúmen, gema e casca. Entretanto, a gravidade específica aumentou linearmente com o acréscimo de cloro na ração. Considerando os resultados, podese recomendar que as rações para codornas japonesas na fase de crescimento (1 a 42 dias) e de produção formuladas com milho e farelo de soja podem conter níveis de cloro de até 0,32% sem prejuízo para os parâmetros de desempenho e qualidade dos ovos.
Abstract: In order to evaluate the effects of chlorine levels in the diet of growing and production of Japanese quails were conducted two experiments in which we assessed the levels of 0.07, 0.12, 0.17, 0.22, 0.27 and 0.32% chlorine. In the first experiment (growing phase), 384 quail on a day-old distributed in a completely randomized design with six treatments of eight replicates of eight birds each. According to the results for the period from 1 to 42 days, with the addition of chlorine level in the diet linearly increased feed intake (g/bird) and weight gain (g/bird) and a linear decrease in the ratio of consumption water/feed intake and excreta moisture. However, feed conversion (g/g), water intake (ml/bird/day), the digestibility of dry matter (CDMS), nitrogen (CDN) and gross energy (GEDC) and the values of metabolizable energy (AME) and apparent nitrogen corrected (AME) of feed were not affected by the level of chlorine still in testing, we found that chlorine levels received by the quails in the growing phase did not significantly affect the performance of phase posture. In the second experiment, 288 quail with seventeen weeks of age were distributed in a completely randomized design with six treatments, eight replicates and six birds per experimental unit. Chlorine levels did not significantly influence feed intake (g/bird/day), water consumption (ml/bird/day), the percentage of stance (%), egg weight (g), the mass of egg (g/bird/day), feed conversion (g/g), the moisture of excreta, the digestibility of dry matter (CDMS), nitrogen (CDN) and gross energy (GEDC), the metabolizable energy apparent (AME) and corrected apparent (AME), Haugh Units, the percentages of albumen, yolk and shell. However, the specific gravity increased linearly with the addition of chlorine in the feed. Considering the results, we can recommend diets for Japanese quails in the growing phase (1 to 42 days) and production made with corn and soybean meal can contain chlorine levels up to 0.32% subject to the parameters performance and egg quality
Descrição: BEZERRA, Roseane Madeira. Níveis de cloro para codornas japonesas (Coturnix coturnix japonica) nas fases de crescimento e produção. 2010. 64 f. : Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências, Departamento de Zootecnia, Programa de Pós-Graduação em Zootecnia. Fortaleza-CE, 2010.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19047
Aparece nas coleções:PPGZO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_dis_rmbezerra.pdf306,7 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.