Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19061
Título: O insólito e a realidade: estratégias narrativas em Eça e Machado
Autor(es): SIQUEIRA, Ana Marcia Alves
Palavras-chave: Insólito
Narrativas
Eça de Queirós
Machado de Assis
Data do documento: 2013
Editor: XI painel Vertentes teóricas e ficcionais do insólito
Citação: SIQUEIRA, A. M. A. (2013)
Resumo: A partir da concepção de que a obra literária funciona como um instrumento crítico de análise do relacionamento do homem com o mundo e com o seu próximo, consideramos que a literatura fantástica da segunda metade do século XIX funciona como uma reação a um mundo em que a incerteza, o sobrenatural, o insólito e a ambiguidade não tem mais espaço diante do racionalismo e do empirismo postulados pelas ciências. Porvir contra esta ordem estruturada, o fantástico-gênero amplo e movediço, que congrega particularidades, concepções e procedimentos estéticos muito distintos (FURTADO,1980) - funciona como uma ruptura e um meio de questionamento do homem diante da complexidade da vida nunca totalmente apreendida pelo empirismo científico.
Descrição: SIQUEIRA, Ana Marcia Alves. O insólito e a realidade: estratégias narrativas em Eça e Machado. In: CONGRESSO INTERNACIONAL VERTENTES DO INSÓLITO FICCIONAL, 1; ENCONTRO NACIONAL O INSÓLITO COMO QUESTÃO NA NARRATIVA FICCIONAL, 4; PAINEL REFLEXÕES SOBRE O INSÓLITO FICCIONAL, 11, 2013, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: Publicações Dialogarts, 2013. p. 859-869.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19061
ISBN: 978-85-8199-015-6
Aparece nas coleções:DLIT - Trabalhos apresentados em eventos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_eve_amasiqueira.pdf214,59 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.