Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1910
Título: Associação de polimorfismos dos genes de citocinas com susceptibilidade para infecção por micobactérias
Título em inglês: Association of polymorphisms of cytokine genes with susceptibility to mycobacterial infection
Autor(es): Nunes, Sammara Tavares
Orientador(es): Freitas , Max Victor Carioca
Palavras-chave: Polimorfismo
Citocinas
Hanseníase
Tuberculose
Data do documento: 2010
Citação: NUNES, S. T. (2010)
Resumo: Os estudos de polimorfismos dos genes de citocinas podem ser utilizados como uma ferramenta de análise antropológica para determinar perfis genéticos distintos, para traçar relações entre populações e para promover o entendimento das disparidades raciais na susceptibilidade genética a doenças. O objetivo deste estudo foi correlacionar os polimorfismos das citocinas, TNF-α -308, TGF-β, códon 10 e códon 25, IL-10 -1082, -819, -592, IL-6 -174, e IFN-γ +874 com a susceptibilidade e a proteção às infecções por M. tuberculosis e M. leprae. A casuística incluiu 194 pacientes, sendo 65 com hanseníase e 129 com tuberculose. Como controles foram selecionados 168 voluntários saudáveis. Todos os indivíduos assinaram termo de consentimento informado e o estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética local. Para a obtenção do DNA genômico e amplificação foram coletados 3-5ml de sangue periférico, sendo utilizado na extração do DNA o kit Easy-DNA (Invitrogen). Os SNPs dos genes das citocinas TNF-α (-308G>A), TGF-β códon 10 e 25, IL-10 (-1082G>A, -819C>T, -592C>A), IL-6 (-174G>C) e IFN-γ (+874T>A) foram tipificados por reação em cadeia da polimerase, empregando-se iniciadores de seqüência específica (PCR-SSP) (One-Lambda). Utilizou-se para a análise estatística o programa GraphPad prism 5, sendo o valor de ρ determinado através do Teste de Fisher bicaudal com significância em ρ<0,05. Durante a comparação dos resultados entre os grupos estudados observou-se que não houve diferenças entre as freqüências dos genótipos de TNFα. Entretanto, na análise dos genótipos de IL10, houve uma redução da freqüência do GCC/GCC nos casos (7,1% vs 17,9%, p=0,006). Esta redução também foi observada quando analisados os genótipos IL-6 GC (22,1% vs 32,8%, p=0,04) e IFNγ TA (36,6% vs 51,6%, p=0,01). No entanto, as freqüências dos genótipos GG de IL-6 (72,1% vs 57,0%, p=0,008) e AA de IFNγ (54,0% vs 41,4%, p=0,03) estavam aumentadas nos casos. Ademais, houve uma tendência para aumento da freqüência do CC/GC de TGFβ (7,5% vs 0,8%, p=0,06). Dessa forma pode-se concluir que os genótipos: IL-10 (GCC/GCC), IL-6 (GC) e IFN-γ (TA) conferiram efeito protetor, enquanto os genótipos TGF-β (CC/GC), IL-6 (GG) e IFN-γ (AA) conferiram efeito de susceptibilidade para infecção por micobactérias. Por outro lado, os alelos T no códon 10 e G no códon 25 de TGF-β determinaram efeito protetor contra tuberculose. Em contraste, o alelo -174G de IL-6 determinou susceptibilidade às infecções por micobactérias.
Abstract: Cytokine genetic polymorphisms studies are helpful to determine diverse genetic profiles, to correlate populations, and to promote the knowledge of ethnic influence on the genetic susceptibility to diseases. The aim of the present study was to correlate TNF-α -308, TGF-β, codon 10 and codon 25, IL-10 -1082, -819, -592, IL-6 -174, and IFN-γ +874 polymorphisms with the susceptibility and the protection to M. tuberculosis and M. leprae infection. The study included 194 patients, 65 of them with leprosy and 129 with tuberculosis, and 168 healthy volunteers. The local Ethical Committee approved the study and all of the participants consented. To DNA purification and amplification 3-5 mL of peripheral blood was collected. An Easy-DNA (Invitrogen) kit was used to purification. Cytokines SNPs TNF-α (-308G>A), TGF-β codon 10 and 25, IL-10 (-1082G>A, -819C>T, -592C>A), IL-6 (-174G>C) and IFN-γ (+874T>A) were amplified by the polymerase chain reaction using sequence-specific primers (SSP-PCR) (One-Lambda). Statistical analysis was proceeded using GraphPad prism 5, and p values were determined by the Fisher test, with significance when p<0.05. Frequencies of TNFα genotypes were not different among patients and controls. However, IL-10 genotypes analyses showed a reduction on the frequency of the GCC/GCC in patients (7.1% vs 17.9%, p=0.006). This reduction was also observed with the IL-6 GC (22.1% vs 32.8%, p=0.04) and IFNγ TA (36.6% vs 51.6%, p=0.01) genotypes. In contrast, the frequencies of the IL-6 GG (72.1% vs 57.0%, p=0.008) and the IFNγ AA (54.0% vs 41.4%, p=0.03) genotypes were increased in patients. Furthermore, there was a trend to an increase in the frequency of the TGFβ CC/GC genotype (7.5% vs 0.8%, p=0.06). In conclusion, IL-10 (GCC/GCC), IL-6 (GC) and IFN-γ (TA) genotypes conferred protection against, while TGF-β (CC/GC), IL-6 (GG) and IFN-γ (AA) genotypes determined susceptibility to mycobacteria infection. On the other hand, T allele in codon 10 and G allele in codon 25 of the TGF-β gene, determined protection against tuberculosis. In contrast, the IL-6 -174G conferred susceptibility to mycobacteria infection.
Descrição: NUNES,Sammara Tavares. Associação de polimorfismos dos genes de citocinas com susceptibilidade para infecção por micobactérias. 2010. 76 f. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Patologia, Fortaleza, 2010.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1910
Aparece nas coleções:DPML - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_dis_stnunes.pdf5,82 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.