Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19174
Título: Desempenho de progênies de irmãos completos de cajueiro-anão-precoce
Título em inglês: Performance of full-sib progenies of early dwarf cashew
Autor(es): Vale, Egnesio Holanda
Orientador(es): Cavalcanti , José Jaime Vasconcelos
Palavras-chave: Agronomia
Anacardium occidentale L.
Melhoramento genético
Herdabilidade
Seleção
Anacardium occidentale L.
Breeding
Heritability
Selection
Melhoramento genético
Cajueiro anão
Data do documento: 2012
Citação: VALE, E. H. (2012)
Resumo: A cultura do cajueiro vem passando por um processo acentuado de expansão, tanto em área de cultivo como, principalmente, em nível tecnológico. O programa de melhoramento genético do cajueiro tem grande responsabilidade nesse incremento do cultivo da espécie. Através do melhoramento genético foi possível obter plantas com o porte reduzido, com maior produtividade, indivíduos mais resistentes às principais pragas e doenças do cajueiro, como antracnose e mofo preto, e com maior qualidade agroindustrial, apresentando maior tamanho de castanhas e amêndoas. Por ser uma planta perene e predominantemente alógama, o cajueiro possui grande variabilidade genética, o que permite maior possibilidade de sucesso quando se pratica o melhoramento genético com a finalidade de selecionar indivíduos promissores. No entanto, o tempo exigido para a seleção de indivíduos superiores até o seu lançamento como clones comerciais é bastante longo, daí a razão de existir poucos clones à disposição dos produtores de castanha, culminando em uma estreita base genética entre os clones tradicionalmente cultivados. A propagação realizada com base no plantio da semente de cajueiro permite a verificação da segregação genética e expressão da variabilidade genética advinda da fecundação cruzada, que representa a oportunidade de combinação de alelos favoráveis, permitindo selecionar novos indivíduos superiores, com a finalidade de cloná-los e colocá-los à disposição dos produtores, aumentando as opções de materiais para cultivo e, consequentemente, ampliando a base genética existente. As estimativas de parâmetros genéticos são fundamentalmente importantes, pois auxiliam no entendimento do potencial genético dos indivíduos em avaliação e no conhecimento da variabilidade genética presente na população, indicando a possibilidade de sucesso do programa de melhoramento e auxiliando na formulação das estratégias de trabalho. Objetivou-se com este trabalho estimar os parâmetros genéticos e o desempenho das progênies oriundas de sete cruzamentos de cajueiro irmãos completo avaliados em duas safras 2010 e 2011. O experimento foi instalado em março de 2007 no Campo Experimental de Pacajus pertencente à Embrapa Agroindústria Tropical, localizado no município de Pacajus, no estado do Ceará. Entre os cruzamentos avaliados, o CCP 76 X BRS 226 foi o que apresentou menor desempenho médio da progênie para altura de planta (2,30 m), enquanto a progênie do cruzamento CCP 76 e Embrapa 51 obteve a maior média (2,92 m). Em relação à produtividade de castanha, o cruzamento que mais se destacou foi o CCP76 x Embrapa 51, com a produtividade média de 486,67 kg de castanha por hectare. Para o peso médio da castanha, destacou-se o cruzamento entre BRS 226 x Embrapa 51, apresentando castanhas com 9,70 g. Na avaliação geral, os híbridos que apresentaram melhor desempenho, associando maior número de fenótipos de interesse para a cultura, foram originados dos cruzamentos entre CCP 76 e Embrapa 51, e entre BRS 226 e Embrapa 51, considerando a altura de planta, diâmetro de copa, produtividade e peso de castanha. As herdabilidades médias (h2) de maior magnitude foram apresentadas pelos caracteres altura de planta, diâmetro de copa e peso médio de castanha (59,85%, 27,80% e 85,44%, respectivamente). As correlações positivas (rP e rG) de maior magnitude foram observadas entre a produtividade de castanha e os caracteres altura de planta (0,70), diâmetro de copa (0,65), número de castanhas (0,79) e peso médio de castanha (0,58)
Descrição: VALE, Egnesio Holanda. Desempenho de progênies de irmãos completos de cajueiro-anão-precoce. 2012. 67 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciência Agrárias, Departamento de Fitotecnia, Mestrado em Agronomia / Fitotecnia, Fortaleza-Ce, 2012
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19174
Aparece nas coleções:PPGFIT - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_dis_ehvale.pdf1,73 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.