Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19175
Title in Portuguese: Avaliação de genótipos de meloeiro quanto à resistência à mosca minadora
Title: Evaluation of melon genotypes regarding the leafminer infestation
Author: Oliveira, Frederico Inácio Costa de
Advisor(s): Aragão, Fernando Antonio Souza de
Keywords: Fitotecnia
Cucumis melo L.
Germoplasma
Liriomyza sativae
Cucumis melo L.
Germoplasm
Liriomyza ssp.
Genótipo
Melão
Mosca - Controle
Issue Date: 2014
Citation: OLIVEIRA, Frederico Inácio Costa de. Avaliação de genótipos de meloeiro quanto à resistência à mosca minadora. 2014. 54 f. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Agronomia / Fitotecnia, Fortaleza-CE, 2014.
Abstract in Portuguese: O meloeiro (Cucumis melo L.) é uma das hortaliças de maior relevância no mundo. Dada suas peculiaridades, como seu ciclo curto e plantio escalonado, o controle fitossanitário da cultura é prejudicado, sendo gasto todos os anos grande volume de defensivos agrícolas para controlar a mosca minadora (Liriomyza sativae Blanchard) no meloeiro, que, desde 2000, aparece como a praga chave da cultura. O controle genético, dentre as medidas de controle, é a alternativa ideal para contornar os danos causados por esse inseto. Com isso, objetivou-se com esse trabalho: Avaliar uma coleção de germoplasma de Cucumis melo L. quanto à resistência à mosca minadora (Liriomyza sativae); identificar acessos resistentes e correlacionar as variáveis analisadas dentro e entre os experimentos de campo e de gaiola.. Foram testados, em campo e em gaiola, 58 genótipos de meloeiro quanto a resistência à mosca minadora, sendo 49 acessos do Banco Ativo de Germoplasma de Melão da Embrapa Hortaliças (Brasília-DF), cinco acessos do Banco de Germoplasma de Cucurbitáceas para o Nordeste Brasileiro e quatro híbridos comerciais. O trabalho foi dividido em dois experimentos: campo e gaiola. O experimento de campo foi realizado no Campo Experimental de Pacajus-CE da Embrapa Agroindústria Tropical (CNPAT), no período de dezembro de 2012 a fevereiro de 2013, em um delineamento inteiramente casualizado, com duas repetições e seis plantas por parcela. O experimento nas gaiolas foi realizado nos laboratórios de Entomologia e de Melhoramento e Recursos Genéticos Vegetais da Embrapa Agroindústria Tropical, em Fortaleza-CE, durante o período de março a maio de 2013, em um delineamento inteiramente casualizado, com seis repetições, sendo cada planta uma parcela Foram avaliadas as seguintes características: no campo - nota subjetiva com base na infestação e número de minas por folha; e, em gaiola - número de minas por folha, teor de clorofila e colorimetria das folhas. Os dados foram submetidos ao teste de Kruskal-Wallis. Para determinar o grau de relação entre as variáveis estudadas, calculou-se o coeficiente de correlação de Pearson. Os resultados revelaram diferença estatística entre os acessos para todas as variáveis estudadas. Os genótipos CNPH 11-282, CNPH 11-1072 e CNPH 11-1077 apresentaram resultados favoráveis para resistência em ambos os experimentos, portanto são os mais indicados para pesquisas futuras em melhoramento com enfoque na introgressão da resistência à L. sativae em meloeiro.
Abstract: The melon (Cucumis melo L.) is one of the most important vegetables in the world. Given its peculiarities, as its short cycle and staggered planting, pest control culture is prejudiced, being spent every year large amounts of pesticides to control the miner fly (Liriomyza sativae Blanchard) in melon, which, since 2000, appears as the key pest. The genetic control among the control measures is the ideal medium to circumvent the damage caused by this insect alternative. Thus, the aim of this work to evaluate a collection of Cucumis melo L. germplasm for resistance to miner fly (Liriomyza sativae); resistant accessions to identify and correlate the variables within and between experiments and field cage in field and cage were tested 58 melon genotypes for resistance to leaf miner, 49 accesses the Active Germplasm Bank of melon Embrapa Vegetables, five accessions of the Germplasm Bank of Cucurbits for the Brazilian Northeast and four commercial hybrids. The work was divided into two experiments: field and cage. The field experiment was conducted at the Experimental Station of Pacajus – CE, of the Embrapa Tropical Agroindustry (CNPAT), from December 2012 to February 2013 in a completely randomized design with two replications and six plants per plot. The experiment was conducted in cages in the Laboratories of Entomology and of Plant Breeding and Genetic Resources, in Fortaleza, during the period March 2013 to ammonium in a completely randomized design with six replications, each plant, subjective score based on infestation and number of mines per leaf - in the field: a portion of the following characteristics were evaluated and cage - number of mines per leaf chlorophyll content of leaves and colorimetry. Data were submitted to Kruskal-Wallis test. To determine the degree of relationship between variables, we calculated the Pearson correlation coefficient. The results revealed statistically significant differences among accessions for all variables. Genotypes 16, 48 and 51 showed favorable results for resistance in both experiments, so are best suited for future research focusing on improving introgression of resistance in melon L. sativae.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19175
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGFIT - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_dis_ficoliveira.pdf1,35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.