Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19459
Título: Regularidades e resistências: "Brasil sem homofobia"
Título em inglês: Regularities and resistances: Brazil without homophobia
Autor(es): MÉLLO, Ricardo Pimentel
COSTA, Anacely Guimarães
SAMPAIO, Juliana Vieira
Palavras-chave: Movimento LGBT
Travestis
Homofobia
Teoria Queer
LGBT Movement
Transvestite
Homophobia
Queer theory
Data do documento: 2013
Editor: Revista de Estudos Universitários
Citação: MÉLLO, R. P.; COSTA, A. G.; SAMPAIO, J. V. (2013)
Resumo: Neste estudo fazemos a análise do documento “Brasil sem Homofobia: Programa de Combate à Violência e à Discriminação contra GLTB e Promoção da Cidadania Homossexual”publicado pelo governo federal. Este programa propõe implantar políticas públicas específicas voltadas “a não violência” ou atitudes discriminatórias contra gays, lésbicas, transgêneros e bissexuais. Ressaltamos que este artigo é um recorte de uma pesquisa em andamento sobre a efetivação de política de assistência para as travestis na cidade de Fortaleza (CE). O foco de nossa leitura crítica foi o tratamento dado às travestis no documento, tendo como referenciais o movimento Queer. Concluímos três aspectos importantes: 1) as travestis ainda têm um tratamento secundário no documento em relação a outras categorias; 2) as categorizações acabam por produzir hierarquias no movimento “trans”; 3) há trechos no documento que revigoram a heteronormatividade em função de políticas identitárias que, em última instância, enreda concepções de sexualidade e de gênero que conformam as travestis em “abjetos”.
Abstract: In this study we analyzed the document "Brazil without Homophobia: Program for Combating Violence and Discrimination against LGBT and Promoting Homosexual Citizenship" published by the federal government. This program aims to implement specific policiesdirected to "nonviolence" or discriminatory attitudes against gays, lesbians, transgenders and bisexuals. The present text is an excerpt from an ongoing study about the effectiveness of the policies put in place to assist transvestites in Fortaleza (CE). The focus of our critical reading was the treatment of transvestites in the document, taking as reference the Queer movement. We concluded three important aspects: 1) transvestites still have a secondary treatment in the document in relation to other categories; 2) the categorizations eventually produces hierarchies inside the social movement of "trans"; 3) there are passages in the document that invigorate heteronormativity in accordance with policies identity that ultimately entails conceptions of sexuality and gender that conform transvestites as "abject".
Descrição: MÉLLO, Ricardo Pimentel; COSTA, Anacely Guimarães; SAMPAIO, Juliana Vieira. Regularidades e resistências: "Brasil sem homofobia". Revista de Estudos Universitários, Sorocaba, v. 39, n. 1, p. 161-183, jun. 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19459
ISSN: 2177-5788 (online)
0102-6437 (impresso)
Aparece nas coleções:DPSI - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_art_rpmello.pdf309,06 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.