Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19542
Título: Acumulação por espoliação e a integração da América Latina na divisão internacional do trabalho
Título em inglês: Accumulation by dispossession and the integration of Latin America in the international division of labor
Autor(es): Barbosa, Eufrasina Campelo Borges Mendonça
Orientador(es): Moreira, Carlos Américo Leite
Coorientador(es): Oliveira, Aécio Alves de
Palavras-chave: Logística
Desenvolvimento econômico
Divisão do trabalho
Data do documento: 24-Ago-2016
Citação: BARBOSA, E. C. B. M. (2016)
Resumo: O modelo econômico atual exerce forte pressão sobre o ambiente. Eis o cerne da contradição entre a economia e os limites ecossistêmicos. O avanço das forças produtivas conduz o capital à condição de sistema-mundo. Estrutura-se, assim, uma divisão internacional do trabalho que envolve as economias nacionais em uma teia adequada à reprodução ampliada do capital. Historicamente, os países hegemônicos impunham seus interesses para consolidar formas imperiais de dominação e de acumulação por espoliação. Os países periféricos, por sua vez, se mantêm na condição de produtores de commodities e dependentes financeira e tecnologicamente dos países centrais. O estudo tem por objetivo analisar o processo de integração geopolítica da América Latina, que visa prover infraestrutura física e de informação necessárias para facilitar a mobilidade dos fluxos de comércio e do capital financeiro internacional e as prováveis repercussões sobre a soberania política e econômica da região. Tal processo contribui para fragilizar o controle dos Estados sobre a gestão de recursos naturais. Diante desse cenário, a pesquisa visa responder de que maneira a integração logística contribui para a consolidação do modelo neoextrativista na América Latina. A metodologia adotada é exploratória. Do ponto de vista da abordagem do problema, o caráter interpretativo classifica este trabalho como essencialmente qualitativo. Além disso, aplica-se a interdisciplinaridade devido à necessidade de integrar as fronteiras do conhecimento, como sociologia, economia, geografia, ecologia, física, entre outras, de modo a construir uma unidade complexa a ser estudada. A conclusão geral é que infraestruturas logísticas facilitam apenas o escoamento de commodities para o exterior, cujo produto final não apresenta efeitos expressivos na economia local.
Abstract: The current economic model exerts strong pressure on the environment. This is the crux of the contradiction between the economy and the ecosystems limits. The productive forces advance driving capital to the world-system condition. It is structured, thus, an international division of the work that involves the national economies in an adequate web to the enlarged reproduction of the capital. Historically, hegemonic countries imposed their interests to consolidate imperial forms of domination and accumulation by dispossession. Peripheral countries, in turn, remain in the condition of commodities producers and financial dependent and technology of the central countries. The study aims to analyze the geopolitical integration process of Latin America, which seeks to provide physical infrastructure and information necessary to facilitate the mobility of trade flows and international finance capital and the likely repercussions on the political and economic sovereignty of the region. This process contributes to weaken the control of States over the management of natural resources. In this scenario, the research aims to answer how the logistics integration contributes to the consolidation of neoextrativista model in Latin America. The methodology is exploratory. From the point of view of the problem approach, the interpretive character classifies this work as essentially qualitative. In addition, it applies to interdisciplinarity because of the need to integrate the frontiers of knowledge, such as sociology, economics, geography, ecology, physics, among others, in order to build a complex unit to be studied. The general conclusion is that logistics infrastructure only facilitate the exportation flow of commodities, which the final product has no significant effect on the local economy.
Descrição: BARBOSA, E. C. B. M. Acumulação por espoliação e a integração da América Latina na divisão internacional do trabalho. 2016. 65 f. Dissertação (Mestrado em Logística e Pesquisa Operacional) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19542
Aparece nas coleções:GESLOG - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_ecbmbarbosa.pdfEufrasina Campelo Borges Mendonça Barbosa - dissertação727,13 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.