Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19822
Título: Distribuição dos grupos funcionais de plantas aquáticas em áreas alagadas costeiras do nordeste brasileiro
Título em inglês: Distribution of functional groups of aquatic plants in coastal wetlands of northeastern Brazil
Autor(es): Macêdo, Joemília Conceição Araújo
Orientador(es): Matias, Lígia Queiroz
Palavras-chave: Macrófitas aquáticas
Colonização
Plantas clonais
Lagoas costeiras
Aquatic macrophytes
Colonization
Clonal plants
Clonal plants
Data do documento: 2015
Citação: MACÊDO, J. C. A. (2015)
Resumo: As plantas aquáticas situadas em lagoas costeiras apresentam traços funcionais selecionados por condições abióticas e relacionados à história de vida, que lhes permitiram a colonização e estabelecimento nesses ambientes. O presente trabalho testou as seguintes hipóteses: (1) que as espécies possuem um padrão homogêneo de traços funcionais, resultando na formação de poucos grupos; (2) que as variáveis limnológicas e pedológicas atuam como filtro que selecionam esses traços e interferem na distribuição das populações na lagoa. Desta forma os traços funcionais das espécies presentes numa lagoa costeira do nordeste brasileiro foram analisados por meio de uma amostragem por transectos. Amostras de sedimento foram retiradas e analisadas em laboratório. Os parâmetros limnológicos foram aferidos em campo, assim como a profundidade da lâmina d’água e a distância de ocorrência das espécies em relação à margem. Os dados biológicos evidenciaram a formação de dois grupos funcionais, corroborando a primeira hipótese. Porém, as variáveis abióticas foram associadas à distribuição de poucas populações, refutando a segunda hipótese. Com isso concluímos que a comunidade de plantas aquáticas analisada é formada por traços semelhantes e os efeitos abióticos não são determinantes para formação destes grupos.
Abstract: Aquatic plants located in coastal lagoons have functional traits selected by abiotic conditions and related to the history of life, which allowed them to colonization and establishment in these environments. The present study tested the following hypotheses: (1) that the species have a homogeneous pattern of functional traits, resulting in the formation of a few groups; (2) that the limnological variables and soil act as a filter to select those traits and interfere in the distribution of populations in the pond. Thus the functional traits of the species present in a coastal lagoon in northeastern Brazil were analyzed using a sampling transects. Sediment samples were taken and analyzed in the laboratory. The limnology parameters were measured in the field, as well as the depth of the water depth and the occurrence of species away from the margin. Biological data showed formation of two functional groups, supporting the first hypothesis. But the abiotic variables were associated with the distribution of a few people, refuting the latter. Thus we conclude that the community of aquatic plants analyzed is formed by similar traits and abiotic effects are not decisive for the formation of these groups.
Descrição: MACÊDO, Joemília Conceição Araújo. Distribuição dos grupos funcionais de plantas aquáticas em áreas alagadas costeiras do nordeste brasileiro. 2015. 37 f. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Recursos Naturais)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19822
Aparece nas coleções:DBIO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_dis_jcamacedo.pdf739,28 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.