Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19910
Título: Escala de Desejabilidade Social Infantil (EDSI): evidência de validade fatorial e consistência interna
Título(s) alternativo(s): Escala de deseabilidad social infantil (EDSI): evidencia de validez factorial y consistencia interna
Título em inglês: Children’s Social Desirability Scale (CSDS): evidence of factorial validity and reliability
Autor(es): SOARES, Ana Karla Silva
LOPES, Guilherme Sobreira
REZENDE, Alessandro Teixeira
RIBEIRO, Maria Gabriela Costa
SANTOS, Walberto Silva dos
GOUVEIA, Valdiney Veloso
Palavras-chave: Desejabilidade social infantil
Escala
Adaptação
Validade
Precisão
Childhood social desirability
Scale
Adaptation
Validity
Reliability
Deseabilidad social infantil
Adaptación
Validez
Precisión
Data do documento: 2016
Editor: Avances en Psicología Latinoamericana
Citação: SOARES, A. K. S.; LOPES, G. S.; REZENDE, A. T.; RIBEIRO, M. G. C.; SANTOS, W. S.; GOUVEIA, V. V. (2016)
Resumo: Este estudo teve como objetivo adaptar a Escala de Desejabilidade Social Infantil (EDSI) para o contexto brasileiro, reunindo evidências de sua validade fatorial e consistência interna. Realizaram-se dois estudos. No Estudo 1 participaram 228 estudantes do ensino fundamental com idade média de 11 anos (53% do sexo feminino), os quais responderam a EDSI e a perguntas demográficas. A análise fatorial exploratória revelou uma estrutura unifatorial (valor próprio de 2,45), explicando 3.6% da variância total e confiabilidade (Kuder-Richardson) de .66. No Estudo 2 participaram 210 estudantes com idade média de 11 anos (52% do sexo masculino), que responderam aos mesmos instrumentos do estudo anterior. A análise fatorial confirmatória apresentou resultados que corroboraram a estrutura unifatorial da medida [χ²/gl = 1.53, GFI = .96, AGFI = .93, CFI = .94, TLI = .92, RMSEA = .050 (IC90% = .001-.084) e Pclose = .46], com Kuder-Richardson de .69, homogeneidade de .22 e Confiabilidade Composta de .76. Conclui-se que este instrumento reúne evidências de validade fatorial e consistência interna, podendo ser empregado para mensurar a desejabilidade social em crianças.
Abstract: This study aimed to adapt the Children’s Social Desirability Scale (CSDS) to the Brazilian context, gathering evidence of its factorial validity and reliability. Two studies were carried out. Study 1 participants were 228 elementary school students with a mean age of 11 years (53% female). They answered the CSDS and demographic questions. Exploratory factor analysis revealed a one-factor structure (eigenvalue of 2.45), explaining 30.6% of the total variance and presenting reliability (Kuder-Richardson) of .66. Study 2 participants were 210 elementary school students with a mean age of 11 years (52% male), who answered to the same scale and demographic questions in previous study. A confirmatory factor analysis confirmed the one-factor structure [χ²/df=1.53, GFI=.96, AGFI=.93, CFI=.94, TLI=.92, RMSEA=.050 (90% CI=.001 to .084) and Pclose=0.46], with Kuder-Richardson of .69, homogeneity of .22, and composite reliability of .76. In conclusion, this instrument gathers evidences of factor validity and reliability, indicating that it can be used to measure social desirability in children.
Resumo em espanhol: Este estudio tuvo como objetivo adaptar la Escala de Deseabilidad Social Infantil (EDSI) al contexto brasilero, reuniendo evidencias de su validez factorial y consistencia interna. Se realizaron dos estudios. En el estudio 1 participaron 228 estudiantes de primaria con edad promedio de 11 años (53% de sexo femenino), los cuales respondieron a EDSI y a preguntas demográficas. El análisis factorial exploratorio reveló una estructura unifactorial de la medida [χ²/gl = 1.53, GFI = .96, AGFI = .93, CFI = .94, TLI = .92, RMSEA = .050 (IC90% = .001-.084) y Pclose = .46], con Kuder-Richardson de .69, homogeneidad de .22 y confiabilidad compuesta de .76. Se concluye que este instrumento reúne evidencias de validez factorial y consistencia interna, pudiendo ser empleado para medir la deseabilidad social en niños.
Descrição: SOARES, Ana Karla Silva; LOPES, Guilherme Sobreira; REZENDE, Alessandro Teixeira; RIBEIRO, Maria Gabriela Costa; SANTOS, Walberto Silva dos; GOUVEIA, Valdiney Veloso. Escala de Desejabilidade Social Infantil (EDSI): evidência de validade fatorial e consistência interna. Avances en Psicologia Latinoamericana, Bogotá, v. 34, n. 2, p. 383-394, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/19910
ISSN: 1794-4724 (impresso)
2145-4515 (online)
Aparece nas coleções:DPSI - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_art_wssantos.pdf323,16 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.