Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/20235
Título: Proposta metodológica de gestão dos espaços-riscos de inundações urbana em Mossoró-RN
Título em inglês: Methodology proposed for management of flood - risk areas in urban mossoró -rn
Autor(es): Rocha, Alexsandra Bezerra da
Orientador(es): Sales, Marta Celina Linhares
Palavras-chave: Geografia física
Risco
Inundação
Mossoró
Controle de inundações
Desastres naturais
Data do documento: 2015
Citação: ROCHA, A. B. (2015)
Resumo: Inserida na temática de risco associados à inundação urbana sobre a realidade de uma cidade potiguar do semiárido nordestino brasileiro. Tendo como objetivo o estudo da dinâmica climática - hidrológica frente a situações de emergência e estado de calamidade pública (estiagens e inundações), com ênfase na metodologia de delimitação das áreas de risco de inundações urbanas considerando as características meteorológicas e os efeitos econômicos e sociais na vida da população atingida. Os principais conceitos discutidos: perigo, risco, desastre, catástrofe, vulnerabilidade e eventos extremos. A metodologia consistiu na pesquisa documental, de bancos de dados, e ainda pesquisa de campo, análise e interpretação da evolução urbana e dinâmica climática, delimitação dos espaços-risco de inundação urbana em Mossoró obedecendo aos seguintes recortes temporais: dados urbanos (1970-2010), climáticos (1970-2013), defesa civil de Mossoró (1983-2013). A gestão do risco em discussão está voltada ao mapeamento, prevenção, monitoramento, alerta e resposta. Na série em análise encontrou-se 18 eventos extremos, destes 16 anos foi decretado situação de emergência e 2 estado de calamidade pública. Adotou-se também metodologia que possibilita a delimitação dos espaços-risco de inundação no núcleo urbano de Mossoró e população atingida por setor censitário. A metodologia mostrou que o uso das imagens ASTERGDEM na resolução de 30 metros são ferramentas interessantes para definição das áreas de risco de inundação, uma vez que através de programas como Qgis 2.8 e Arcgis 10.1 existe a possibilidade da aplicação de filtros para diminuir os ruídos da imagem, bem como a suavização das curvas de nível. Encontrou-se duas zonas a primeira com inundação máxima nas cotas de 15 metros e a menor entre 7 e 13 metros. O cruzamento e delimitação com os setores censitários mostrou que 67 setores são diretamente atingidos, sendo que 35.775 pessoas estão na primeira zona (até 15 metros) e 8.364 pessoas estão na segunda zona (7 a 13 metros). Sendo que os setores com maior número de pessoas em risco são: Barrocas 10.708 pessoas, Belo Horizonte 6.353, Alto da Conceição 5.306, Paredões 5.187, Ilha de Santa Luzia, Lagoa do Mato 2.015, Pintos 1.436., Bom Jardim 1.430 e Alto de São Manoel 1.153. Neste contexto foi elaborada uma proposta para o plano de contingência à inundação considerando os bairros mais atingidos. A valorização dos espaços-risco, como tradutores de expressão dos potenciais perigos, promove a adequação e assegura recursos e meios para a proteção e socorro, favorece também a infraestruturação da saúde e o apoio social (quantitativamente e qualitativamente) das áreas perigosas.
Abstract: This research is within the topic of risk associated with urban floods in a semiarid northeast Brazilian city. The aim of the research is the study of climate dynamics – hydrological (droughts and floods) in situations of emergency and a state of emergency. The research focuses on the methodology of delimitation of urban floods considering the weather and its economic and social impacts on the lives of the affected population. The concepts discussed are: hazard, risk, disaster, catastrophe, vulnerability and extreme events. The methodology used is based on review of existing documentation, database and fieldwork, analysis and interpretation of urban evolution and climatic dynamics and delimitation of flood risky spaces in Mossoró with the following timeframes: urban data (1970-2010), climatic (1970-2013), Mossoró civil defense (1983-2013). The risk management approach in discussion is related to risk mapping, prevention, monitoring, alert and response. Within the analyzed series, 18 events were found, among them 16 were declared as situation of emergency and 2 as state of emergency. This research explores a methodology that enables the definition of flooding areas in the urban core of Mossoró andpeople at risk through the census tracts. The methodology showed that the use of ASTERGDEM images with the resolution of 30 meters is an interesting approach for definition of flooding areas, given that, with the use of Qgis 2.8 and Arcgis 10.1 there is a possibility of application of filters to reduce noise from the images as well as smoothing the contours. Two regions were found, the first with the maximum flood at an altitude of 15 meters and the lowest between 7 and 13 meters. The intersection and delimitation with census tracts shows that 67 census tracts are daily affected, with 35.775 people living in the first region (up to 15metres) and 8.364 people are in the second region (7-13 metres), the sectors with the largest number of people at risk are: Barrocas 10.708 people, Belo Horizonte 6.353, Alto da Conceição 5.306, Paredões 5.187, Ilha de Santa Luzia, Lagoa do Mato 2.015, Pintos 1.436., Bom Jardim 1.430 e Alto de São Manoel 1.153. As a result a contingency plan was proposed considering the most affected neighborhoods. The appreciation of the risky areas, as an expression of the potential hazards, promotes fitness and ensures resources and means for the protection and relief, also favors health and social support (quantitatively and qualitatively) in dangerous areas.
Descrição: ROCHA, Alexsandra Bezerra da. Proposta metodológica de gestão dos espaços-riscos de inundações urbana em Mossoró-RN. 2015. 171 f. Tese (Doutorado em geografia)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/20235
Aparece nas coleções:DGR - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_tese_abrocha.pdf20,32 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.