Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21105
Título: Avaliação do impacto da pequena açudagem na vazão regularizada de um reservatório estratégico. Estudo de caso: Açude Araras - CE
Título em inglês: Small açudagem impact assessment in the regulated flow of a strategic reservoir. Case study: Açude Araras - CE
Autor(es): Almeida, José Herbert Medeiros
Orientador(es): Silva, Francisco Osny Enéas da
Coorientador(es): Campos, José Nilson Bezerra
Palavras-chave: Recursos Hídricos
Barragens e açudes
Médodos de simulação
Açude Araras
Data do documento: 13-Out-2016
Citação: ALMEIDA, J. H. M. (2016)
Resumo: O modelo SMAP é um modelo de simulação hidrológica e que, quando bem calibrados os seus parâmetros, este gera uma série de vazões afluentes para uma determinada bacia; neste estudo em específico, para a bacia do açude Araras localizado na bacia do Acaraú. Para a calibração do modelo foram utilizados como dados de entrada séries históricas de pluviometria extraídos do site da Agencia Nacional de Águas, dados de evapotranspiração obtidos pela FAO e uma série histórica de fluviometria do Posto Cajazeiras obtida junto à FUNCEME. A versão SMAPM é responsável por gerar uma série histórica de afluências ao reservatório desprezando o impacto da pequena açudagem enquanto que a versão SMAPRPA é responsável por gerar uma série de afluências ao reservatório computando o impacto da pequena açudagem. O presente trabalho estudou a simulação destes modelos hidrológicos – SMAPM e SMAPRPA – e com as correspondentes afluências obtidas foram feitas simulações de balanço hídrico no reservatório, uma para cada versão, visando comparar o volume armazenado gerado a partir das simulações de vazões com o volume real acumulado no açude Araras tendo como base os dados operacionais do monitoramento de 1986 a 2014 cedidos pela COGERH. O modelo SMAPRPA gerou resultados mais satisfatórios tanto numa inspeção visual quanto na correlação de Pearson resultando num 𝑟 de 88,27% para o SMAPRPA contra 80,21% para o SMAPM indicando que a pequena açudagem trouxe como consequência uma diminuição da vazão regularizada como corrobora os gráficos 32 e 33. A diminuição da vazão regularizada se deve ao fato de que a partir de 1960 houve um grande incentivo por parte do governo federal e estadual para disseminação da pequena açudagem na tentativa de democratizar o acesso a água, e segundo as simulações feitas, houve uma “perda” de lâmina d’água equivalente a 17mm de chuva resultando em quase 60 hm³ – 6,73% da capacidade do Araras – que deixam de afluir ao açude Araras prejudicando as projeções futuras de alocação e impactando na vazão teórica Q90 de 6,14 m³/s, além de causar a sensação de que em anos secos a seca tenha sido mais intensa que o registrado pelo órgão responsável já que estes 60 hm³ se perderiam por evaporação sem contribuir em nada na regularização de vazões, pois a pequena açudagem tem caráter intranual e não regularizam.
Abstract: The SMAP model is a model of hydrologic simulation and, when properly calibrated its parameters, this generates a series of inflows for a given basin; this study in particular, to the basin of Araras weir located in Acaraú basin. For calibration of the model were used as extracted rainfall historical input data series of the National Water Agency website, evapotranspiration data obtained by FAO and a historical series of fluviometria the Cajazeiras Desk obtained from the FUNCEME. The SMAPM version is responsible for generating a time series of the reservoir inflow disregarding the impact of small açudagem while SMAPRPA version is responsible for generating a number of inflows to the reservoir computing the impact of small açudagem. This work studied the simulation of these hydrological models - SMAPM and SMAPRPA - and the corresponding inflows obtained were made water balance simulations in the tank, one for each version, in order to compare the stored volume generated from simulations of flow with the actual volume accumulated in the dam Araras based on the 1986 monitoring of operational data to 2014 assigned by COGERH. The model generated SMAPRPA more satisfactory results both from a visual inspection as in Pearson correlation resulting in 𝑟 of 88.27% to 80.21% SMAPRPA against SMAPM for indicating that the small açudagem consequently brought a decrease in the regulated flow as confirmed by graphs 32 and 33. the decrease in the regulated flow is due to the fact that since 1960 there has been a great encouragement from the federal and state government to spread the small açudagem in an attempt to democratize access to water, and according to simulations made, there was a "loss" of water depth equivalent to 17mm of rain resulting in nearly 60 hm³ - 6.73% of the capacity of Araras - ceasing to flow into the weir Araras damaging future projections allocation and impacting the theoretical flow Q90 of 6.14 m³ / s, in addition to causing the feeling that in dry years the drought has been more intense than recorded by the responsible agency as these 60 hm³ be lost by evaporation without contributing anything to regularize flows as small açudagem has intranual character and not regularized.
Descrição: ALMEIDA, J. H. M. Avaliação do impacto da pequena açudagem na vazão regularizada de um reservatório estratégico. Estudo de caso: Açude Araras - CE. 2016. 389 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil: Recursos Hídricos) – Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21105
Aparece nas coleções:DEHA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_jhmalmeida.pdf19,62 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.