Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21157
Título: O menino sebosinho: a estratégica representação de infância na página Suricate Seboso
Título em inglês: Sebosinho boy: the strategic representation of childhood in the fanpage Suricate Seboso
Autor(es): Sales, João Victor Melo
Orientador(es): Sampaio, Inês Silvia Vitorino
Palavras-chave: Childhood
Strategies
Suricate Seboso (Facebook - Rede social on-line) – representação social
Representação social
Comunicação e cultura – regionalismo - Ceará
Imaginário social – regionalismo - Ceará
Data do documento: 2016
Citação: Sales, J. V. M.; Sampaio, I. S. V. (2016)
Resumo: Desde 2012, a página cearense Suricate Seboso alcançou sucesso no Facebook ao publicar tirinhas e memes que representam elementos do cotidiano regional com um estilo humorístico e regionalista. A maior parte dos posts aborda temáticas relativas à infância em seus conteúdos, por meio da construção estratégica de uma representação sobre essa categoria, sobretudo em torno da caracterização do personagem infantil Sebosinho. Esta pesquisa tem o objetivo de identificar os principais efeitos de sentido embutidos nas estratégias de construção dessa representação de infância no conteúdo da página. Com base em uma abordagem netnográfica (KOZINETS, 1998; GEERTZ, 2014; FRAGOSO; RECUERO; AMARAL, 2011), que leva em conta o modelo de circulação cultural de Richard Johnson (2010), a metodologia inclui a análise específica de 50 posts, de comentários publicados pelos internautas e de entrevistas concedidas pelos produtores. A análise dos posts selecionados buscou identificar os principais elementos representativos das gramáticas das culturas infantis (SARMENTO, 2004) que foram estrategicamente utilizados na edição dos conteúdos de forma a produzir certos efeitos de sentido no público. As discussões trabalham com os conceitos de efeito de sentido (CHARAUDEAU, 2010), estratégia (CERTEAU, 1996), representação (MOSCOVICI, 2004), infância (QVORTRUP, 2010), culturas infantis (SARMENTO, 2004; CORSARO, 2011), cultura lúdica (BROUGÈRE, 1997), formas simbólicas (THOMPSON, 1995), ethos (MAINGUENEAU, 1997), além das considerações de Lipovestky (2005) e Minois (2003) sobre humor, de Haesbaert (1999), Hall (2005) e Canclini (2008) sobre processos identificatórios e de Albuquerque Jr. (2003; 2006) e Carvalho (1994;2014) sobre regionalismo nordestino. A pesquisa destaca, sobretudo, três efeitos principais, que são fatores que ajudam a explicar o sucesso de público alcançado pela página: a produção de processos de identificação, a evocação do sentimento de nostalgia e a publicização do privado. Eles são produzidos não apenas sobre os internautas, mas também sobre os próprios produtores do conteúdo, os quais consistem em amadores que conquistaram visibilidade e lucro com suas atividades na internet, principalmente ao criarem uma representação de infância que reforça elementos referentes a segmentos da sociedade definidos por recortes de região, classe social, geração e gênero.
Abstract: Since 2012, the Suricate Seboso’s fanpage, from Ceará, a state located in Northeast Brazil, has gotten success in Facebook because it publishes comics and memes that represent elements from the regional quotidian by a humoristic and regionalist style. Most of the posts brings up subjects related to childhood in its contents, by the strategic construction of a representation about this category, mainly with the feature of the character Sebosinho, which is a child. The object of this research is to identify the main sense effects within the construction strategies of the childhood representation in the content of the fanpage. By an nethnographic approach (KOZINETS, 1998; GEERTZ, 2014; FRAGOSO; RECUERO; AMARAL, 2011), that considers the cultural circulation model by Richard Johnson (2010), the methodology includes the specific analysis of 50 posts, of comments published by the fans and of interviews gave by the producers. The selected posts’ analysis identified the main representative elements of the childhood culture’s grammar (SARMENTO, 2004) which were used strategically in the edition of the contents, producing some sense effects on the audience. The discussions work with the concepts of sense effect (CHARAUDEAU, 2010), strategy (CERTEAU, 1996), representation (MOSCOVICI, 2004), childhood (QVORTRUP, 2010), childhood cultures (SARMENTO, 2004; CORSARO, 2011), ludic culture (BROUGÈRE, 1997), symbolic forms (THOMPSON, 1995), ethos (MAINGUENEAU, 1997), besides the considerations of Lipovetsky (2005) and Minois (2003) about humor, the ideas of Haesbaert (1999), Hall (2005) and Canclini (2008) about identification processes, and the discussions of Albuquerque Jr. (2003; 2006) and Carvalho (1994; 2004) about the regionalism from Northeast Brazil. The research highlight principally three main effects, which are factors that help to explain the audience success of the page: the production of identification processes, the evocation of nostalgia feeling and the publicization of private elements. They aren’t produced only for the fans, but also for the own content producers, who are amateurs that got visibility and profit with their internet activities, mainly because they create a childhood representation that reinforce the elements referred to society’s segments defined by the section of region, social class, generation and gender.
Descrição: SALES, João Victor Melo. O menino sebosinho: a estratégica representação de infância na página Suricate Seboso. 2016. 174f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Instituto de Cultura e Arte, Programa de Pós-graduação em Comunicação Social, Fortaleza (CE), 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21157
Aparece nas coleções:PPGCOM - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_jvmsales.pdf13,66 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.