Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2128
Título: Avaliação do desenvolvimento neuromotor da criança de risco aplicando Harris Infant Neuromotor Test (HINT)
Título em inglês: Assessment of neuromotor development of children at risk by applying Harris Infant Neuromotor Test (HINT)
Autor(es): Lopes, Marcia Maria Coelho Oliveira
Orientador(es): Cardoso , Maria Vera Lúcia Moreira Leitão
Palavras-chave: Desenvolvimento Infantil
Testes Neuropsicológicos
Psicometria
Data do documento: 2011
Citação: LOPES, M. M. C. O. (2011)
Resumo: Avaliar o desenvolvimento infantil de crianças, por meio de escalas, constitui importante método para detectar alterações e indicar intervenções. Analisar a validação e aplicação do Harris Infant Neuromotor Test (HINT) na língua portuguesa em crianças de risco para atraso no desenvolvimento neuromotor na idade de três a doze meses, investigar o desenvolvimento neuromotor da criança, entre três e doze meses de idade aplicando o Harris Infant Neuromotor Test (HINT) na língua portuguesa e analisar a validade de construto do HINT por meio da associação do escore final com as variáveis neonatais da criança e as características sociodemográficas dos principais responsáveis pela criança. Estudo metodológico, quantitativo, realizado com 78 crianças egressas da UTIN de uma instituição pública e 76 pais/responsáveis, no período de fev/2009 a fev/2010, em Fortaleza-CE/BR. Aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa sob o protocolo nº 097/09. A coleta de dados constou de três avaliações para cada criança, por três examinadores e transcorreu de julho/2009 a agosto/2010. Na primeira avaliação, aplicamos o HINT que se compõe de quatro partes e um formulário para identificar dados sócio-demográficos dos responsáveis. Neste momento, cada criança foi avaliada e filmada, o que consideramos como segunda avaliação. Aproximadamente sessenta dias depois, realizamos a terceira avaliação. Os dados foram organizados no programa Excel 2007 e no PAWS versão 18, analisamos as propriedades psicométricas e correlações das variáveis. Os resultados mostraram que 48 (61,5%) crianças são do sexo masculino, 30 (38,5%), feminino, apenas quatro (5,2%) gemelares, predominando 58 (74,3%) partos abdominais. A idade gestacional variou de 32 a 41 semanas, denominando-se 55 (70,6%) pré-termos e o peso ao nascer, de 870 a 4.085g. Conforme a classificação do HINT, a média dos escores finais atingidos pelas crianças pré-termos variou de 14,6 a 25,2 e a termo 11,2 a 24,7. Na primeira avaliação quatro crianças pré-termos foram classificadas com desenvolvimento anormal e três suspeito. A confiabilidade interclasse mostrou excelente concordância, na primeira e terceira avaliação, tendo o ICC variado de 0,992 a 0,996. A confiabilidade interclasse entre os 21 itens do HINT apresentou péssima concordância apenas no item 5 – RTCA (Alpha de Cronbach = 0,137). A maioria dos itens apresentou Alpha de Cronbach acima de 0,900. A confiabilidade intraclasse apresentou excelente concordância, alpha de Cronbach entre 0,978 e 0,992. Quanto ao desenvolvimento neuromotor, os escores não apresentaram significância estatística quando comparados os grupos de crianças pré-termos e a termo (p>0,05). Apresentou correlação na primeira avaliação com a variável Apgar 5’ (p= 0,002). Na terceira, houve significância estatística com o número de pessoas no domicílio (p=0,022); Apgar 5’(p=0,026), IG/capurro (p=0,020). Quando comparadas às médias dos escores finais, identificamos valores estatisticamente significante para Apgar 5’ ( p=0,019/examinador 1), (p=0,008/ examinador 2), (p=0,014/examinador 3); com o número de pessoas no domicílio (p= 0,008/examinador 1), (p=0,009/examinador 2), (p=0,015/examinador 3). Concluímos que o HINT é um instrumento confiável e válido para avaliação do desenvolvimento neuromotor da criança de risco na idade de três a doze meses.
Descrição: LOPES, Márcia Maria Coelho Oliveira. Avaliação do desenvolvimento neuromotor da criança de risco aplicando Harris Infant Neuromotor Test (HINT). 2011. 155 f. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2128
Aparece nas coleções:DENF - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_tese_mmcolopes.pdf1,68 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.