Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21319
Título: Estudo do efeito antipsicótico do óleo essencial de Alpinia zerumbet em comparação ao antipsicótico atípico olanzapina em modelo experiental de esquizofrenia
Título em inglês: Study of antipsychotic effect of essential oil of Alpinia zerumbet compared to olanzapine atypical antipsychotic in model of schizopherina experiential
Autor(es): Araújo, Fernanda Yvelize Ramos de
Orientador(es): Gaspar , Danielle Macêdo
Palavras-chave: Alpinia
Esquizofrenia
Estresse Oxidativo
Data do documento: 22-Jan-2016
Citação: ARAÚJO, F. Y. R. ; GASPAR, D. M. (2016)
Resumo: A esquizofrenia é um transtorno psiquiátrico crônico, caracterizada pela presença de sintomas positivos, negativos e cognitivos. O modelo animal utilizando Cetamina (CET) é capaz de induzir a sintomatologia da doença, assim como provoca danos oxidativos com administrações repetidas. Os antipsicóticos tratam a sintomatologia, mas provocam efeitos colaterais como excessivo ganho de peso, comprometendo a adesão dos pacientes ao tratamento. Dada a necessidade de novas terapias a Alpinia zerumbet é uma planta cujo óleo essencial (OEAZ) vem apresentando importante efeito antipsicótico em publicações prévias de nosso grupo de pesquisa. Baseado nesta afirmativa o presente trabalho objetivou determinar os efeitos do OEAZ na prevenção e reversão dos sintomas positivos (teste de inibição pré-pulso - IPP), negativos (interação social - IS) e cognitivos (labirinto em Y) induzidos pela administração repetida de CET (25mg/kg), bem como avaliar alterações neuroquímicas como parte de seu mecanismo de ação: Glutationa reduzida – (GSH); Nitrito (medida indireta de óxido nítrico); Níveis do fator neurotrófico derivado do cérebro (BDNF); Interleucina- 6 (IL-6) e estudar os possíveis adversidades relacionadas ao efeito do óleo: eventos extrapiramidais (Catalepsia), alterações no peso corporal (PC). No protocolo de prevenção para simular um episódio agudo de esquizofrenia, camundongos machos foram previamente tratados com OEAZ 100 e 200 mg/kg (OEAZ 100 e OEAZ 200) ou Olanzapina 2 mg/kg (OLANZA) ou Salina (SAL) durante 7 dias, do 8° ao 14° dia CET foi acrescentada no tratamento. No protocolo de reversão (manutenção do tratamento) os animais foram previamente tratados com CET do 1° ao 7° dia e do 8° ao 14° dia o OEAZ 100 e 200 ou OLANZA ou SAL foram acrescentados de acordo com o grupo experimental. CET causou déficit na IPP, Interação social e no Labirinto Y, reduziu os níveis de GSH, Nitrito e BDNF, e aumentou o de IL-6. A CET reduziu a imobilidade na Catalepsia e aumentou o PC dos animais. O OEAZ 100 foi capaz de prevenir os déficits causados na IPP, IS e labirinto Y. O OEAZ 200 aumentou o tempo de IS. Na reversão o OEAZ 100 e 200 aumentaram o índice na IPP e labirinto –Y. OLANZA melhorou o índice na IPP, IS. OEAZ 100 preveniu aumentando os níveis de GSH no CPF (córtex pré-frontal) e CE (corpo estriado) e não alterou no HC (Hipocampo), na reversão, aumentou no CPF, HC, CE. O OEAZ 200 não foi significativo na prevenção, mas reverteu os baixos níveis de GSH nas três áreas. Nos níveis de Nitrito OEAZ 100 e 200 não preveniram, mas reverteram aumentando no HC e C.E. Quanto ao BDNF apenas o OEAZ 100 e a OLANZA foram capazes de aumentar os níveis na prevenção e reversão, a OLAZA só reverteu. Ambas as doses de OEAZ e OLANZA reduziram significativamente os níveis de IL-6. Na avaliação dos possíveis efeitos colaterais OEAZ 100 e 200 aumentaram discretamente o tempo de imobilidade dos animais. No PC a OLANZA aumentou acentuadamente, enquanto o OEAZ 100 e 200 aumentou e reduziu respectivamente na prevenção e atuaram de forma contrária na reversão. No geral o OEAZ apresentou uma atuação antipsicótica semelhante a OLANZA, prevenindo e revertendo os sintomas positivos, negativos e cognitivos DA esquizofrenia. Seu mecanismo envolve vias dopaminérgicas, neurotróficas e antioxidantes.
Abstract: Schizophrenia is a chronic psychiatric disorder characterized by the presence of positive, negative and cognitive symptoms. A widely used animal model involves repeated administration of ketamine (TEC) that induces the disease symptoms as well as causes oxidative damage. The Alpinia zerumbet is a plant whose essential oil (OEAZ) has shown important antipsychotic effect in previous studies of our research group. Based on this statement the present study aimed to determine the effects of OEAZ in the prevention and reversal of positive symptoms (pre-pulse inhibition test -PPI), negative (social interaction -SI) and cognitive (maze Y) induced by repeated administration of CET and to assess neurochemical changes as part of its mechanism of action: Reduced Glutathione - (GSH); Nitrite (indirect measurement of nitric oxide); Levels of brain-derived neurotrophic factor (BDNF); Interleukin-6 (IL-6) and to study the possible adversities related to the oil effect, extrapyramidal events (catalepsy), changes in body weight (BW). For the prevention protocol, male mice were pretreated with OEAZ 100 and 200 mg / kg (OEAZ 100 and OEAZ 200) or Olanzapine 2 mg / kg (OLANZA) or saline (SAL) for 7 days, from 8 ° to 14 ° CET was added. The reversal protocol the animals were pretreated with CET the 1st to the 7th day and 8 ° to 14 ° OEAZ 100 and 200 or OLANZA or SAL were added. CET caused deficit in the IPP, social interaction and the Labyrinth Y, reduced GSH levels, nitrite and BDNF, and increased IL-6. The CET has reduced immobility in catalepsy and increased PC of animals. The OEAZ 100 was able to prevent the PPI deficits caused, SI and Maze Y. OEAZ 200 increased the time SI. In reversing the OEAZ 100 and 200 increased the index in PPI and Y maze. OLANZA improved the index in the PPI, SI. 100 OEAZ prevented by increasing GSH levels in the CPF (prefrontal cortex) and CE (striatum) and did not alter the HC (hippocampus) in reversal, increased the CPF, HC, EC. The OEAZ 200 was not significant in preventing, but reverted low GSH levels in all three areas. In nitrite levels OEAZ 100 and 200 is not prevented, but reversed increasing the HC and CE Regarding BDNF only OEAZ 100 and OLANZA were able to increase the levels in the prevention and reversal, the Olaza only reversed. Both doses of OEAZ and OLANZA significantly reduced IL-6 levels. In the evaluation of possible side effects OEAZ 100 and 200 slightly increased immobility time of animals. On Pc OLANZA increased sharply, while the OEAZ 100 and 200 increased and reduced respectively in preventing and acted contrary to the reversal. Overall the OEAZ presented a similar performance to antipsychotic, preventing and reversing the positive, negative and cognitive symptoms. Its mechanism involves dopaminergic pathways, neurotrophic and antioxidants.
Descrição: ARAÚJO, F. Y. R. Estudo do efeito antipsicótico do óleo essencial de Alpinia zerumbet em comparação ao antipsicótico atípico olanzapina em modelo experiental de esquizofrenia. 2016. 104 f. Tese (Doutorado em Farmacologia) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21319
Aparece nas coleções:DFIFA - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_tese_fyraraujo.pdf1,27 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.