Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21350
Título: Análise sobre as emoções no livro Teoría de las emociones (Vigotski)
Título em inglês: Analysis of the emotions in the book Teoría de las emociones (Vigotski)
Autor(es): Costa, Áurea Júlia de Abreu
Pascual, Jesus Garcia
Palavras-chave: Emoções
Psicologia
Vigotski
Emotion
Psychology
Data do documento: 2012
Editor: Psicologia & Sociedade
Citação: Costa, A. J. A.; Pascual, J. G. (2012)
Resumo: O tratamento dado às emoções como objeto de investigação em psicologia transitou entre a negligência e a depreciação. Contudo, observamos atualmente o ressurgimento do interesse pelo estudo acerca dessa temática. Nesse contexto, consideramos pertinente retomar e discutir algumas contribuições de Vigotski concernentes às emoções. O presente trabalho buscou analisar aspectos apontados por Vigotski no manuscrito intitulado Teoría de las emociones – estúdio histórico-psicológico. Centramo-nos na crítica do autor ao dualismo que caracterizava tanto a teoria organicista das emoções (explicativa), quanto à apropriação puramente filosófica, idealista (descritiva) dessas. Discutimos ainda o possível entrave de cunho teórico-metodológico ao projeto de Vigotski de fundamentar a sua teoria nas contribuições do filósofo Espinosa: as divergências entre a perspectiva materialista histórico-dialética e o racionalismo/idealismo de Espinosa. Embora não tenha alcançado o seu objetivo de produzir uma teoria materialista-dialética das emoções, Vigotski inovou ao buscar integrar arte, ética e ciência em sua análise.
Abstract: As a topic of research in psychology, emotions were treated with neglect and depreciation. However, we observe today a resurgence of interest in research of this topic. We consider it appropriate to retake and discuss some contributions of Vigotski related to emotions. This paper examined aspects pointed on the book Teoría de las emociones - estudio histórico-psicológico. He commented the dualism present in the organic theory of emotions (William James and Carl Lange). He also criticized the philosophical theories of emotions. We also pointed out the possible hindrance to support his theory of emotions on the contributions of the philosopher Spinoza: differences between the historical-dialectical materialist outlook and Rationalism-idealism of Spinoza. Although the goal of building a dialectical-materialist theory of emotion has not been reached, Vigotski innovated since sought to integrate art, ethics and science in his analysis.
Descrição: COSTA, Áurea Júlia de Abreu; PASCUAL, Jesus Garcia. Análise sobre as emoções no livro Teoría de las emociones (Vigotski). Psicologia & Sociedade, Belo Horizonte, v. 24, n. 3, p. 628-637, 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21350
ISSN: 0102-7182 (impresso)
1807-0310 (online)
Aparece nas coleções:DPSI - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_art_jgpascual.pdf337,55 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.