Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21462
Título: Prospecção de metabólitos secundários citotóxicos oriundos de fungos marinhos isolados de sedimentos do litoral cearense
Título em inglês: Prospection of cytotoxic secondary metabolites isolated from marine derived fungi of Ceará coast sediments
Autor(es): Rodrigues, Bárbara Suellen Ferreira
Orientador(es): Oliveira, Maria da Conceição Ferreira de
Palavras-chave: Fungo marinho
Aspergillus terreus
Dichotomomyces cejpii
Atividade citotóxica
Terreína
Butirolactona I
Butirolactona II
Butirolactona V
6-hidroximeleína
Gliotoxina
Acetilgliotoxina G
Bis(detio)bis(metiltio)gliotoxina
Acetilgliotoxina
6-acetilbis(metiltio)gliotoxina
Fiscalina B
Data do documento: 2014
Citação: RODRIGUES, B. S. F. (2014)
Resumo: Este trabalho relata a investigação de fungos marinhos como produtores de metabólitos secundários citotóxicos frente à linhagem de células tumorais humanas HCT-116 – cólon. Os fungos investigados neste trabalho foram isoladas de sedimentos do litoral cearense, sendo trinta e cinco obtidos da praia do Mucuripe (BRF012-BRF046) e quarenta e oito da praia do Pecém (BRF047-BRF094). Todas as linhagens obtidas foram submetidas a cultivo em pequena escala (100 mL de meio batata-dextrose com água marinha sintética) durante quatorze dias. Após o período de cultivo, os meios de cultura foram particionados com acetato de etila (AcOEt) e os extratos orgânicos submetidos a ensaio de atividade citotóxica frente à linhagem de células cancerígenas HCT-116. Os fungos cujos extratos apresentaram o maior percentual de inibição do crescimento celular, BRF019 (95,5 %), BRF079 (100,0 %) e BRF082 (100,0 %), foram selecionados para fracionamento bioguiado dos seus extratos orgânicos. As análises filogenéticas destas linhagens levaram à identificação das mesmas como sendo Aspergillus terreus (BRF019) e Dichotomomyces cejpii (BRF079 e BRF082). BRF019 (A. terreus) foi cultivada duas vezes em grande escala (6 L e 12 L de meio). O fracionamento bioguiado dos extratos AcOEt, provenitentes do meio de cultura, levou ao isolamento de cinco substâncias: Terreína, butirolactonas I, II e V e 6-hidroximeleína. Todas essas substâncias já haviam sido relatadas na literatura para A. terreus e nenhuma apresentou atividade citotóxica quando ensaiada. BRF082 (D. cejpii) foi cultivada nas mesmas condições (15 L e 20 L de meio) de BRF019 (A. terreus). O fracionamento bioguiado do seu extrato AcOEt, proveniente do meio de cultura, levou ao isolamento da epipolitiodioxopiperazina gliotoxina e quatro análogos: Acetilgliotoxina G, bis(detio)bis(metiltio)gliotoxina, acetilgliotoxina, 6-acetilbis(metiltio)gliotoxina, além do alcaloide quinazolínico fiscalina B. Tais substâncias foram submetidas a ensaio de atividade citotóxica, cujos resultados obtidos levaram à atribuição da gliotoxina (IC50 1,02) e da acetilgliotoxina G (IC50 2,39) como responsáveis pela citotoxicidade do extrato AcOEt de D. cejpii.
Abstract: This thesis reports the investigation of marine fungi as producers of cytotoxic secondary metabolites against the human tumor cell line HCT-116 (colon). The fungal strains investigated in this study were isolated from sediments collected in Ceará coast, thirty-five of them from Mucuripe beach (BRF012-BRF046) and forty-eight from Pecém beach (BRF047-BRF094). All strains were subjected to small-scale cultivation (100 mL of potato-dextrose medium with synthetic sea water) during fourteen days. After the cultivation, the culture media were partitioned with ethyl acetate (EtOAc) and the organic extracts subjected to cytotoxic activity against the cancer cell line HCT-116. Strains that showed the highest percentage of cell growth inhibition, BRF019 (95.5%), BRF079 (100.0%) and BRF082 (100.0%), were selected for bioguided fractionation of the organic extracts. Phylogenetic analyses have identified them as Aspergillus terreus (BRF019) and Dichotomomyces cejpii (BRF079 and BRF082). BRF019 (A. terreus) was cultivated twice in a large scale (6 L and 12 L medium). The bioguided fractionation of EtOAc extracts from the culture medium led to the isolation of five compounds: Terrein, butyrolactone I, II and V, and 6-hidroxymelein. All of them have already been reported in the literature for A. terreus and none showed cytotoxic activity when bioassayed. BRF082 (D. cejpii) was cultivated under the same conditions (15 L and 20 L medium) of BRF019 (A. terreus). The bioguided fractionation of AcOEt extract from the culture medium led to the isolation of an epipolithiodioxopiperazin, gliotoxin, and four analogues: Acetylgliotoxin G, bis(dethio)bis(methylthio)gliotoxin, acetylgliotoxin, 6-acetylbis(methylthio)gliotoxin, besides the quinazolinic alkaloid fiscalin B. These compounds were tested for cytotoxic activity and suggested gliotoxin (IC50 1.02) and acetylgliotoxin G (IC50 2.39) as responsible for the cytotoxicity of the EtOAc extract of D. cejpii.
Descrição: RODRIGUES, Bárbara Suellen Ferreira. Prospecção de metabólitos secundários citotóxicos oriundos de fungos marinhos isolados de sedimentos do litoral cearense. 2014. 278 f. Tese (Doutorado em Química)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21462
Aparece nas coleções:DQOI - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_tese_bsfrodrigues.pdf13,12 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.