Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21471
Título: Otimização da logística reversa de medicamentos de uso humano vencidos e/ou em desuso no município de Fortaleza-CE.
Título em inglês: Optimization of reverse logistics of overdue and / or disused human medicines in the city of Fortaleza-CE.
Autor(es): Feitosa, Alexandra de Vasconcelos
Orientador(es): Aquino, Marisete Dantas de
Coorientador(es): Thomaz, Antônio Clécio Fontelles
Palavras-chave: Saneamento
Medicamentos - Descarte
Logística reversa
Meio ambiente
Data do documento: 22-Set-2016
Citação: FEITOSA, A. V. (2016)
Resumo: O monitoramento de fármacos residuais no meio ambiente vem ganhando grande interesse devido ao fato dessas substâncias serem frequentemente encontradas em diferentes matrizes ambientais. A facilidade de aquisição de medicamentos, a falta de informação sobre os danos causados e a ausência de pontos de coletas de medicamentos comprova a necessidade de promover medidas que busquem amenizar os problemas relacionados ao descarte incorreto de medicamentos de uso domiciliar. Uma dessas medidas é a implementação de sistemas de logística reversa de medicamentos, mediante retorno dos produtos após o uso pelo consumidor. Tais medidas são preconizadas na Política Estadual de Resíduos Sólidos do Estado do Ceará e por meio das Leis 15.192 e 9.927, ambas de 2016. O presente trabalho visou analisar o processo de logística reversa de medicamentos por meio da utilização de questionários semi-estruturados para os autores envolvidos no processo e otimizar o processo de logística reversa de medicamentos desenvolvendo uma metodologia de alocação de pontos de coletas de medicamentos na cidade de Fortaleza-CE utilizando programação linear. Os resultados apontam que o processo de logística reversa ocorre entre a indústria farmacêutica, as distribuidoras e as farmácias, sendo o processo ineficiente entre o consumidor final e a farmácia. O estudo mostrou que a forma de descarte de medicamentos mais usual pela população é o lixo comum (84,7%) e 0,5% da população entrevistada devolve as sobras dos medicamentos às farmácias. Em relação à consciência ambiental, 48,6% da população e 88,9% dos farmacêuticos entrevistados acreditam que o descarte incorreto de medicamento ocasiona problemas ambientais. A maioria das farmácias visitadas (97,2%) não possui programa de recolhimento de medicamentos vencidos e excedentes, mesmo com legislação específica no estado e município. Através da estatística e da modelagem matemática foi possível desenvolver uma metodologia que sugeriu 52 pontos de coletas seriam necessários para atender a demanda inicial da população do município de Fortaleza-CE para o recolhimento de medicamentos.
Abstract: The monitoring of residual drugs in the environment is gaining great interest due to the fact that these substances are frequently found in different environmental matrices. The ease of acquiring medicines, the lack of information about the damages caused and the lack of points of collection of medicines proves the need to promote measures that seek to alleviate the problems related to the incorrect disposal of medicines for home use. One of these measures is the implementation of reverse logistics systems for medicines, by returning products after use by the consumer. These measures are recommended in the State Solid Waste Policy of the State of Ceará and through Laws 15,192 and 9,927, both of 2016. The present work aimed to analyze the reverse logistics of medicines through the use of semi-structured questionnaires for Authors involved in the process and optimize the reverse logistics logistics process by developing a methodology for allocating drug collection points in the city of Fortaleza-CE using linear programming. The results indicate that the reverse logistics process occurs between the pharmaceutical industry, the distributors and the pharmacies, and the process is inefficient between the final consumer and the pharmacy. The study showed that the most common form of medication disposal by the population is the common waste (84.7%) and 0.5% of the population interviewed returns the leftovers from the medicines to the pharmacies. Regarding environmental awareness, 48.6% of the population and 88.9% of the pharmacists interviewed believe that the incorrect disposal of medication causes environmental problems. Most of the pharmacies visited (97.2%) do not have a program to collect overdue drugs and surpluses, even with specific legislation in the state and municipality. Through statistical and mathematical modeling it was possible to develop a methodology that suggested 52 collection points would be necessary to meet the initial demand of the population of the city of Fortaleza-CE for the collection of medicines.
Descrição: FEITOSA, A. V. Otimização da logística reversa de medicamentos de uso humano vencidos e/ou em desuso no município de Fortaleza-CE. 2016. 242 f. Tese (Doutorado em Engenharia Civil: Saneamento Ambiental) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21471
Aparece nas coleções:DEHA - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_tese_avfeitosa.pdf3,36 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.