Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21626
Título: Morfologia e funcionalidade da rede porosa de horizontes com e sem caráter coeso em solos de Tabuleiro Costeiro
Título em inglês: Morphology and functionality of the horizons of porous network with and without character cohesive in board coastal soils
Autor(es): Menezes, Ademir Silva
Orientador(es): Mota, Jaedson Claudio Anunciato
Palavras-chave: Estrutura do solo
Porosidade
Micromorfometria
Data do documento: 2016
Citação: MENEZES, A. S. (2016)
Resumo: O conhecimento sobre morfologia e funcionalidade da rede de poros é importante para o manejo de solos na agricultura. Partindo da hipótese de que horizontes com caráter coeso apresentam rede porosa distinta quanto à morfologia e funcionalidade no solo, em decorrência da grande quantidade de poros pequenos e, principalmente, por estarem orientados preferentemente na horizontal, o objetivo deste trabalho foi avaliar a morfologia, funcionalidade e orientação dos poros em horizontes coesos e não coesos de textura franco-argiloarenosa e franco-arenosa em Tabuleiro Costeiro do estado do Ceará, Brasil. Foram coletadas amostras com estrutura preservada nas posições (horizontal e vertical) dos horizontes coeso e não coeso de Argissolo Vermelho-Amarelo Distrófico típico (PVAd) e Argissolo Amarelo Eutrocoeso abrúptico (PAex). Para as análises micromorfométrica as amostras foram coletadas em caixa de papel cartão com dimensões de 0,12 x 0,07 x 0,04 m. Avaliou-se a granulometria, densidade do solo, porosidade, permeabilidade ao ar, comprimento médio de poros, curva de retenção, resistência à penetração e micromorfometria. Foi considerado o delineamento inteiramente casualizado, em fatorial 2 x 2 (Bt coeso e Bt não coeso; duas posições de coleta: horizontal e vertical) com sete repetições. Os dados foram submetidos aos testes de Shapiro-Wilk, F e de Tukey, todos com um intervalo de confiança de 95%. A densidade do solo para os coesos foi estatisticamente superior a dos não coesos no PVAd e no PAex. A porosidade em horizontes coesos foi significativamente menor do que a observada para os horizontes não coesos em ambos os solos. Os microporos do horizonte coeso em diferentes posições no PVAd não diferem significativamente entre si. Concluiu-se que horizontes com caráter coeso apresentam rede porosa distinta quanto à morfologia e funcionalidade no solo; a rede porosa dos horizontes coesos é mais eficiente horizontalmente, com predomínio de poros arredondados; os poros nos horizontes com caráter coeso são menos funcionais que os dos horizontes sem caráter coeso.
Abstract: The knowledge on morphology and function of the pore network is important for the management of soils in the agriculture. Assuming that horizons with cohesive character have different porous network due to the large amount of small pores and especially for being horizontally oriented, the aim of this work was to compare the morphology, functionality and orientation of the pores in cohesive and non-cohesive horizons of clayey-sandy loam and sandy loam texture in coastal boards of Ceará state, Brazil. Samples of cohesive and non-cohesive horizons were collected from Argissolo Vermelho-Amarelo Distrófico típico (PVAd) and Argissolo Amarelo Eutrocoeso abrúptico (PAex) with preserved structure in horizontal and vertical positions. For micromorphometric analyzes, the samples were collected in cardboard box with dimensions of 0.12 x 0.07 x 0.04 m. Evaluations of particle size, bulk density, porosity, air permeability, average length of pores, retention curve, penetration resistance and micromorphometrics were made. It was considered a completely randomized design in a factorial 2 x 2 (cohesive Bt and Bt non-cohesive; two collection positions: horizontal and vertical) with seven replicates. The data were submitted to Shapiro-Wilk, F and Tukey tests, all with a 95% confidence interval. The density of the soil for Cohesive was statistically superior to non-cohesive in PVAd and PAex. The porosity in cohesive horizons was significantly lower than that observed for non-cohesive on both soils. The micropores of the cohesive horizon at different positions in PVAd do not differ significantly. It was concluded that horizons with cohesive character have different porous network as the morphology and functionality in the soil; the porous network of cohesive horizons is more efficient horizontally, with a predominance of rounded pores; the pores in the horizons with cohesive character are less functional than the horizons without cohesive character.
Descrição: MENEZES, Ademir Silva. Morfologia e funcionalidade da rede porosa de horizontes com e sem caráter coeso em solos de Tabuleiro Costeiro. 2016. 73 f. Dissertação (Mestrado em Solos e Nutrição de Plantas)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21626
Aparece nas coleções:PPGASNP - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_asmenezes.pdf4,55 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.