Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21647
Título: Avaliação in vitro do potencial anticárie de selantes resinosos e ionoméricos contendo digluconato de clorexidina
Título em inglês: Evaluation in vitro of the anticaria potential of resinal and ionomeric selantes containing chlorexidine digluconate
Autor(es): Vieira, Pedro Henrique Acioly Guedes Peixoto
Orientador(es): Rodrigues, Lidiany Karla Azevedo
Palavras-chave: Biofilmes
Cárie Dentária
Cimentos de Ionômeros de Vidro
Clorexidina
Placa Dentária
Selantes de Fossas e Fissuras
Streptococcus mutans
Data do documento: 13-Dez-2016
Citação: VIEIRA, P. H. A. G. P. RODRIGUES, L. K. A. (2016)
Resumo: Os selantes são materiais adesivos aplicados em cicatrículas e fissuras para prevenir in loco o início do processo de cárie ou interromper sua progressão. A clorexidina (CLX) é um agente antimicrobiano de amplo espectro, cuja incorporação tem sido testada em diversos materiais odontológicos. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito in vitro da incorporação de digluconato de clorexidina (DC) a 0,5% sobre as propriedades anticárie de um selante resinoso (SR) e um selante ionomérico quimicamente ativado (SI). O efeito da incorporação de CLX na rugosidade dos materiais também foi avaliado. Blocos de esmalte dentário bovino (8x8x4 mm) com preparos cavitários foram restaurados utilizando o selante, de acordo com os grupos: SR (Bioseal®-grupo controle), SRDC (Bioseal® + 0,5% de DC), SI (Riva Protect ®) e SIDC (Riva Protect ® + 0,5% de DC). Para a indução de cárie em esmalte, utilizou-se um modelo microbiológico de formação de biofilme de S. mutans durante cinco dias, sendo três blocos de cada grupo para cada triplicata experimental. O efeito antimicrobiano foi avaliado através da contagem de UFCs (unidades formadoras de colônia), análise do peso seco e microscopia confocal. Para avaliar a desmineralização, os blocos foram analisados por microdureza longitudinal do esmalte em 50 μm e 100 μm da margem de restauração. Além disso, para cada grupo experimental, corpos de prova de todos os grupos foram analisados quanto ao seu padrão de rugosidade de superfície. Os dados foram analisados utilizando ANOVA (dois fatores), com nível de significância de 5%. SR apresentou menos UFCs quando comparado a SI (p=0,004). Em relação ao peso seco, SR foi menor que o SI (p=0,006). Na análise de dureza à 50 µm, menor desmineralização foi observada para os grupos com ionômero quando comparados àqueles com resina (p<0,001), assim como entre os grupos com CLX quando comparados aos grupos sem CLX (p=0,026). Na distância de 100 µm, os grupos com ionômero apresentaram uma menor desmineralização quando comparados àqueles com resina (p<0,001). A rugosidade em SI foi superior a SR, tanto antes (p=0,032) quanto após a exposição ao biofilme cariogênico (p<0,001). De forma geral, os dados de microscopia confocal a laser (MCLS) forneceram informações condizentes com a eficácia da incorporação de CLX favorecendo a atividade antimicrobiana dos selantes resinosos quando comparada ao selantes ionoméricos. Os materiais ionoméricos têm um maior efeito anticárie, no entanto a incorporação de DC parece ser mais eficaz e necessária quando da utilização de selantes resinosos.
Abstract: Sealants are materials applied to scars and fissures to prevent onset the onset of the caries process or interrupt its progression. Chlorhexidine (CLX) is a broad spectrum antimicrobial agent whose incorporation has been tested in various dental materials. The objective of this study was to evaluate the in vitro effect of the incorporation of chlorhexidine digluconate (DC) at 0.5% on the properties of a resinous sealant (SR) and a chemically activated ionomeric sealant (SI). The effect of the incorporation of CLX on the roughness of the materials was also evaluated. (Bioseal®-control group), SRDC (Bioseal® + 0.5% DC), SI (Riva Protect®) and SIDC (Riva Protect®) + 0.5% of DC). For an enamel caries induction, a microbiological model of S. mutans biofilm formation was used for five days, three blocks of each group for each experimental triplicate. The antimicrobial effect was evaluated by counting UFCs (colony forming units), dry weight analysis and confocal microscopy. To evaluate the demineralization, the blocks were analyzed by longitudinal microhardness of the enamel at 50 μm and 100 μm of the restoration margin. In addition, for each experimental group, test specimens from all groups were analyzed for their surface roughness pattern. Data were analyzed using ANOVA (two factors), with significance level of 5%. SR presented fewer CFUs when compared to SI (p = 0.004). Regarding dry weight, SR was lower than SI (p = 0.006). In the analysis of hardness at 50 μm, lower demineralization was observed for groups with ionomer when compared to those with resin (p <0.001), as well as between groups with CLX when compared to groups without CLX (p = 0.026). In the distance of 100 μm, the groups with ionomer showed a lower demineralization when compared to those with resin (p <0.001). The roughness in SI was superior to SR, both before (p = 0.032) and after exposure to cariogenic biofilm (p <0.001). In general, confocal laser microscopy (MCLS) data provided information consistent with the efficiency of CLX incorporation favoring the antimicrobial activity of resinous sealants when compared to ionomeric sealants. The ionomeric materials have a higher anticaryeffect, however the incorporation of DC seems to be more effective and necessary when using resinous sealants.
Descrição: VIEIRA, P. H. A. G. P. Avaliação in vitro do potencial anticárie de selantes resinosos e ionoméricos contendo digluconato de clorexidina. 2016. 76 f. Dissertação (Mestrado em Microbiologia Médica) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21647
Aparece nas coleções:DPML - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_phagpvieira.pdf1,37 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.