Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21777
Título: Análise do desenvolvimento do processo de autorregulação por alunos com deficiência intelectual: implicações dos princípios de mediação de Feuerstein na intervenção pedagógica tutorada
Autor(es): Viana, Flávia Roldan
Orientador(es): Gomes, Adriana Leite Limaverde
Palavras-chave: Psicologia cognitiva
Deficientes mentais - Educação – Fortaleza
Intervenção Pedagógica
Mediation
Tutored educational intervention
Data do documento: 2016
Citação: Viana, F. R.; Gomes, A. L. L. (2016)
Resumo: A tese objetivou analisar a manifestação da autorregulação em alunos que apresentam deficiência intelectual. Para isso, se investigou, no contexto da proposição de jogos didáticos-pedagógicos, os aspectos envolvidos em uma intervenção pedagógica tutorada, fundamentada nos princípios de mediação de Feuerstein, que poderiam potencializar o desenvolvimento da autorregulação como componente metacognitivo. O quadro teórico se apoiou na perspectiva sociointeracionista, e abrangeu cinco categorias conceituais: O sujeito com deficiência intelectual e seus processos de aprendizagem, Metacognição, Autorregulação, Mediação e Jogos em contextos de mediação na intervenção pedagógica tutorada, no favorecimento da autorregulação. Adotou-se a metodologia fundamentada nos pressupostos de uma pesquisa de caráter quase-experimental. O estudo de campo desenvolveu-se no período de agosto de 2015 a junho de 2016, contou com a participação de três sujeitos com diagnóstico de deficiência intelectual, e organizou-se em duas fases. A fase 1, Exploração da pesquisa de campo, subdividiu-se em três etapas: Pesquisa exploratória; Seleção de sujeitos; e Estudo Piloto (aplicado com quatro sujeitos com deficiência intelectual); e a fase 2, Desenvolvimento da pesquisa de campo (contou com a participação de três sujeitos com deficiência intelectual acompanhados nas Salas de Recursos Multifuncionais de duas escolas públicas), também subdividida em três etapas: Traçando perfis: avaliação cognitiva e pré-teste (avaliação da autorregulação); Sessões de intervenção pedagógica tutorada; e Avaliação do pós-teste. A análise de dados organizou-se em duas categorias: A influência dos princípios de mediação de Feuerstein sobre o avanço conceitual de alunos que apresentam deficiência intelectual; Manifestação de estratégias metacognitivas autorregulatórias em alunos com deficiência intelectual por meio do uso de jogos no contexto de uma intervenção pedagógica tutorada. Verificou-se que, a mediação, fundamentada nos princípios de Feuerstein, possibilitou que os sujeitos participantes demonstrassem capacidade de alcançar um nível de complexidade elaborado no desenvolvimento de estratégias metacognitivas de autorregulação, as quais promoveram o processo de autorregulação nas situações de aprendizagem. Constatou-se que, ao longo das sessões tutoradas de intervenções, eles passaram a estabelecer objetivos, usar diferentes estratégias metacognitivas de autorregulação, autocontrolar o próprio desempenho, gerenciar o tempo para concluir a atividade, e antecipar resultados dos jogos. Conclui-se que é fundamental oportunizar aos alunos com deficiência intelectual situações de aprendizagens, que promovam o diálogo com o mundo de significados, tornando-os ativos e sujeitos de sua aprendizagem, para que apreendam informações e se conscientizem de sua própria aprendizagem. As contribuições deste estudo residem na compreensão de que sujeitos que apresentam deficiência intelectual se beneficiam da mediação, e, portanto, são capazes de desenvolverem estratégias de autorregulação diante de situações de aprendizagens desafiadoras. Para isso, é necessário conceder a esses sujeitos a oportunidade de estabelecerem e seguirem seus objetivos pessoais, assim como de criarem as suas situações de aprendizagem.
Descrição: VIANA, Flavia Roldan. Análise do desenvolvimento do processo de autorregulação por alunos com deficiência intelectual: implicações dos princípios de mediação de Feuerstein na intervenção pedagógica tutorada. 2016. 319f. - Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Educação Brasileira, Fortaleza (CE), 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21777
Aparece nas coleções:PPGEB - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_tese_frviana.pdf7,53 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.