Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21942
Título: Slavoj Zizek: sujeito, saber científico e do inconsciente e ato educativo
Autor(es): Rech, Hildemar Luiz
Palavras-chave: Sujeito
Saber inconsciente
Conhecimento científico
Ato educativo
Data do documento: 2012
Editor: Revista Dialectus
Citação: Rech, H. L. (2012)
Resumo: No cerne do enfoque lacaniano de Zizek, o sujeito da enunciação inconsciente tem prevalência sobre o sujeito do enunciado, tornando o sujeito cindido. Embora desde as formações inconscientes, o sujeito é um efeito da linguagem, ele ademais comporta uma relação espinhosa com toda a cadeia de significantes. De modo semelhante, o sujeito hegeliano também não é auto-identificado e transparente em termos de sua consciência, visto que inclui um elemento de não-identidade. Quanto ao binômio saber inconsciente e conhecimento científico, o primeiro faz emergir falhas e furos que põe em xeque a consistência/totalidade da ciência moderna, apontando para o não-todo e a negatividade implícita em todo o saber. Por fim, a emancipação social implica o ato político e educativo de superação das coordenadas gerais do “status quo”.
Abstract: In the core of the lacanian approach of Zizek, the subject of unconscious enunciation is prevalent regarding to the subject of enunciate, which makes the own subject divided. Taking into account the unconscious formations, even if the subject is an effect of language in them, the own subject embraced also an uncomfortable and thorny relationship with the significant unconscious linguistic network. Otherwise, the Hegelian subject is also not auto-identified and transparent in his consciousness, since it includes a non-identity component. As regards the binomial combining, unconscious knowledge and scientific knowledge, the first of them makes appear holes, faults and gaps which call into questioning the consistency/totality of modern science, pointing to the implicit non-totality and negativity in all kind of knowledge. Finally, social emancipation implies a political and educational action, aiming to overcome the general coordinates of the “status quo”.
Descrição: RECH, Hildemar Luiz. Slavoj Zizek: sujeito, saber científico e do inconsciente e ato educativo. Revista Dialectus, Fortaleza, ano 1, n. 1, p. 193-210, jul./dez. 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21942
ISSN: 2317-2010
Aparece nas coleções:PPGEB - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_art_hlrech.pdf1,89 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.