Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22208
Title in Portuguese: Estudo da correlação entre a imuno-expressão de tnf- α, nf-кb, cox-2, e ki67 com fatores prognósticos em carcinomas orais
Title: 121/5000 Study of the correlation between the expression of tnf-α, nf-κb, cox-2, and ki67 with prognostic factors in oral carcinomas
Author: Dantas, Thinali Sousa
Advisor(s): Sousa, Fabrício Bitu
Keywords: Carcinoma de Células Escamosas
Inflamação
Prognóstico
Fator de Necrose Tumoral alfa
Sobrevida
Issue Date: 13-Feb-2017
Citation: DANTAS, T. S. Estudo da correlação entre a imuno-expressão de tnf- α, nf-кb, cox-2, e ki67 com fatores prognósticos em carcinomas orais. 2017. 72 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
Abstract in Portuguese: O câncer representa uma doença de grande preocupação devido à sua alta incidência e elevada mortalidade, sendo, atualmente, considerado como a segunda maior causa de morte no mundo. Na cavidade oral, o carcinoma de células escamosas é a neoplasia maligna de maior prevalência. O tratamento desse tumor está diretamente relacionado ao seu estadiamento, porém, a cada dia, as pesquisas focam na descoberta de biomarcadores que possam auxiliar na determinação do prognóstico para essa neoplasia. Portanto, este estudo propõe avaliar a imuno-expressão de importantes marcadores inflamatórios, assim como a proteína de transcrição nuclear e marcador de proliferação celular, correlacionando-os com fatores prognósticos nos carcinomas de boca. Para isso, foi realizado um estudo retrospectivo com pacientes com Carcinomas de Células Escamosas em boca, no período de 2011 a 2016, no qual foram avaliados os prontuários para coleta de dados sociodemográficos e clínico-patológicos, além da utilização das peças cirúrgicas dos mesmos para realização de imuno-histoquímica, por meio de TMA para marcadores inflamatórios (TNF-α e COX-2), de transcrição (NF-кB) e proliferação celular (Ki67). A imuno-marcação foi avaliada de maneira qualitativa e quantitativa através do software ImageJ, e os dados foram correlacionados com os fatores prognósticos e sobrevida dos pacientes, obtida através da diferença entre a data de óbito e a data do início do tratamento realizado, expressa em meses. Observou-se que a imuno-expressão negativa e fraca de TNF-α em tumor primário influenciou, melhorando a sobrevida dos pacientes e que este marcador está associado positivamente de maneira significativa, à expressão moderada e intensa dos outros marcadores estudados tanto em tumor primário como em tecido perilesional e metástase linfonodal. Apesar de COX-2, NF-кB e Ki67 não apresentarem, separadamente, relação com a melhora ou piora da sobrevida.
Abstract: Cancer is a disease of great concern due to its high incidence and high mortality and is currently considered the second largest cause of death in the world. In the oral cavity, squamous cell carcinoma is the most prevalent malignant neoplasm. The treatment of this tumor is directly related to its staging, but, every day, the research focuses on the discovery of biomarkers that may help in the determination of the prognosis for this neoplasia. Therefore, this study proposes to evaluate the immunoexpression of important inflammatory markers, as well as nuclear transcription protein and cell proliferation marker, correlating them with prognostic factors in oral carcinomas. A retrospective study was carried out with patients with squamous cell carcinomas in the mouth from 2011 to 2016, in which the medical records were collected for the collection of socio-demographic and clinical-pathological data, as well as the use of the surgical pieces of the same for Immunohistochemistry, through TMA for inflammatory markers (TNF-α and COX-2), transcription (NF-κB) and cell proliferation (Ki67). Immuno-tagging was evaluated qualitatively and quantitatively using ImageJ software, and data were correlated with prognostic factors and patient survival, obtained by the difference between the date of death and the date of initiation of the treatment, expressed in Months. It was observed that the negative and weak TNF-α immunoexpression in primary tumor influenced, improving the survival of patients and that this marker is positively associated with a moderate and intense expression of the other markers studied in both primary tumor and In perilesional tissue and lymph node metastasis. Although COX-2, NF-κB and Ki67 do not show any relationship to improvement or worsening of survival.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22208
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DCOD - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_dis_tsdantas.pdf2,14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.