Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22214
Título: Estabilidade, serviço público e transformações do mundo laboral: articulações a partir da experiência dos servidores do Poder Judiciário do Ceará
Título em inglês: Stability, public service and transformations of the labor world: articulations from the experience of the servants of the Judicial Power of Ceará
Autor(es): Barros, Edgla Maria Costa
Orientador(es): Aquino, Cássio Adriano Braz de
Palavras-chave: Relações trabalhistas – Servidores públicos - Fortaleza(CE)
Ceará. Tribunal de Justiça - Servidores públicos
Serviço Público – Aspectos sociais – Fortaleza(CE)
Stability
Public Service
Data do documento: 2012
Citação: Barros, E. M. C.; Aquino, C. A. B. (2012)
Resumo: As transformações do mundo laboral têm revelado um cenário cada vez mais distinto do que prevaleceu até os anos de 1970, quando as mudanças econômicas e sociais ganharam destaque. O anseio de muitos brasileiros por trabalhar no serviço público, e mais especificamente a busca pela estabilidade profissional gerou um questionamento sobre as justificativas para esta crescente demanda. Pressupondo uma relação entre este movimento em direção aos concursos públicos e a uma insatisfação com o cenário de precarização laboral vivenciado na iniciativa privada, nos propusemos a investigar a importância do trabalho e da estabilidade laboral. Indagamos se a busca pelo serviço público é uma alternativa encontrada pelo trabalhador a essa precarização identificada, de forma mais explícita, no contexto privado. A presente pesquisa orienta-se por este questionamento. A metodologia utilizada, de natureza qualitativa, norteia-se segundo o objetivo geral “como a estabilidade laboral é percebida pelos servidores do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará?” Assim a pesquisa foi desenvolvida junto Tribunal de Justiça do Ceará, localizado na cidade de Fortaleza (CE). A coleta de dados compreendeu entrevistas individuais com os servidores públicos da instituição, entre os meses de março e abril de 2012. Participaram da pesquisa cinco servidores disponibilizados pela administração do referido órgão público. Os dados gerados foram analisados a partir da proposta de Análise de Conteúdo Temática de Laurence Bardin, com o auxílio do software de análise qualitativa Atlas TI 5.2. Foram obtidas categorias que foram analisadas e correlacionadas durante a discussão dos resultados. Ao final do estudo percebe-se que uma série de fatores, de acordo com as particularidades das histórias profissionais e pessoais, e não apenas um elemento isolado, justifica a opção pelo serviço público. Porém um fator comum aos discursos colhidos foi a relação entre a estabilidade, a precarização do trabalho e a opção pelo serviço público. A estabilidade é vista como uma forma de se sentirem protegidos frente a precarização do trabalho que atinge de forma mais visível o emprego privado e também a possibilidade de planejamento financeiro, no campo pessoal e profissional, que a estabilidade permite. Percebe-se que muitos projetos futuros estão atrelados a possibilidade concreta de saber que a estabilidade garante um planejamento de prazo mais longo que aquele obtido por situações instáveis de vinculo laboral. A pesquisa contou com o fomento de bolsa da CAPES.
Descrição: BARROS, Edgla Maria Costa. Estabilidade, serviço público e transformações do mundo laboral: articulações a partir da experiência dos servidores do Poder Judiciário do Ceará. 2012. 96f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22214
Aparece nas coleções:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_dis_emcbarros.pdf458,68 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.