Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2242
Título: Subjetividade, solidariedade e trabalho: a construção dos sentidos do trabalho no contexto da economia solidária
Título em inglês: Subjectivity, solidarity and work: construction of meaning of work in the context of solidarity economic
Autor(es): CARVALHO, Clarissa de Fátima Nobre
Orientador(es): AQUINO, Cássio Adriano Braz de
Palavras-chave: Mundo do trabalho
Precarização laboral
Economia Solidária
Sentidos do trabalho
World of work
Labor Insecurity
Solidarity Economy
Meaning of labor
Psicologia social
Economia social
Trabalho - Aspectos psicológicos
Trabalho - Aspectos sociais
Data do documento: 2011
Editor: http://www.teses.ufc.br
Resumo: O mundo do trabalho contemporâneo é perpassado por um cenário de profundas metamorfoses, exemplificado pela mudança nas relações laborais, cada vez mais dinâmicas e competitivas; no mercado de trabalho, onde se proliferam as terceirizações, subcontratações, desemprego; e nos modos de organização e produção, centrados predominantemente, no capital. Entre as estratégias de enfrentamento dos modelos de precarização laboral e alternativas de geração de renda, chama a atenção a proliferação das organizações solidárias, que se pautam em valores bastante distintos daqueles mais difundidos na sociedade atual, tais como cooperação, ajuda mútua, tomada de decisões democráticas. Esta especificidade motivou a realização desta pesquisa, a qual teve como objetivo geral compreender os sentidos atribuídos ao trabalho por membros de empreendimentos pautados nos princípios da Economia Solidária. A pesquisa foi realizada a partir da percepção dos próprios trabalhadores associados sobre esta realidade laboral e teve por pressupostos teóricos as ideias apresentadas por autores como Antunes (1995), Castel (2005), Singer (2002) e Vygostky (2001). A metodologia utilizada para a consecução dos objetivos propostos seguiu o referencial qualitativo, e a coleta dos dados foi realizada por meio de entrevistas individuais semiestruturadas. O material discursivo colhido, por sua vez, foi analisado tomando por base a Análise de Conteúdo proposta por Bardin (1977). Os dados analisados apontaram que a inserção nesses empreendimentos provoca um impacto positivo nos sentidos atribuídos ao trabalho, embora permaneçam referências à noção do trabalho com carteira assinada como garantia dos direitos e proteções a ele associados.
Abstract: The contemporary world of work is permeated by a backdrop of profound transformations, exemplified by the change in labor relations, increasingly dynamic and competitive, labor market, which spread into the outsourcing, subcontracting, and modes of organization and production, predominantly centered in the capital. Among the coping strategies of the models of precarious employment and alternative income generation, draws attention to the proliferation of solidarity organizations, which are based on values very different from those most widely used in today\'s society, such as cooperation, mutual aid, democratic decision-making. This specificity motivated this research, which aimed to understand the general meanings attributed to work by members of enterprises based on the principles of Solidarity Economy. The research was conducted from the standpoint of the workers associated themselves and had the theoretical ideas presented by authors such as Antunes (2000), Castel (2005), Singer (2002) and Vygotsky (2001). The methodology for achieving goals followed the referential quality and data collection was conducted through individual interviews. The discursive material collected, in turn, was analyzed based on Content Analysis proposed by Bardin (1977). The data analyzed showed that inserting these projects brings a positive impact on the meanings attributed to work, while remaining references to the notion of working with a formal contract as a guarantee of rights and labor protections.
Descrição: CARVALHO, Clarissa de Fátima Nobre. Subjetividade, solidariedade e trabalho: a construção dos sentidos do trabalho no contexto da economia solidária. 2011. 82f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Universidade Federal do Ceará, Departamento de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Fortaleza-CE, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2242
Aparece nas coleções:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_dis_CDFNCarvalho.PDF383,09 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.