Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22487
Título: Fatores motivacionais e os idosos em atividades laborais
Autor(es): Trigueiro, Bitante, Alessandra Preto Francisco Mirialdo Chaves
Kubo, Oliva, Eduardo de Camargo Edson Keyso de Miranda
Palavras-chave: Idosos - Aposentadoria
Idosos - Envelhecimento
Data do documento: 2016
Editor: Carlos Adriano Santos Gomes
Citação: TRIGUEIRO, F. M. C.; BITANTE, A. P.; KUBO, E. K. M.; OLIVA, E. C. (2016)
Resumo: O envelhecimento da população é algo notório praticamente no mundo inteiro e no Brasil, as estimativas apontam que em 2050 haverá três vezes mais pessoas com mais de 60 anos do que em relação a 2015. No contexto de atividade laboral, as pesquisas apontam que os idosos que continuam a trabalhar são mais saudáveis, felizes e ativos, desenvolvendo menos doenças e ainda colaborando com a sociedade. Para este estudo foi feita uma pesquisa descritiva de natureza quantitativa, baseada em uma pesquisa de campo com 270 idosos, no município de São Caetano do Sul, que possui um programa voltado para a Terceira Idade intitulado “Experiência em Ação”. Observou-se a existência de dois clusters de idosos, caracterizados como mais solitários e menos solitários, que enfatizam a sensação de produtividade, o aumento da renda, a valorização social, a aplicação de conhecimentos adquiridos, autoestima e bem-estar e gosto pelo trabalho.
Abstract: The aging population is something prominent around the world and in Brazil assessments show that by 2050 the population over 60 years old will be three times greater than in 2015. Within the context of labor activity, research indicates that the elderly who continue to work are healthier, happier and more active, developing fewer diseases and collaborating more with society. This study relies on a descriptive research of quantitative nature, based on field survey with 270 elderly in São Caetano do Sul city, that holds a programa towards elderly called “Experience in Action”. It was observed the existence of two clusters of aging people, characterized as more solitary and less solitary, that emphasize the feeling of productivity, increase of income, social valorization, the application of acquired knowledge, self-esteem and well-being and taste for work.
Resumo em espanhol: El envejecimiento de la población es algo prominente en todo el mundo y en Brasil evaluaciones muestran Que el año 2050 la población mayor de 60 años de edad será tres veces mayor que en 2015. En el contexto de la actividad laboral, la investigación indica Que los ancianos que sigue trabajando son más saludables , más feliz y más activa, desarrollo de un menor número de enfermedades y colaborar más con la sociedad. Este estudio se basa en una investigación descriptiva de carácter cuantitativo, basado en el estudio de campo con 270 adultos mayores de São Caetano do Sul, ciudad, Que tiene un programa para ancianos llamado "Experiencia en Acción". Se observó la existencia de dos grupos de personas de edad avanzada, caracterizada por el más solitario y menos solitaria, Que hacer hincapié en la sensación de la productividad, aumento de los ingresos, la valorización sociales, la aplicación de los conocimientos adquiridos, la autoestima y el bienestar y el sabor es trabajo.
Descrição: TRIGUEIRO, Francisco Mirialdo Chaves; BITANTE, Alessandra Preto; KUBO, Edson Keyso de Miranda; OLIVA, Eduardo de Camargo. Fatores motivacionais e os idosos em atividades laborais. Contextus: Revista Contemporânea de Economia e Gestão, Fortaleza , v.14, n.3, p.94-116, set./dez. 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22487
Aparece nas coleções:FEAAC - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_art_fmchavestrigueiro.pdf567,92 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.